No dia 13 de Setembro militares da GNR do Núcleo de Investigação Criminal de Pinhel, detiveram um casal, o homem de 59 anos de idade e a mulher de 57, residentes em Almendra (Foz Côa), por crime de tráfico de estupefacientes e posse ilegal de armas.

GNR-Guarda Nacional RepublicanaSegundo o comunicado semanal do Comando Territorial da Guarda, a investigação permitiu apreender aos suspeitos 19 plantas de Cannabis Sativa, com alturas compreendidas entre 40 e 2,60 cm, com o peso total de 31 kg, que se encontravam cultivadas num terreno anexo à residência, na qual foi efectuada busca domiciliária que permitiu ainda apreender 5,5 kg de liamba, um saco com sementes de cannabis, uma espingarda de calibre 12, 51 cartuchos de chumbo, bala e zagalote, 107 munições, das quais 11 de calibre de guerra, 5 kg de explosivos (25 gomas de gelamonite) e dois rolos de cordão lento e detonante.
No dia 15 de Setembro, militares do Posto Territorial de Foz Côa detiveram um indivíduo de 40 anos de idade, residente em Foz Côa, por crime de violência doméstica e crime de resistência e coação sobre os militares da GNR. O suspeito foi detido após um quadro de violência doméstica, pois tentava matar, com recurso a uma faca, a sua ex-mulher na residência desta e em frente aos filhos menores. O agressor não conseguiu concretizar o acto face à intervenção dos militares, que ainda tentou agredir com a referida arma branca.
No dia 16 de Setembro, militares da Equipa de Protecção da Natureza e Ambiente (EPNA), do Destacamento Territorial de Pinhel, deteve um casal, o homem de 47 anos de idade e a mulher de 45 anos de idade, estrangeiros, por crime relativo à pesca. A detenção dos suspeitos ocorreu, quando estes andavam a pescar através de meios proibidos e número de canas superior ao permitido por lei, na barragem de Bouça Cova. Aos detidos, foram-lhes apreendidas seis canas de pesca, um camaroeiro, uma manga metálica, um fio de 50 metros de comprimento com 12 anzóis e 3,370 Kg de peixe (carpas, achigã e percas).
plb

Advertisements