Aproxima-se o Natal e mais um Ano Novo se vai iniciar no calendário.

Esteves Carreirinha - Ecos da AldeiaTodos já conhecemos, por demais, esta época natalícia, repetindo-se, ano após ano, os tais desejos de Boas Festas, segundo as tradições de toda uma vida.
Uns concordarão, outros nem por isso, mas cada um é como cada qual, como dizia o «outro», não há muita volta a dar.
Para não nos estarmos a repetir, no artigo do ano passado, que disponibilizei por esta altura, já figuram umas quantas dicas, de como se passam as festas nesta região arraiana do nosso Concelho.
Umas serão mais esfusiantes do que outras, mas o que importa, é o rever de familiares e amigos que por lá moram e os que por lá vão aparecendo ao longo do ano, apesar do frio e, eventualmente, neve e gelo, que se perspectiva para estes últimos dias do ano de 2008.
Na nossa Aldeia, como é bem habitual, há muitos anos a esta parte, vão decorrer com a tradicional Fogueira de Natal, com os petiscos que os Mordomos de Santo António de 2009 proporcionam, em noite de grande animação, à roda da Fogueira e, uma semana depois, com a passagem de ano nos Balneários, organizada pelos jovens da A.J.P. – Associação Juventude Pontense, onde se passa uma bela noite animada de convívio e baile também.
Como o meu próximo artigo já vai calhar depois do Natal, aproveito a ocasião para desejar a todos, umas Boas Festas de Natal, um pouco antecipadas, devido ao calendário, apenas isso.
Igualmente, um Bom Ano Novo de 2009, apesar dos cenários que se perspectivam, não serem animadores, por aí além, mas isso já são outras “conversas”.
Em suma, façam o obséquio de passar umas Boas Festas e que os anseios desejados, se tornem em algumas realidades concretizadas, são os votos deste vosso amigo.
«Ecos da Aldeia», opinião de Esteves Carreirinha

estevescarreirinha@gmail.com

Anúncios