You are currently browsing the category archive for the ‘Aldeia de Santo António’ category.

Os grupos parlamentares do PSD e do CDS apresentaram um projecto de lei com a reorganização administrativa do território cuja discussão em plenário está agendada para a próxima quinta-feira, dia 6 de Dezembro. A iniciativa reproduz a proposta da Unidade Técnica para a Reorganização Administrativa Territorial.

Concelho do Sabugal - Reforma das Freguesias - 2012 - Mapa Blogue Capeia Arraiana

(clique na imagem para ampliar.)

A proposta dos partidos que suportam o governo aponta para que as freguesias a agregar mantenham a sua existência até às eleições gerais para os órgãos das autarquias locais de 2013, momento em que será eficaz a sua cessação jurídica.
A aprovação do projecto de lei e a sua entrada em vigor implicará que a preparação das listas às eleições autárquicas tenha já em conta as agregações decididas.
Segundo a proposta conjunta PSD/CDS, o concelho do Sabugal ficará com 30 freguesias, menos 10 do que aquelas que actualmente possui, o que resultará da criação de sete novas freguesias por agregação:
– União das Freguesias de Sabugal e Aldeia de Santo António;
– União das freguesias de Santo Estêvão e Moita;
– União das Freguesias de Pousafoles do Bispo, Penalobo e Lomba;
– União das Freguesias de Ruvina, Ruivós e Vale das Éguas.
– União das Freguesias de Seixo de Côa e Valongo;
– União das Freguesias de Aldeia da Ribeira, Vilar Maior e Badamalos;
– União das Freguesias de Lageosa e Forcalhos.
No prazo de 90 dias após a instalação dos órgãos que resultem das eleições, a assembleia de freguesia delibera a localização da sede. Porém, na ausência de deliberação, a localização das sedes das freguesias a agregar no concelho do Sabugal será: Aldeia de Santo António, Santo Estêvão, Pousafoles, Ruvina, Seixo do Côa, Vilar Maior e Lageosa.
Os dois partidos que suportam o governo afirmam que a reforma é um antigo e histórico anseio e que no concreto resulta do memorando de entendimento assinado com a Troika, que determina a redução significativa das autarquias locais. Aumentar a eficiência e reduzir custos são outro dos motivos avançados pelos dois partidos para a reforma.
plb

Anúncios

O Capeia Arraiana está a publicar as contratações da Câmara Municipal do Sabugal e de outras entidades que, por ajuste directo, envolvam o concelho sabugalense entre Janeiro e Novembro de 2012. As regras da contratação pública previstas no Código dos Contratos Públicos aplicam-se a todo o sector público administrativo tradicional: o Estado, as Autarquias Locais, as Regiões Autónomas, os Institutos Públicos, as Fundações Públicas, as Associações Públicas e as Associações de que façam parte uma ou várias pessoas colectivas referidas anteriormente.

MAIO DE 2012

:: 02-05-2012 ::
Descrição: Repavimentação e drenagem nas Estradas Municipais.
Adjudicante: Município do Sabugal
Adjudicatário: Chupas & Morrão – Construtores de Obras Públicas, S.A.
Preço Contratual: 13.950,00 €

:: 07-05-2012 ::
Descrição: Controlo da qualidade da água das Termas do Cró – Análises microbiológicas.
Adjudicante: Município do Sabugal
Adjudicatário: Unidade Local de Saúde da Guarda
Preço Contratual: 5.980,00 €

:: 08-05-2012 ::
Descrição: Aquisição de equipamento informático e de rede, para o Centro de Estudos Jesué Pinharanda Gomes.
Adjudicante: Município do Sabugal
Adjudicatário: RIS 2048 – Sistemas Informáticos e Comunicações, Lda.
Preço Contratual: 7.872,00 €

:: 09-05-2012 ::
Descrição: Contrato de prestação de serviços de continuidade para o Sistema Integrado de Gestão de Bibliotecas – Mind Prisma.
Adjudicante: Município do Sabugal
Adjudicatário: MIND-Software Multimédia e Industrial, S.A.
Preço Contratual: 1.848,00 €

:: 14-05-2012 ::
Descrição: Aquisição de serviços para Boletim e Agenda Municipal.
Adjudicante: Município do Sabugal
Adjudicatário: Litorraia – Litografia e Publicidade da Raia, Lda.
Preço Contratual: 5.100,00 €

:: 14-05-2012 ::
Descrição: Reformulação do Data Center da C.M. Sabugal – Rede Digital de Educação e do Conhecimento.
Adjudicante: Município do Sabugal
Adjudicatário: JORINF – Informática e Telecomunicações, Lda.
Preço Contratual: 68.471,00 €

O Código dos Contratos Públicos criou o Observatório das Obras Públicas e o sistema de informação dos contratos de bens e serviços, incumbindo-os de acompanhar e avaliar a contratação pública. São ferramentas essenciais para o aperfeiçoamento de opções e para a promoção de boas práticas.
jcl

A proposta formulada pela Unidade Técnica para a Reorganização Administrativa do Território (UTRAT) aponta para várias agregações de freguesias no concelho do Sabugal, passando o mesmo das actuais 40 para apenas 30 freguesias.

Concelho do Sabugal - Reforma das Freguesias - 2012 - Mapa Blogue Capeia Arraiana

(clique na imagem para ampliar.)

O Sabugal junta-se a Aldeia de Santo António, passando a constituir uma única freguesia.
O mesmo acontece-se com Santo Estêvão e Moita.
Outra união é entre as freguesias de Pousafoles, Penalobo e Lomba, que se reúnem numa só.
Também Ruvina, Ruivós e Vale das Éguas passam a uma só freguesia.
Seixo de Côa e Valongo juntam-se igualmente, agregando neste caso as duas margens do rio Côa.
Na raia, Aldeia da Ribeira, Vilar Maior e Badamalos também se juntam numa só freguesia.
Lageosa e Forcalhos são as outras duas freguesias da raia que se agregam.
A proposta mexe em todas as 11 freguesias com mesmos de 150 habitantes e ainda na do Sabugal e de Aldeia de Santo António, cuja junção a UTRAT justifica com o facto de serem contíguas, partilharem a albufeira do Sabugal e passarem a, juntas, perfazerem 2741 habitantes, reforçando assim demograficamente a sede do concelho.
Nas restantes agregações a UTRAT justifica-se com a homogeneidade do território, com a existência de legações rodoviárias directas, a pouca distância entre os agregados populacionais e a criação de um maior equilíbrio demográfico.
Recorda-se que a Assembleia Municipal do Sabugal se pronunciou contra a reorganização administrativa do território do concelho.
plb

A Câmara Municipal do Sabugal está há longo tempo a negociar a aquisição de um prédio urbano tendo em vista livrar a paisagem da sua presença inestética.

Trata-se de um edifício erigido em blocos de cimento, inacabado, sem qualquer reboco, que durante anos acolheu uma oficina de reparação de automóveis. Actualmente acumula entulho, os vidros janelas estão partidos, o mato cresce-lhe no interior, parecendo uma casa fantasma.
Implantado no cruzamento onde se toma a estrada para a Aldeia de Santo António, a Urgueira e a aldeia histórica de Sortelha, o prédio devoluto causa má impressão e polui a paisagem. Essa é a razão pela qual o Município tenta adquirir o terreno, como forma de assim livrar a estrada de tal empecilho. Mas o tempo passa com sucessivas propostas e contrapropostas.
Porém, informou-nos quem sabe, que o acordo está prestes a ser alcançado, por uma verba que poderá rondar os 45 mil euros. Assim sendo, presumimos que a breve trecho haverá condições para que o colosso inestético seja erradicado do cruzamento da estrada de Sortelha.
plb

Manuel Leal Freire - Capeia Arraiana«Poetando» é a coluna de Manuel Leal Freire no Capeia Arraiana, na qual a cada domingo vai publicando poemas inéditos, cada um dedicado a uma aldeia do concelho do Sabugal. Este Município raiano, um dos maiores do País em termos de extensão territorial, tem 40 freguesias, algumas delas com anexas, sendo no total exactamente 100 (cem) o número das localidades do concelho do Sabugal. Nesta edição o escritor e poeta bismulense dedica um soneto a Aldeia de Santo António, freguesia vizinha à ciadade do SabugaL. No próximo domingo será editado o poema relativo à anexa Alagoas, outra terra sita do lado sul do concelho e na banda esquerda do rio Côa.

ALDEIA DE SANTO ANTÓNIO

A Flos Sanctorum não regista nome
Com tais ressaibos á linguagem lusa
E que embora mero cognome
Corresse mundo em forma tão profusa

Fernando de Bulhões ganhou renome
Que aos séculos se impôs de sem recusa
O tempo o enriquece, e não consome
Por mais destroços que o mal produza

De Pádua, de Pavia ou de Lisboa
A fama tanto ecoa que ressoa
E é do orbe todo património

Em sés de oiro e mármore aeropago
Ou de rurais igrejas mero orago
É sempre o mesmo o nosso Santo António

«Poetando», Manuel Leal Freire

A sétima etapa da 74ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta, que se realiza a 23 de Agosto, terá a meta no Sabugal, cidade onde os ciclistas passarão por duas vezes antes de aí terminarem a etapa.

Mais de 100 quilómetros da etapa, num total de 185, serão percorridos no concelho do Sabugal, numa autêntica «volta ao concelho».
Os ciclistas sairão de Gouveia onde e seguirão para a Guarda, tomando depois a estrada nacional 16 até ao Alto do Leomil, onde tomarão a estrada para o Sabugal. Entrarão no concelho do Sabugal pela Cerdeira, passando depois no Peroficós, Rapoula do Côa e Quintas de São Bartolomeu. Passam pelo Sabugal sem parar, seguindo para Santo Estêvão, Terreiro das Bruxas e Casteleiro. Dali seguirão para a aldeia histórica de Sortelha, de onde prosseguirão para a Urgueira e Aldeia de Santo António, para depois passarem pelo Sabugal pela segunda vez, de onde rumarão a Rendo, Vila Boa, Nave, Alfaiates, Soito, Quadrazais, Colónia, chegando depois ao Sabugal pela terceira e derradeira vez, onde cortarão a meta.
Nesta sétima etapa os ciclistas contarão com maiores dificuldades na escalada à cidade da Guarda. Depois o pelotão terá pela frente um percurso embelezado pelas ricas paisagens do planalto raiano e pela passagem na aldeia histórica de Sortelha, em cuja subida os ciclistas, vindos do vale da Quarta-Feira, sentirão também algumas dificuldades.
O Sabugal que, que no ano passado foi local de partida da Volta, recebe este ano, pela primeira vez, um final de etapa.
A edição deste ano da Volta começa em Castelo Branco e termina em Lisboa, sendo no total 11 dias de prova (em Agosto) e 10 etapas (1.606,8 km):
Dia 15: Prólogo (CRI), Castelo Branco – Castelo Branco, 2 km.
Dia 16: 1.ª etapa, Termas de Monfortinho – Oliveira do Hospital, 200,8 km.
Dia 17: 2.ª etapa, Oliveira do Bairro – Trofa, 190,7 km.
Dia 18: 3.ª etapa, Vila Nova de Cerveira – Fafe, 176,1 km.
Dia 19: 4.ª etapa, Viana do Castelo – Mondim de Basto (Senhora da Graça), 151,9 km.
Dia 20: 5.ª etapa, Armamar – Oliveira de Azeméis, 176,9 km.
Dia 21: 6.ª etapa, Aveiro – Viseu, 186,1 km.
Dia 22: Descanso.
Dia 23: 7.ª etapa Gouveia – Sabugal, 185,3 km
Dia 24: 8.ª etapa, Guarda – Alto da Torre, 154,9 km.
Dia 25: 9.ª etapa (CRI), Pedrógão – Leiria, 32,6 km.
Dia 26: 10.ª etapa, Sintra – Lisboa, 149,5 km.

A prova contará com mais de uma centena de ciclistas de 16 equipas de vários países: Andalucia-Coldeportes (Colômbia), Andalucia (Espanha), Caja Rural (Espanha), Saur-Sojasun (Espanha), Unitedhealthcare (EUA). Carmim-Prio (Portugal), Efapel-Glassdrive (Portugal), LA-Antarte (Portugal), Onda (Portugal), Funvic-Pindamonhangaba (Brasil), Orbea Continental (Espanha), Burgos BH.Castilla y Leon (Espanha), Itera-Katusha (Rússia), Lokosphinx (Rússia), Team Bonitas (África do Sul), MTN Qhubeka (África do Sul).
plb

A firma sabugalense Ricardo & Ricardos inaugurou novas instalações, sitas na entrada do Sabugal, na estrada da Guarda.

As novíssimas instalações da empresa sedeada na Aldeia de Santo António, foram construídas de raiz e ocupam um espaço amplo, com óptima localização, ao lado da rotunda onde foi instalado o monumento evocativo à Batalha do Sabugal.
Trata-se de um espaço comercial com zonas de armazenagem, que seguiu um projecto arquitectónico que se enquadra na perfeição ao espaço envolvente. Evitando a tradicional forma rectilínea, as instalações, sem perderem funcionalidades, têm uma forma exterior estilizada, o que representa uma inovação a nível regional.
Trata-se sobretudo de um espaço multifuncional, com área comercial, armazém (coberto e ao ar livre), escritórios, restaurante e parques de estacionamento.
O mérito é da família Ricardo, constituída por gente trabalhadora e empreendedora que com este projecto decidiu investir no Sabugal mais de um milhão e meio de euros, apostando no reforço da sua projecção comercial na região. Outra aposta que o novo espaço potencia é a da afirmação do franchising Big Mat, que a firma sabugalense representa e que se baseia num conceito de loja de materiais de construção, ferramentas, bricolage, decoração e jardim. O Big Mat disponibiliza nas novas instalações uma gama de produtos totalmente adaptada às necessidades e às exigências da população da localidade onde se insere. O novo espaço permite a optimização da superfície de venda, em loja multifuncional, garantindo uma grande facilidade na escolha, dentro da ideia de maior proximidade para com o cliente.
O Big Mat é um grupo francês muito implantado em Espanha, que escolheu o Sabugal e Chaves, no Norte, para iniciar o seu lançamento em Portugal.
É de grande importância para a região este investimento da prestigiada firma sabugalense Ricardo & Ricardos, que para mais ocorre em tempo de crise, numa aposta em contra-corrente, dando um importante sinal de confiança na capacidade da região em expandir a economia, criando condições para o desenvolvimento.
O investimento é inteiramente privado e não beneficiou dos tão procurados financiamentos a fundo perdido, constituindo pois um risco que os empresários correm por sua conta.
plb

A Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António vai realizar, no dia 8 de Junho, sexta-feira, pelas 9 horas, no seu auditório, o primeiro Encontro de IPSS do concelho do Sabugal.

Segundo o presidente da Liga de Amigos, Joaquim Ricardo, «o encontro terá como principal finalidade acentuar a importância da visão estratégica das instituições tendo como meta a qualidade dos serviços prestados, sensibilizando não apenas directores técnicos mas também, e principalmente, os seus dirigentes».
Estão convidados para apresentação das temáticas do programa o padre Lino Maia, Presidente da Comissão Nacional de Instituições de Solidariedade, e o director do Centro Regional de Solidariedade Social da Guarda, José
Albano Marques.
O padre Lino Maia fará uma primeira intervenção de fundo acerca do tema «Visão estratégica para as IPSS». A intervenção de José Albano Marques, que se seguirá, estará subordinada ao tem «Uma aposta necessária». Seguir-se-á um debate livre, em que todos poderão participar.
A organização manifesta a «esperança que a iniciativa contribua para a melhoria dos serviços prestados pelas IPSS do concelho, com rumo à excelência qualitativa já que este sector de actividade constitui um dos principais pilares da actividade económica».
plb

O PSD alcançou um resultado histórico no distrito da Guarda elegendo três dos quatro deputados e alterando o tradição equilíbrio (2 e 2) entre os PSD e o PS. O PSD venceu em todos os concelhos do distrito da Guarda tendo alcançado no concelho do Sabugal 3472 votos (48,20%) contra 2004 (27,82%) do PS.

No círculo eleitoral da Guarda o Partido Social Democrata elegeu três deputados – Manuel Meirinho, Carlos Peixoto e Ângela Guerra – e o Partido Socialista apenas um deputado – Paulo Campos – ficando de fora, como grande derrotado da noite, José Albano que se posicionava em segundo lugar. O distrito da Guarda elege quatro deputados e tradicionalmente têm sido divididos entre os sociais-democratas e os socialistas.
Manuel Meirinho em declarações à agência Lusa considerou que a candidatura do PSD alcançou «um resultado histórico». O Partido Social Democrata, liderado pelo politólogo independente, alcançou 46,32 por cento dos votos, elegendo três deputados. Já o PS conseguiu 28,31 por cento dos votos e elegeu apenas um deputado, o que já não ocorria desde 1995, altura em que os dois partidos passaram a eleger dois deputados cada.
«É um resultado histórico para o distrito, que expressa o esforço feito numa campanha de proximidade junto das pessoas, séria e serena, muito transparente e muito sóbria», afirmou à Lusa Manuel Meirinho, eleito deputado pelo distrito da Guarda, tal como Carlos Peixoto e Ângela Guerra. Segundo Manuel Meirinho, os eleitores do distrito «preferiram a seriedade a uma campanha feita de forma agressiva e com algum vazio do ponto de vista das ideias» e garantiu que o partido trabalhou para obter «uma grande vitória».
Quanto ao facto de a lista distrital ter sido liderada por um independente, disse que a «mistura» de militantes e de independentes «mostra aos eleitores que os partidos são estruturas abertas».

ELEIÇÕES LEGISLATIVAS  –  5-6-2011
DISTRITO DA GUARDA

CONCELHO DO SABUGAL  –  FREGUESIA A FREGUESIA
Águas Belas Aldeia da Ponte Aldeia da Ribeira Aldeia S.António Aldeia do Bispo
Aldeia Velha Alfaiates Badamalos Baraçal Bendada
Bismula Casteleiro Cerdeira Fóios Forcalhos
Lageosa da Raia Lomba Malcata Moita Nave
Penalobo Pousafoles Quadrazais Quintas S. B. Rapoula do Côa
Rebolosa Rendo Ruivós Ruvina Sabugal
Santo Estêvão Seixo do Côa Sortelha Soito Vale das Éguas
Vale de Espinho Valongo do Côa Vila Boa Vila do Touro Vilar Maior

(Clique nas imagens para ampliar.)

jcl

A necessidade de alertar as populações para o perigo de incêndio no verão que se aproxima levou a GNR, através do Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) a executar um programa de prevenção que passa por diversas sessões de esclarecimento, que também passam pelo concelho do Sabugal.

A principal preocupação é com a necessidade de limpar os terrenos em redor de casas isoladas e de povoações envolvidas por floresta ou por mato.
O Comando Territorial da GNR da Guarda está já no terreno para esclarecer os principais factores ligados à prevenção de incêndios florestais e à defesa da floresta. As acções fazem-se no quadro do Plano Distrital de Prevenção relativo a aglomerados populacionais, edificações isoladas e perímetros florestais.
O SEPNA está a proceder ao levantamento das situações de maior risco, de modo a alertar para a necessidade de uma intervenção urgente. Ao mesmo tempo os homens da GNR estão já no terreno a exercer também a acção fiscalizadora, verificando as situações de flagrante incumprimento da legislação em vigor.
Entre Janeiro e Maio deste ano, o SEPNA levantou 29 autos a particulares que não procederam à limpeza dos terrenos, salientou o tenente-coronel Silva Lourenço à Lusa, acrescentando que houve ainda outros casos detectados que foram «relatados e enviados à entidade administrativa competente» para que sejam accionados os mecanismos legais que conduzam à eventual aplicação de coima.
«Há casos em todos os concelhos do distrito da Guarda», disse ainda o responsável da GNR.
Uma primeira acção foi efectuada em Aldeia de Santo António, concelho do Sabugal, no dia 19 de Maio, onde foram explicados procedimentos mais comuns, como em situações de incumprimento de limpeza de terrenos, investigação de incêndio, recolha de água para análise e fiscalização de pescadores na albufeira da barragem da Senhora da Graça, no Sabugal.
O SEPNA da Guarda dispõe de um total de 47 homens, que será em breve reforçado com mais dois elementos.
Na área de competência do SEPNA da Guarda incluem-se os Parques Naturais da Serra da Estrela e do Douro Internacional e a Reserva Natural da Serra da Malcata.
No concelho do Sabugal o SEPNA tem ainda agendadas outras acções de sensibilização durante as próximas semanas. As sessões ainda previstas acontecerão às 21h00, nas Juntas de Freguesias de Fóios (a 26 de Maio), Águas Belas (a 2 de Junho), Casteleiro (a 9 de Junho) e Nave (a 16 de Junho).
plb

No concelho do Sabugal apenas três escolas do primeiro ciclo do ensino básico cumprirão, no próximo ano lectivo, os critérios do Ministério da Educação para poderem continuar abertas. As escolas com menos de 20 alunos poderão ter de fechar, mau grado a Câmara do Sabugal estar empenhada em o evitar.

Para o ano lectivo 2011/2012 o executivo camarário aprovou por unanimidade, na reunião de 2 de Março passado, manter a deliberação tomada nos anos anteriores de não concordar com o encerramento de escolas no concelho. A razão prende-se com o investimento feito nos últimos anos nas diversas escolas e com o encargo financeiro assumido com a rede de transportes escolares.
O concelho do Sabugal terá no próximo ano lectivo 315 alunos no ensino básico. A Escola Básica do Sabugal, com 155 alunos, a do Soito, com 41, e a de Aldeia de Santo António, com 21, são as únicas que cumprem o critério governamental para poderem continuar a funcionar.
Mau grado a posição assumida pela Câmara, as restantes oito escolas, não terão alunos suficientes para poderem garantir manter-se de portas abertas.
Em pior posição está Vila Boa, que prevê ter apenas sete alunos. Surgem depois Aldeia da Ponte, que terá 10, Bendada e Rapoula, que terão 11, Aldeia Velha, com 13, Ruvina e Santo Estêvão, ambas com 15, e a Cerdeira, com 16.
A Carta Educativa do Concelho do Sabugal, aprovada na Assembleia Municipal de 27 de Abril de 2007, prevê que o concelho venha a ter quatro centros educativos: na Bendada, no Sabugal (a construir de raiz), no Soito e na Cerdeira (junto com a Ruvina). Teme-se porém que o processo de despopulação do concelho, continue a fazer diminuir de tal forma o número de crianças nas aldeias, que nem para esses centos existam alunos.
Bem revelador do problema parece ser o facto de nem as duas escolas ligadas à Liga dos Servos de Jesus, situadas na Cerdeira e na Ruvina, conseguirem garantir o cumprimento dos critérios exigidos pelo ministério da Educação para a sua continuidade.
plb

Faleceu ontem, dia 10 de Novembro, em Lisboa, o Engenheiro Eurico Afonso Liberal, cujo funeral acontecerá na tarde de hoje em Aldeia de Santo António, no concelho do Sabugal.

José Manuel Carvalho PereiraFormado em Engenharia Civil e membro da Ordem dos Engenheiros, Eurico Afonso Liberal foi quadro superior da Direcção Geral da Aeronáutica Civil, desde a sua fundação (actual ANA – Aeroportos e Navegação Aérea). Exerceu funções no sector da construção e ampliação de aeroportos e aeródromos do país, e foi fundador da Obra Social do Ministério das Obras Públicas e Comunicações.
Era natural o distrito de Aveiro, casando porém com Maria Cândida Lavajo, natural da Urgueira, freguesia de Aldeia de Santo António, filha do Dr Manuel Lavajo, prestigiado proprietário do concelho do Sabugal que tinha casas de lavoura no Escabralhado e na Urgueira.
plb

Realizou-se no domingo, 29 de Agosto, a inauguração em Aldeia de Santo António de mais uma obra de arte que embeleza e simboliza a freguesia.

(Clique nas imagens para ampliar.)

O monumento é composto por uma edificação de pequenas casas que querem representar habitações da nossa freguesia com traça antiga. O autor e escultor, Augusto Tomás, desenhou também um grande arco-íris, que na Bíblia, é o símbolo da Aliança entre Deus e o Seu povo. O monumento tem também iluminação nocturna que muito o embeleza. Os focos das luzes estão apontados aos dois grandes Carvalhos ali existentes dando-lhes um efeito maravilhoso.
Esta inauguração contou com a presença de um número significativo de participantes, onde agradeço desde já a toda a população local que ali se deslocou para apreciar esta obra de arte que nos orgulhamos de ter à entrada da nossa sede de freguesia.
Agradeço também a presença da representação da Câmara Municipal do Sabugal na pessoa do Sr. Vereador, Dr. Joaquim Ricardo, filho da freguesia e do Chefe de Gabinete, Vítor Proença. Contámos também com a presença do prior da Freguesia, Padre Dinis, que nos presenteou com umas bonitas palavras, que muito lhe agradeço pois trazem sempre uma mensagem de vida e esperança.
Quero também agradecer ao executivo anterior, na pessoa da antiga Presidente, Delfina Alves, que iniciou esta obra, concluída pelo executivo actual, que seguramente se tornará num símbolo para a nossa freguesia.
Convido desde já todos os sabugalenses e visitantes do concelho do Sabugal a fazerem uma visita ao local que contém, além do monumento, mesas, bancos e uma pequena fonte para que quem passe possa parar, apreciar e quem sabe, degustar o seu lanche num local muito agradável.
Nuno Mota
(Presidente da Junta de Freguesia de Aldeia de Santo António)

A 10.ª edição da colectânea «Direito Tributário» da autoria do sabugalense Joaquim Ricardo vai ser colocada à venda pelo Grupo Editorial Vida Económica a partir do dia 20 de Agosto.

Direito Tributário - Joaquim Ricardo

O Grupo Editorial Vida Económica prepara-se para distribuir a 10.ª edição do manual «Direito Tributário», actualização 2010, da autoria do sabugalense Joaquim Ricardo.
As 1520 páginas da colectânea de legislação com notas e remissões actualizados incluem princípios fiscais, contencioso e procedimentos tributários, tributação de rendimento, tributação do consumo, tributação do património, legislação complementar e doutrina administrativa.
O manual destina-se principalmente a Técnicos Oficiais de Contas, funcionários da DGCI, consultores fiscais, gerentes e quadros de empresas e profissionais liberais como advogados e solicitadores que necessitam de uma informação completa e actualizada. Edição especialmente recomendada para todos aqueles que necessitam de actualizar os seus conhecimentos no âmbito do sistema fiscal e do direito tributário processual e profissionais que se relacionem com questões fiscais.
Para além das alterações decorrentes do Orçamento do Estado para 2010, inclui as alterações em sede de IVA, IRS e IRC adoptadas no âmbito das medidas de austeridade e de redução do défice público e as novas alterações introduzidas ao Código do IRS e ao Estatuto dos Benefícios Fiscais, no âmbito do regime de tributação das mais-valias mobiliárias (Lei n.º 15/2010, de 26 de Julho).
O autor apoia-se, de forma inovadora, nas novas tecnologias e notifica, por via electrónica, as alterações e actualizações aos utilizadores do «Direito Tributário».
Reconhecidos fiscalistas comentam o manual de Joaquim Ricardo de forma elogiosa.
«O livro é consultado em todas as repartições de finanças do País. A compilação num só volume de toda a legislação fiscal relevante, permite assim, simplificar as tarefas de busca, nomeadamente das normas que complementam os grandes códigos em matéria fiscal.» (Vítor Conceição Negrais.)
«Obra anual completa que contém todos os códigos e mais legislação fiscal em vigor.» (Rogério Fernandes Ferreira.)
Em declarações ao Capeia Arraiana o autor destacou as principais vantagens da sua obra. «Permite consultar num só volume toda a legislação fiscal, é actualizada sempre que necessário na Internet e tem uma nova edição todos os anos», começou por explicar Joaquim Ricardo destacando a «importância da remissão nos artigos e as abundantes anotações e comentários ao longo das cerca de 1500 páginas».
O primeiro volume resultou de um curso de fiscalidade com mais de 300 horas que o autor deu no ISMAI na cidade da Maia.
«O curso foi muito frequentado e tive alunos muito interessados que provocaram em mim a necessidade de transformar a sebenta das aulas em manual que pudesse ser facilmente utilizado nas repartições de finanças», recorda Joaquim Ricardo, reputado técnico de finanças e actual vereador da Câmara Municipal do Sabugal nascido em Aldeia de Santo António.
As encomendas podem ser feitas para o Grupo Editorial Vida Económica pelo correio electrónico: encomendas@vidaeconomica.pt
jcl

O Moinho do Ti Zé Ricardo na margem esquerda do Rio Côa um pouco antes de chegar à ponte tem sido palco de muitas noites de confraternização e amizade no Sabugal. Os sempre simpáticos anfitriões tudo fazem para que tudo corra bem e os seus amigos se sintam à vontade. «Já temos uma agenda do moinho para quando nos telefonam a marcar uma borga», dizia-nos com um largo sorriso o Tó Ricardo uma destas noites quando nos juntámos à festa da primeira comunhão do filho do Zé Carlos Ricardo. São momentos bons com gente boa num belíssimo local enquadrado com o Castelo e o Côa.

GALERIA DE IMAGENS – 29-5-2010
Fotos Capeia Arraiana – Clique nas imagens para ampliar

O programa «Jardineiros de Palmo e Meio» – Plantação de Áreas Ardidas da Câmara Municipal do Sabugal levou as crianças do Jardim de Infância e Escola EB1 de Aldeia de Santo António e de outros estabelecimento de ensino do concelho a participar numa acção de reflorestação nas áreas ardidas pelos incêndios do Verão do ano passado.

Clique nas imagens para ampliar

Decorreu na tarde de terça-feira, 23 de Março, na freguesia de Aldeia de Santo António o programa de reflorestação do município integrado na iniciativa «Jardineiros de Palmo e Meio».
Para esta iniciativa os responsáveis contaram com a participação de cerca de 40 crianças que frequentam as escolas da freguesia (Jardim de Infância e Escola EB1) e com mais 70 crianças que vieram de outros pontos do concelho.
Estiveram igualmente presentes técnicos da Câmara Municipal, jardineiros e uma equipa dos Bombeiros Voluntários do Sabugal, totalizando mais de 150 participantes.
Foram plantados cerca de 350 carvalhos, tendo o proprietário, para enorme satisfação dos organizadores, afirmado que iria completar a reflorestação daquela área ardida com cerca de um hectare, totalizando cerca de 1500 árvores.
Esperamos todos que esta iniciativa seja um pequeno impulso para a reflorestação das áreas consumidas pelos fogos no nosso concelho.
A Junta de Freguesia de Aldeia de Santo António agradece a colaboração de todos os participantes especialmente dos mais pequenos.
Nuno Mota
Presidente da Junta de Freguesia de Aldeia de Santo António

No passado sábado, 20 de Março, inserido na iniciativa Limpar Portugal / Sabugal Concelho Limpo, a Freguesia de Aldeia de Santo António também deu o seu contributo, tendo reunido mais de 15 voluntários para ajudar nas operações de limpeza das lixeiras a céu aberto que existiam na nossa freguesia.

Clique nas imagens para ampliar

Tendo como cenário uma manhã chuvosa, agradeço aos participantes pela sua vontade de limpar ainda que em condições uma pouco adversas. Foram limpas três lixeiras a céu aberto, que permitiram o cenário diferente nestes locais. Destes três locais removeram-se seis carrinhas de lixo, sendo que ainda restaram alguns detritos de construção civil uma vez que não dispusemos de melhores meios para a limpeza ser total.
No final houve ainda tempo para um pequeno almoço convívio, com um churrasco, onde todos os intervenientes da actividade participaram.
Um Bem Haja a Todos!
Nuno Mota
(Presidente da Junta de Freguesia de Aldeia de Santo António)

A Junta de freguesia de Aldeia de Santo António, em parceria com a Câmara Municipal, vai simbolicamente «reflorestar» uma área queimada pelo grande incêndio registado no verão passado, que consumiu mais de 60 por cento da floresta existente nesta freguesia. A iniciativa integra-se no programa municipal denominado «Jardineiros de Palmo e Meio».

Sabugal - Concelho LimpoA iniciativa vai decorrer durante o mês de Março mas começou a ser preparada logo após os incêndios com a plantação simbólica de uma semente por cada criança do concelho nos viveiros.
A Junta de freguesia da Aldeia de Santo António, logo se associou a esta iniciativa que visa contribuir para a alteração de comportamentos menos correctos em termos ambientais e sensibilizar os mais jovens para a problemática dos incêndios. Foi para isso disponibilizado um terreno queimado com cerca de um hectar, o qual está a ser preparado, pela Junta, para que as crianças possam fazer a sua acção de reflorestação.
Esperamos que com esta iniciativa se consiga convencer os proprietários que viram as suas plantações e terrenos ser consumidos pelas chamas, a curto prazo, possam fazer o mesmo nestas áreas ardidas, pois é um triste cenário aquele que agora encontramos nestes locais.
Nuno Mota
(Presidente da Junta de Freguesia de Aldeia de Santo António)

CÂMARA MUNICIPAL – Resultados finais no Concelho do Sabugal.

ELEIÇÕES PARA AS AUTARQUIAS LOCAIS – 11-10-2009

CÂMARA MUNICIPAL DO SABUGAL

CONCELHO DO SABUGAL – FREGUESIA A FREGUESIA
Águas Belas Aldeia da Ponte Aldeia da Ribeira Aldeia S.António Aldeia do Bispo
Aldeia Velha Alfaiates Badamalos Baraçal Bendada
Bismula Casteleiro Cerdeira Fóios Forcalhos
Lageosa da Raia Lomba Malcata Moita Nave
Penalobo Pousafoles Quadrazais Quintas S. B. Rapoula do Côa
Rebolosa Rendo Ruivós Ruvina Sabugal
Santo Estêvão Seixo do Côa Sortelha Soito Vale das Éguas
Vale de Espinho Valongo do Côa Vila Boa Vila do Touro Vilar Maior

(Clique nas imagens para ampliar.)


Fonte: DGAI-Direcção-Geral da Administração Interna.
jcl e plb

ASSEMBLEIA MUNICIPAL – Resultados finais no Concelho do Sabugal.

ELEIÇÕES PARA AS AUTARQUIAS LOCAIS – 11-10-2009

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DO SABUGAL

CONCELHO DO SABUGAL – FREGUESIA A FREGUESIA
Águas Belas Aldeia da Ponte Aldeia da Ribeira Aldeia S.António Aldeia do Bispo
Aldeia Velha Alfaiates Badamalos Baraçal Bendada
Bismula Casteleiro Cerdeira Fóios Forcalhos
Lageosa da Raia Lomba Malcata Moita Nave
Penalobo Pousafoles Quadrazais Quintas S. B. Rapoula do Côa
Rebolosa Rendo Ruivós Ruvina Sabugal
Santo Estêvão Seixo do Côa Sortelha Soito Vale das Éguas
Vale de Espinho Valongo do Côa Vila Boa Vila do Touro Vilar Maior

(Clique nas imagens para ampliar.)


Fonte: DGAI-Direcção-Geral da Administração Interna.
jcl e plb

JUNTAS DE FREGUESIA – Resultados finais no Concelho do Sabugal.

ELEIÇÕES PARA AS AUTARQUIAS LOCAIS – 11-10-2009

JUNTAS DE FREGUESIA DO SABUGAL

CONCELHO DO SABUGAL – FREGUESIA A FREGUESIA
Águas Belas Aldeia da Ponte Aldeia da Ribeira Aldeia S.António Aldeia do Bispo
Aldeia Velha Alfaiates Badamalos Baraçal Bendada
Bismula Casteleiro Cerdeira Fóios Forcalhos
Lageosa da Raia Lomba Malcata Moita Nave
Penalobo Pousafoles Quadrazais Quintas S. B. Rapoula do Côa
Rebolosa Rendo Ruivós Ruvina Sabugal
Santo Estêvão Seixo do Côa Sortelha Soito Vale das Éguas
Vale de Espinho Valongo do Côa Vila Boa Vila do Touro Vilar Maior

(Clique nas imagens para ampliar.)


Fonte: DGAI-Direcção-Geral da Administração Interna.
jcl e plb

O Partido Socialista (PS) venceu as eleições para a Assembleia da República no distrito da Guarda com 36.825 votos que correspondem a 35,97% do total dos eleitores votantes enquanto o Partido Social Democrata (PSD) obteve 36.419 votos (35,57%). No concelho do Sabugal os socialistas venceram também, com 2.924 votos (35,67%) tendo os social-democratas alcançado 2.857 votos (34,85%). Na terceira posição ficou o CDS-PP, que obteve 1.008 votos (12,3%).

O PS e o PSD (separados por 406 votos) foram os dois partidos mais votados nas 336 freguesias dos 14 concelhos do distrito da Guarda. Foram às urnas 102.380 eleitores (58,33%) num universo de 175.522 votantes. Os resultados provocaram a repetição da divisão (dois para cada lado) dos quatro deputados do círculo eleitoral da Guarda. O PS elegeu os candidatos Francisco José Pereira de Assis Miranda e José Albano Pereira Marques e o PSD assegurou António Carlos Sousa Gomes da Silva Peixoto e João José Pina Prata.
Nas 40 freguesias do concelho do Sabugal votaram 8197 eleitores (50,28%) num total de 16304 inscritos nos cadernos eleitorais.

ELEIÇÕES PARA A ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA – 27-9-2009
DISTRITO DA GUARDA CONCELHO DO SABUGAL
Total – 14 Concelhos Total – 40 Freguesias

(Clique nas imagens para ampliar.)

No concelho do Sabugal o Partido Social Democrata (PSD) venceu em 23 freguesias contabilizando 2857 votantes (34,58%). O Partido Socialista (PS) obteve o primeiro lugar em 16 freguesias com 2924 votos (35,67%): Aldeia da Ponte, Aldeia de Santo António, Bendada, Bismula, Casteleiro, Fóios, Malcata, Moita, Quadrazais, Quintas de S. Bartolomeu, Rebolosa, Sabugal, Santo Estêvão, Sortelha, Vila Boa e Valongo. Em Badamalos houve um empate entre os dois partidos, ambos obtendo 13 votos.

O Capeia Arraiana publica de seguida os resultados finais das eleições para a Assembleia da República nas freguesias do concelho do Sabugal.

ELEIÇÕES PARA A ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA – 27-9-2009
CONCELHO DO SABUGAL – FREGUESIA A FREGUESIA
Águas Belas Aldeia da Ponte Aldeia da Ribeira Aldeia S.António Aldeia do Bispo
Aldeia Velha Alfaiates Badamalos Baraçal Bendada
Bismula Casteleiro Cerdeira Fóios Forcalhos
Lageosa da Raia Lomba Malcata Moita Nave
Penalobo Pousafoles Quadrazais Quintas S. B. Rapoula do Côa
Rebolosa Rendo Ruivós Ruvina Sabugal
Santo Estêvão Seixo do Côa Sortelha Soito Vale das Éguas
Vale de Espinho Valongo do Côa Vila Boa Vila do Touro Vilar Maior

(Clique nas imagens para ampliar.)

Concelho do Sabugal – Total de Inscritos: 16304. Votantes: 8197 (50,28%).
Em Branco: 109 (1,33%). Nulos: 176 (2,15%).
jcl e plb

Continuando a análise do livro de apontamentos do Dr Francisco Maria Manso, vamos encontrando pormenores curiosos, que integram a história da construção do hospital do Sabugal. Desta vez optamos por fazer uma transcrição integral das palavras do médico de Aldeia do Bispo, que acompanhou de perto os trabalhos da Comissão da Misericórdia.

Romeu Bispo«Em 1930, após os anúncios nos jornais apareceu um arrematante único propondo fazer as paredes, pondo a C. da Mesericórdia a pedra, por 140 contos!!!
Resolveu-se fazer o hospital por administração directa. O sr. Sousa Martins, da Comissão da Mesericórdia, escreveu para esse fim, servindo-se de todos os meios para dar imediato e bom andamento à obra, de pleno acordo com os restantes membros da Comissão.
Começaram novamente as obras, pelo corte de pedra em “Rendo”, em meados de Julho de 1930, sendo o pessoal de pedreiros quasi todo de “Alcains”.
19-01-931 Continuam as obras estando a ser construído o pavilhão lateral, poente. Começou hoje o corte das madeiras de carvalho que serão oferecidas por vários proprietários, sendo as cortadas hoje oferecidas pelo benemérito Sr. Pe. J. Manuel Nabais.
Manuscrito de Francisco Maria MansoRecebi até esta data duas cartas de sua Exª. Sr.”Nuno de Montemor” pondo-se à disposição da Comissão do Hospital para trabalhar para tão grande melhoramento. Nessas cartas aparece constantemente a bela alma de sua Exª e na sua redacção há mimos de literatura espontâneos, reveladores das suas qualidades de artista das letras que é. Respondi a essas cartas aceitando tão valioso auxílio e com ele contaremos de futuro.
Enviei à Comissão da Mesericórdia um ofício com dez mil escudos, importância que resolvemos na Junta Geral do Distrito, dar para a continuação das obras.
21-Março de 1931 Apesar do dia chuvoso e pouco agradável, deram entrada na vila 17 carros de madeira de carvalho, pinho e castanho, de Aldeia de Sto. António Urgeira e Ameaes, madeira oferecida ao hospital. Estas povoações tinham já oferecido mais 12 carros. A povoação do Baraçal ofereceu 29 carros que deram entrada também pela vila fora, em ar de intensa alegria pela valiosa oferta.
Se no íntimo do homem existe a fera antiga, como querem alguns pessimistas, desejava que assistissem a factos destes para se convencerem que a generosidade humana é uma virtude real e se não a vemos praticada constantemente é porque não há todos os dias ocasiões para ser praticada. Depois são esses pessimistas que não acreditando no que existe de bom no género humano se encerram num feroz egoísmo, incapazes de ao seu semelhante fazerem o mais ligeiro benefício e então o “semelhante” paga-lhe e com toda a justiça em moeda igual e assim lhe parece encontrar “feras” em lugar de homens, começando elas a contar por eles! …
Que seja boa, alevantada e digna a nossa acção e encontraremos, com surpresa do coração humano tudo o que tem de melhor.»
Romeu Bispo
(Provedor da Santa Casa da Misericórdia do Sabugal)

O executivo da Câmara Municipal do Sabugal fez esta sexta-feira, 4 de Setembro, uma primeira avaliação dos danos registados no concelho pelos incêndios florestais da última semana. «As freguesias mais afectadas devem ser Sortelha e a Moita e os prejuízos totais estão estimados entre sete a dez milhões de euros», disse à agência Lusa o presidente da autarquia.

Incêndio no Sabugal - Foto Joaquim Tomé (Tutatux)

Na reunião de hoje do executivo municipal foi discutida uma «primeira avaliação» dos danos registados no concelho, que estão, sobretudo, relacionados com «a agricultura e a floresta».
O documento analisado, elaborado pela autarquia em colaboração com os serviços regionais do Ministério da Agricultura, não traduz um «levantamento exaustivo» dos prejuízos, sendo que o relatório final só deverá ficar pronto «na próxima semana».
«Ainda não temos o registo de todos os proprietários que foram afectados pelas chamas», adiantou Manuel Rito, presidente da Câmara sabugalense, contando que «todas as freguesias atingidas têm gente com a agricultura afectada e parece que as mais afectadas serão Sortelha e Moita».
«Há agricultores «que perderem cem por cento das pastagens para o gado», daí que a autarquia também tenha deliberado, em colaboração com a Acrisabugal-Associação de Criadores de Ruminantes do Concelho do Sabugal «a aquisição de forragens para distribuição gratuita aos criadores de gado do concelho».
Na habitual reunião das sextas-feiras foi, também, decidido que na Zona de Caça Municipal a caça ficará apenas permitida «a proprietários» e foram pedidos apoios para que os habitantes tenham subsídios para «aquisição de lenha».
A autarquia também vai pedir ao Governo «que possa implementar no concelho o cadastro geométrico da propriedade, para que a Câmara possa implementar o agravamento do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) aos proprietários que não limpem os terrenos, para que se possa pensar em emparcelamento no futuro», adiantou o autarca que se mostrou satisfeito pelo facto de o Ministério da Agricultura ter hoje anunciado medidas de apoio aos agricultores da região.
O Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas anunciou em comunicado ter decidido «com base num primeiro inventário realizado por técnicos no dia seguinte à extinção do fogo, criar um conjunto de medidas de apoio aos agricultores lesados».
A nota adianta que «haverá um apoio extraordinário para os agricultores afectados, destinado à alimentação animal, que será de cinquenta euros por cabeça de ovino e caprino e de cem euros por cabeça de bovino».
O Governo também vai «conceder ajudas à reposição do potencial produtivo (medida inscrita no PRODER-Programa de Desenvolvimento Rural) no máximo de apoio legalmente previsto, ou seja, cinquenta por cento a fundo perdido».
«Este apoio permitirá reparar, por exemplo, situações de perda de olival, de vinhas, de animais mortos, de colmeias e também de equipamentos agrícolas, caso de motores de rega e tubagens», salienta a nota ministerial.
O primeiro inventário realizado detectou prejuízos nas freguesias de Bendada, Casteleiro, Moita, Sortelha, Santo Estêvão, Aldeia de Santo António, Água Belas, Baraçal, Quintas de S. Bartolomeu, Rapoula, Vila do Touro, Vale de Espinho, Quadrazais, Foios e Soito.
jcl (com agência Lusa)

O presidente da Junta de Freguesia da Aldeia Histórica de Sortelha, no Sabugal, adiantou hoje à agência Lusa que o incêndio que começou no sábado à noite em Ribeira da Nave causou «prejuízos elevados e os animais ficaram sem alimentos».

Luís Paulo«A área da freguesia ardeu toda», disse à agência Lusa Luís Paulo, presidente da Junta de Freguesia da Aldeia Histórica de Sortelha, recordando que é a segunda maior freguesia em área do concelho do Sabugal com cerca de 43 quilómetros quadrados.
O autarca contou que o fogo deixou um rasto de destruição na zona, causando «prejuízos elevados que ainda não estão contabilizados, queimou animais, arrecadações agrícolas e árvores, sobretudo castanheiros e oliveiras».
Os habitantes das povoações vizinhas, rodeadas pelas chamas, contaram à Lusa que não dormiram durante a noite, tendo ficado «a guardar o fogo, para que não chegasse às casas».
«Durante a noite o fogo atacou mais a povoação da Moita, mas de manhã chegou aqui ao Casteleiro. Deitei-me por volta da uma da manhã mas não consegui dormir e alguns vizinhos estiveram acordados toda a noite», contou Micaela Marques, 77 anos, moradora na aldeia de Casteleiro.
Na vizinha localidade de Terreiro das Bruxas, Maria Fernandes, 68 anos, relatou à Lusa que «foi tudo muito rápido e a aldeia foi lambida pelo fogo, que chegou mesmo às casas porque o vento mudou muito depressa e quando demos conta estava já aqui na povoação onde destruiu oliveiras e carvalhos e pôs uma padaria em perigo».
Na aldeia de Urgueira, também fustigada pelas chamas, Maria Nabais, relatou que «o fogo andou de volta do povo mas não arderam casas». «O meu marido esteve toda a noite a vigiar o fogo e não dormiu», contou.

Tragédias contadas na primeira pessoa e que nos atingem a todos.
jcl

Capeia Arraiana está em condições de antecipar os nomes escolhidos por António Robalo para o acompanharem na candidatura do PSD à Câmara Municipal do Sabugal.

robalo1Delfina Leal, natural de Famalicão da Serra, concelho da Guarda, mas há longos anos radicada no Sabugal, onde é professora na Escola Secundária, é a primeira mulher da lista encabeçada pelo actual vereador António Robalo.
Ernesto Cunha, natural de Penalobo, engenheiro técnico agrário, e actual vereador, volta a fazer parte da lista de candidatos do PSD à Câmara Municipal.
Vítor Proença, natural de Vale das Éguas, funcionário bancário e actual chefe de gabinete do presidente da Câmara Municipal, ocupará o quarto lugar na lista de candidatos.
Aldina Ricardo, jovem natural de Aldeia de Santo António, empregada comercial a trabalhar no Sabugal, é a segunda mulher de uma lista que, tal como as que até agora foram divulgadas, cumpre a Lei da Paridade.
João Nunes, natural de Aldeia da Ponte e residente na Guarda, presidente da Associação Juventude Pontense, é o outro jovem da lista.
José Henriques Silva, natural do Sabugal, empresário e membro do corpo activo dos Bombeiros Voluntários do Sabugal, encerra a lista dos candidatos elegíveis escolhidos por António Robalo.
É dado também como certo que Manuel Rito, actual presidente do município, encabeçará a lista de candidatos à Assembleia Municipal pelo PSD. O presidente, que decidiu não se recandidatar ao lugar, fará ainda parte da lista de candidatos à Junta de Freguesia da sua terra, o Soito.
O vice-presidente do Município e presidente da concelhia do PSD, Manuel Corte, ficou fora das opções políticas do partido para as autárquicas de Outubro.
plb

O PSD venceu as eleições para o Parlamento Europeu no distrito da Guarda com 25.783 votos que correspondem a 40,76% do total dos eleitores votantes enquanto o PS obteve 17.032 votos (26,92%). No concelho do Sabugal os sociais-democratas foram o partido mais votado com 2065 votos (41,95%) tendo os socialistas alcançado 1248 votos (25,35%).

ELEIÇÕES PARA O PARLAMENTO EUROPEU – 7-6-2009
DISTRITO DA GUARDA CONCELHO DO SABUGAL

(Clique nas imagens para ampliar.)

No concelho do Sabugal o Partido Social Democrata (PSD) venceu em 35 freguesias. O Partidos Socialista obteve o primeiro lugar em Valongo do Côa, Moita, Fóios, Casteleiro e Bendada. Em Aldeia Velha o MEP, de Laurinda Alves (com raízes na freguesia), obteve o segundo lugar com 35 votos.

O Capeia Arraiana publica, de seguida, os resultados finais das eleições ao Parlamento Europeu nas freguesias do concelho do Sabugal.

ELEIÇÕES PARA O PARLAMENTO EUROPEU – 7-6-2009
CONCELHO DO SABUGAL – FREGUESIA A FREGUESIA
Águas Belas Aldeia da Ponte Aldeia da Ribeira Aldeia S.António Aldeia do Bispo
Aldeia Velha Alfaiates Badamalos Baraçal Bendada
Bismula Casteleiro Cerdeira Fóios Forcalhos
Lageosa da Raia Lomba Malcata Moita Nave
Pena Lobo Pousafoles Quadrazais Quintas S. B. Rapoula do Côa
Rebolosa Rendo Ruivós Ruvina Sabugal
“>
Santo Estêvão Seixo do Côa Sortelha Soito Vale das Éguas
Vale de Espinho Vale Longo Vila Boa Vila do Touro Vilar Maior

(Clique nas imagens para ampliar.)


Concelho do Sabugal – Total de Inscritos: 16763. Votantes: 4923 (29.37%).
Em Branco: 209 (4,25%). Nulos: 133 (2,7%).
jcl

O Clube Automóvel 6 Kinas nasceu no ano de 2002 quando seis amigos decidiram comprar um terreno e definir um traçado competitivo para provas automobilistas em terra batida. O circuito recebeu o nome de «Pista da Galgueira» e situa-se muito perto da estrada que liga Aldeia de Santo António a Sortelha. A primeira prova de 2009 integrada no 5.º Troféu Inter-Regional de Autocross, Kartcross e Moto4 dos concelhos do Sabugal, Penamacor, Belmonte e Mação, tem lugar no domingo, 24 de Maio.

Pista da GalgueiraO Clube Automóvel 6 Kinas, nasceu no ano de 2002, quando seis amigos, depois da compra de um terreno decidiram começar a fazer corridas de automóveis em terra batida. Nesse tempo era um desporto completamente subdesenvolvido, ou mesmo inexistente, no concelho do Sabugal.
Os seis amigos, que deram o nome ao clube, razão dos seis kinas e não cinco quinas, como seria mais lógico, tinham como grande impulsionador na ideia, João Rabaço, já experiente neste tipo de desporto. Os restantes elementos do grupo eram Nélson Borges, Carlos Borges (Calucha), Daniel Vinhas, Daniel Pereirinha e Miguel Batista.
Nos dois primeiros anos foram ocupados na realização do traçado da pista, considerada por muitos uma das melhores a nível nacional, no que diz respeito à visibilidade do publico, à criação da associação, o que viria a acontecer em 2004 e à realização de algumas corridas, para testar a capacidade dos seus organizadores.
No ano de 2005 o «Clube Automóvel 6 Kinas», juntamente com a «ADEP» de Penamacor, criou um troféu Inter-Regional de Autocross, que cumpre em 2009, com uma difusão e organização considerável, a sua 5.ª edição.
Os troféus tiveram a participação de pilotos do Sabugal, Penamacor e Caria (2005); Sabugal, Penamacor e Castelo Branco (2006); Sabugal, Penamacor, Castelo Branco e Mação (2007); e Sabugal, Penamacor, Belmonte e Mação nas edições de 2008 e 2009.
O «Clube Autómovel 6 Kinas» é, actualmente, presidido por António Morgado, tendo já sofrido algumas alterações a nível dos seus criadores e corpos gerentes.
É objectivo da colectividade homologar a pista da Galgueira, em Aldeia de Santo António, no concelho do Sabugal, visando num futuro não muito longínquo, a possibilidade de integração da mencionada pista, no Nacional de Autocross.
Existe igualmente por parte do clube a intenção de desenvolver outras actividades no mencionado espaço, sempre com a intenção de dinamizar o gosto pelo desporto automóvel e por consequência o Concelho do Sabugal.
No sentido de melhorar as condições da pista da Galgueira, tanto a nível técnico para uma posterior homologação federativa, como para beneficiar as condições de funcionamento e bem-estar do público, este clube conta com a ajuda da Câmara Municipal do Sabugal e com o esforço dos criadores e sócios desta associação. Os dirigentes do clube, com espírito de sacrifício e iniciativa, tentam acrescentar outros focos de interesse ao nosso concelho, podendo no caso de ser bem sustentado e apoiado criar benefícios para o mesmo, nomeadamente ao nível de animação, visibilidade e turismo.
Daniel Vinhas

A Liga Espinhalense organiza no domingo, 17 de Maio, um passeio a cavalo entre o Castelo do Sabugal e a aldeia do Espinhal com passagem por Aldeia de Santo António. Para os que preferem as caminhadas está programado um percurso entre o Espinhal até Aldeia de Santo António e regresso ao Espinhal. Em ambos os casos a concentração está marcada para as oito e meia da manhã.

Espinhal – Caminhada e Passeio a Cavalo

Organização: Liga Espinhalense
Apoios: Juntas de Freguesia de Aldeia de Santo António e de Águas Belas.
Café Freixinho (Espinhal) e Café Alípio (Águas Belas).
Media partner: Blogue Capeia Arraiana.
jcl

A colectânea «Direito Tributário 2009», publicada pela «Vida Económica» é a oitava edição actualizada do trabalho do técnico da Administração Tributária, Joaquim Ricardo, que junta, num só volume de 1460 páginas, toda a legislação relevante do sistema fiscal.

Direito Tributário - Joaquim RicardoA oitava edição actualizada da colectânea «Direito Tributário», publicada em Março de 2009, da autoria do técnico da Administração Tributária, Joaquim Ricardo, sistematiza num só volume todo o sistema fiscal português e inclui numerosa legislação fundamental e doutrina administrativa.
Foi a pensar nos utilizadores de tão abundante legislação que desenvolvemos este trabalho, juntando num só volume toda a legislação relevante do sistema fiscal. E, a par desta compilação, foram feitas inúmeras remissões e anotações, completadas aqui e ali com alguns exemplos – poucos, para não avolumar demasiado o trabalho.
A obra «Direito Tributário 2009» destina-se principalmente a técnicos oficiais de contas, funcionários da DGCI, consultores fiscais, profissionais liberais tais como advogados e solicitadores que necessitam de uma informação completa e actualizada, gerentes e quadros das empresas. A edição é especialmente recomendada para todos aqueles que necessitam de actualizar os seus conhecimentos no âmbito do sistema fiscal e do direito tributário processual e profissionais que se relacionem com questões fiscais.
O livro, editado pela «Vida Económica», com 1460 páginas, está estruturado em cinco partes que abrangem os «Princípios fiscais, contencioso e procedimento tributário», «Tributação do rendimento», «Tributação do consumo», «Tributação do património» e a «Legislação complementar e doutrina fiscal» juntando num só volume toda a legislação relevante do sistema fiscal.
O autor, Joaquim Ricardo, é natural de Aldeia de Santo António, concelho do Sabugal, e licenciado em Contabilidade e Gestão de Empresas pelo Instituto Superior da Maia e pós-graduado em Prospectiva e Estratégia das Organizações pelo Conservatório de Ciências e Tecnologias do Porto/CNAM – Paris. É técnico da Administração Tributária – Chefia tributária, do Quadro da Direcção – Geral dos Impostos (D.G.C.I.) e formador no Instituto de Formação Tributária. É ainda responsável por diversos cursos de especialização fiscal, no âmbito do programa de formação ao longo da vida, ministrados em diversos organismos de que se destacam o Instituto Superior da Maia e o Conservatório de Ciências e Tecnologias do Porto.
jcl

A Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António recriou com os utentes do recém-criado Lar de Idosos uma antiga tradição raiana: o descamisar do milho.

A liga dos Amigos de Aldeia de Santo António, levou a efeito no passado dia 19 uma antiga tradição que se perde no tempo, que é o descamisar do milho.
Efectivamente, em tempos idos e por esta altura do ano – Entrada do Outono, procedia-se à recolha das colheitas pelos agricultores. Entre estas, o arranque da batata, a colheita e malha de feijões, gravanços (grão de bico) e o milho. Este, depois de cortada a «bandeira» eram cortadas as «maçarocas» e depois descamisadas e secadas ao sol antes de serem malhadas em eiras onde já foi, alguns dias antes o centeio.
Ora foi exactamente a faina do descamisar do milho que ocupou alegremente, os utentes do lar, apoio domiciliário e centro de dia, na tarde de 19 de Setembro.
Esta faina ocupou durante toda a tarde esta gente que assim reviveu tempos de juventude e não só. Foi agradável verificar quanta alegria estava escondida por debaixo daquelas «rugas» e que por alguns momentos tudo se esqueceu – até a idade que não perdoa?
Para o ano haverá mais.
Joaquim Ricardo

GALERIA DE IMAGENS – 29-8-2008
Clique nas imagens para ampliar

Sexta-feira, 29 de Agosto de 2008, 15 horas. Data histórica para os de Aldeia de Santo António. As sensações e as emoções estavam à flor da pele. O sonho de alguns, liderados por Joaquim Ricardo, tornou-se realidade. Tinha chegado a hora de inaugurar as instalações do Lar da Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António que acrescentará mais qualidade de vida à população idosa da freguesia.

Inauguração do Lar de Aldeia de Santo AntónioA inauguração do Lar da Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António teve início com a cerimónia religiosa que contou com uma presente muito especial: o reverendo Padre Soita, antigo pároco de Aldeia de Santo António, que apesar de retirado para um merecido descanso no Colégio da Cerdeira não quis deixar de se associar a este momento histórico.
A cerimónia oficial contou com a presença do Secretário de Estado da Segurança Social, Pedro Marques, da Governadora Civil da Guarda, Maria do Carmo Borges, do Vereador António Robalo em representação do presidente da Câmara Municipal do Sabugal, e do representante da Direcção-Geral da Segurança Social da Guarda.
Após a recepção de boas-vindas, foram asteadas as bandeiras de Portugal, da Uniao Europeia, do Município do Sabugal e da Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António.
Nos jardins envolventes do edifício uma pedra gravada fica a testemunhar e perpetuar o momento. O acto simbólico de descerramento, apadrinhado por Joaquim Ricardo, esteve a cargo do Secretário de Estado, Pedro Marques.
A sessão solene decorreu no auditório do Lar com discursos do Presidente da Liga, Joaquim Ricardo, do Vereador António Robalo e do Secretário de Estado, Pedro Marques.
No final, um lanche permitiu a todos os presentes conviverem em clima de orgulhosa satisfação.
O Lar da Liga dos Amigos de Santo António é, agora, uma realidade oficial com capacidade para 21 utentes em regime de internato, 15 no Centro de Dia e 30 com apoio domiciliário. Mas o mérito da iniciativa tem ainda mais um número muito importante: foram criados 20 postos de trabalho directos.
E terminamos com chave de ouro. Com o nome dos fundadores. Joaquim Fernando Ricardo, Alexandre Manuel Neca, José Soares Ricardo, António Vinhas Ricardo, José Joaquim Mota, José Jorge, Leonel Francisco, Alexandre Birra e José Pires Ricardo.

Leia o discurso de Joaquim Ricardo, Presidente da Direcção do Lar: aqui.

O Capeia Arraiana associa-se ao marcante momento felicitando em nome de todos os que tornaram o sonho em realidade e dos obreiros-fundadores do projecto o seu grande protagonista: Parabéns Joaquim Ricardo.
jcl

A «Imagem do dia» e a «Imagem da Semana» são dois destaques em imagens sobre acontecimentos, momentos ou recordações relevantes. Ficamos à espera que nos envie a sua memória fotográfica para a caixa de correio electrónico: capeiaarraiana@gmail.com

Data: 29 de Agosto de 2008.
Local: Lar da Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António.

Legenda: Pintura mural (ou graffiti) no muro do espaço de recreio do Lar de Aldeia de Santo António

Autoria dos graffiti: Nomen e Vile.
Clique na imagem para ampliar

O secretário de estado da Segurança Social, Pedro Marques, vai estar amanhã, dia 29 de Agosto, no concelho do Sabugal para inaugurar dois lares: o da Bismula e o de Aldeia de Santo António.

Lar de Terceira Idade em Aldeia de Santo AntónioAs duas obras, recentemente concluídas, e construídas apenas com o dinheiro do povo, sem quaisquer apoios das entidades oficiais vão agora ser inauguradas por um representante oficial do Estado, acompanhado por representantes do município sabugalense.
A roda de inaugurações começa na Bismula, pelo meio dia, hora a que será simbolicamente aberta a porta do Lar Nossa Senhora do Rosário, propriedade da Santa Casa da Misericórdia da Bismula.
Já de tarde, pelas 16 horas, será a vez de ser inaugurado o Lar de Aldeia de santo António, propriedade da Liga dos Amigos da freguesia.
Em cada um dos lares houve um investimento superior a dois milhões de euros, tendo-se obtido construções muito dignas, com boa capacidade e correspondendo a todas as exigências legais para o seu funcionamento. Na Bismula o lar terá capacidade para acolher 32 utentes, disponibilizando um serviço de acamados para dez pessoas. Já o lar da Liga dos Amigos de Aldeia de Santo António, tem uma capacidade para 21 utentes, tendo ainda a valência de centro de dia, com capacidade para 15 utentes, e Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), actualmente a servir cerca 30 utentes.
Duas obras fundamentais para a melhoria do bem-estar dos idosos do concelho do Sabugal, o município com melhor cobertura de lares do país.
plb

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Dezembro 2017
S T Q Q S S D
« Fev    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3,043,870 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES