You are currently browsing the tag archive for the ‘socialismo democrático’ tag.

Há um retrocesso da Social-Democracia e do Socialismo Democrático em toda a Europa. Há pelo menos 10 anos atrás, a maior parte dos países da U.E. estavam governados por partidos sociais-democratas e socialistas democráticos, presentemente quantos são? Muito poucos, ou mesmo nenhum, como consequência disto, os valores sociais e os valores éticos estão a ser abandonados, porque uma nova classe política, medíocre, abraçou um «bezerro de ouro», um falso ídolo.

António EmidioO Socialismo Democrático está numa profunda crise, não duvidemos, mas os seus simpatizantes que se identificam com os seus valores, ou seja, a esquerda sociológica, está em crise? Não, esta esquerda sociológica tem dentro dela, e bem viva, uma vontade de lutar contra o desemprego, a pobreza, contra a tentativa da destruição da Democracia pelos grandes empresários e banqueiros, contra a privatização dos serviços públicos, como a saúde, que eram de todos e agora passarão a ser só de alguns, contra o corte de prestações sociais, contra a contaminação do meio ambiente e, contra tudo e todos aqueles que se opõem aos direitos humanos e aos valores próprios do Socialismo Democrático.
O Capitalismo Selvagem triunfa, tem o poder neste Mundo Globalizado, mas não conseguiu, nem conseguirá o triunfo social, porque a situação social cada vez se agrava mais e irá dar origem a convulsões. O triunfo deste Capitalismo Selvagem – Neoliberalismo – é o triunfo de um crime contra a humanidade.
E a classe política? Os homens e mulheres socialistas democráticos, os sindicatos e os intelectuais? Estes estão numa crise profunda, perderam a confiança nos seus princípios e nos seus valores. Foi esta perca de princípios e valores por parte da classe política que deu origem à entrada triunfal da direita mais ultra liberal. Foram as políticas de austeridade, austeridade nos gastos públicos sociais, aumento do desemprego e da precariedade laboral, facilitaram as especulações dos mercados e desregularam-nos. Pode dizer-se que estas políticas e estes dirigentes políticos criaram uma clivagem enorme, talvez nunca vista antes, com as suas bases. Procuraram estes líderes do Socialismo Democrático ser aceites socialmente pelos outros, pelos seus adversários da direita feudal, até chegar a haver concorrência, para ver qual deles exibe mais dinheiro, mais luxo e tem mais êxito…A esquerda tem por missão falar aos perdedores, não imitar os vencedores, a esquerda tem de dirigir-se aos que não podem triunfar, porque não têm meios, nem emprego, nem salário e sofrem todas as injustiças. Alguns socialistas democráticos pensam que a sociedade atingiu os valores supremos da Justiça e da Liberdade neste princípio de século, mas não é assim, os pobres, os desempregados e os que têm sede de justiça são cada vez mais. Se não for o Estado providência, o Estado Social, a peça principal na procura constante da Justiça e do equilíbrio social, nada o substituirá, nada conseguirá esse equilíbrio e essa Justiça., nunca será a empresa como pensam e dizem em voz alta alguns «Socialistas». Uma verdadeira Democracia não existe sem o Estado Social, o Estado Providência.
Atrás do tempo, tempo vem, e os movimentos da história são vaivéns entre o progresso e o retrocesso, é isto que me traz confiante no futuro, que para mim já pouco trará de bom, mas para os mais jovens acredito que tudo irá mudar no sentido de lhes dar a dignidade que merecem.

Não sei se o leitor(a) já sabe, mas Portugal, juntamente com a Irlanda e a Grécia, estão insolventes, ou seja, incapazes de pagar o que devem aos seus credores. Que irá Passos Coelho fazer perante este facto? Mais impostos, mais desemprego (qual foi a percentagem acordada com a TROIKA de funcionários públicos a despedir até 2015?), mais austeridade, ou mandará pura e simplesmente os mercados (Alemanha e França) à m…?

O encerramento do Tribunal do Sabugal é mais uma machadada neste Concelho, contribuindo para a sua agonia económica, social e política.
Se por acaso os tribunais não dão lucro, então o Senhor Passos Coelho que privatize a justiça…Hoje só é útil o que é rentável.

«Passeio pelo Côa», opinião de António Emídio

ant.emidio@gmail.com

Anúncios

Quem analise um pouco o procedimento e até a vida interna dos Partidos Socialistas da Europa, vê com toda a clareza que houve uma viragem ideológica à direita, dos seus dirigentes.

António EmidioEssa viragem começa nos anos 80 do século passado, com o Partido Socialista Francês, com o Partido Social Democrata Alemão e com o Partido Trabalhista Inglês. Este último, debaixo da liderança de Tony Blair, mentor da chamada Terceira Via, que não é mais nem menos do que a Teoria do Fim das Ideologias, um pensamento próprio da direita, mas que teve uma grande influência nas mudanças e na deriva ideológica do Socialismo Democrático Europeu. Como exemplo, talvez o mais flagrante, tenha sido a substituição das intervenções públicas, prestações sociais, que tinham e têm por finalidade desenvolver direitos sociais para todos os cidadãos, por políticas assistenciais, combate à pobreza e à exclusão social. Esta política origina grandes desigualdades na sociedade e a concentração da riqueza em poucas mãos. Foi o que aconteceu nos países europeus governados por partidos socialistas, que chegaram a ser a maioria na Europa.
O Partido Socialista Francês, uma referência do Socialismo Democrático Europeu, elegeu a subordinação do social à «credibilidade» económica, ou seja, ao Neoliberalismo. Aceitou todos os tratados da União Europeia, que como sabemos são ultraconservadores. Aceitou também a desregulação dos mercados dentro da própria França, isto é o Laissez Faire, tão querido dos ultraliberais. O ex ministro da cultura francês, Jack Lang, define assim o PS Francês: «Uma árvore seca». Os outros Partidos Socialistas Europeus seguiram o mesmo caminho. Em Portugal, o símbolo máximo foi José Sócrates e o seu «Socialismo Liberal», acolitado por fervorosos fiéis. Espero que nenhum resquício socratino me diga que tem saudades dele, a isso respondo com esta espécie de anedota, mas lá no fundo, com algum sentido: o maior triunfo político de José Sócrates foi…Passos Coelho.Pura coincidência querido leitor(a), chegou-me agora mesmo às mãos o manifesto «Um novo rumo» lançado por Mário Soares e outras personalidades, antes da greve geral do dia 24 de Novembro (estou a lê-lo a 23). Num dos parágrafos lá diz bem claro: «As correntes trabalhistas, socialistas e sociais-democratas adeptas da 3ª. Via, bem como a Democracia Cristã, foram colonizadas na viragem do século pelo situacionismo neo-liberal».
E neste principio de século, que rumo para o Socialismo Democrático? Regressar às origens – Justiça Social, defesa da Dignidade do Trabalhador, Liberdade e Democracia. Para nós portugueses, a isto temos de juntar – RECUPERAÇÂO DA NOSSA SOBERANIA!!!
Não há que ter medo a estas palavras, têm de fazer parte do léxico do Socialismo Democrático. Alguém dizia, com razão, que o mais «vermelho» que se ouve presentemente aos socialistas é «coesão social».
A Globalização económica e tecnológica marcam as leis, os centros de poder e a Democracia estão nas mãos de dirigentes da banca, a UE avança debaixo do modelo alemão, guerras e nacionalismos estão em incubação, o meio ambiente continua a ser desrespeitado. Esta é a política do Grande Capital, que vê como utópica e irrealizável qualquer política diferente desta.
A única alternativa a esta barbárie é o Socialismo Democrático, mas para isso há que pôr de parte o pragmatismo eleitoral, ou seja, procura de votos em qualquer escalão altíssimo da sociedade e a qualquer preço, levando isso muitas vezes a que algumas classes médias altas aburguesadas e, até oligarcas se tenham apresentado como socialistas, mas que nunca se tenham integrado no Socialismo Democrático, tendo posturas individuais e sociais que obrigam à perca de outros apoios importantes, dito de outra maneira, trocar os humildes, os explorados e os desempregados que votam por convicção, por elites que votam por interesse, tudo isto feito numa atitude subserviente para com os poderosos. Também é necessário terminar com a indefinição ideológica e programática, porque muita desta nova classe dirigente, sem experiência e sem interesse em questões sociais, tem um conhecimento superficial da história dos movimentos dos trabalhadores ao longo dos tempos, também essa superficialidade se nota na análise política e económica. Infelizmente, também já atiraram para o caixote do lixo da história, homens como Lón Blum, Jean Jaurés, Salgado Zenha, António Arnaut, entre outros.
«Passeio pelo Côa», opinião de António Emídio

ant.emidio@gmail.com

Para onde vão a Social-Democracia e o Socialismo Democrático? Quem permite que um grupo de banqueiros tenha mais poder que milhões de votos? Quem permite que meia dúzia de fortunas tenham mais poder decisório do que Parlamentos Nacionais Democraticamente eleitos? Quem permite que MAFIAS de colarinho branco dominem a política mundial e destruam o meio ambiente?

António EmidioEntre os culpados estão a Social-Democracia e o Socialismo Democrático. Essas duas forças políticas a nível europeu já não governam para defender os interesses das classes mais humildes, governam para defender os interesses das classes altas. Repudiam os seus próprios fundamentos, os seus ideais. Nos Parlamentos já não defendem os assalariados, como era seu dever, defendem os seus próprios interesses. Deixaram de fazer políticas sociais e Keynesianas que sempre as caracterizaram. Como vão explicar aos seus eleitores, àqueles que neles acreditaram, o tipo de políticas que estão realizando? Que dirão por exemplo José Sócrates e os seus seguidores nas próximas campanhas eleitorais? Que dirão dessas «leis 2010» que consistiram num retrocesso de medidas sociais? Talvez que tudo tenha sido necessário para preparar um próximo futuro onde o maná cairá do Céu para todos nós, sem excepção. Que dirão quando eclodir, como se espera, a mais grave crise social dos últimos oitenta anos em Portugal? Pedem mais votos e aplausos…
O que são presentemente os Sociais-Democratas e os Socialistas Democráticos a nível europeu? Vulgares oportunistas ao serviço do grande poder económico, não das populações que lhes deram o voto. Têm falta de sensibilidade social, solidariedade social e, pior ainda! Uma falta de ética política porque governam à base de traições aos princípios para que foram eleitos.
Para onde caminham a Social-Democracia e o Socialismo Democrático?
Tudo está à deriva querido leitor(a), estamos num período de transição, a desorientação é grande, o fim do Capitalismo Selvagem está a aproximar-se, como irá cair? Arrastará tudo e todos com ele? O fim dos combustíveis fósseis está próximo, como será viver sem eles? Sem o petróleo? A mudança climática causa cada vez mais catástrofes naturais, se o homem nada fizer o que poderá acontecer à humanidade? Os Estados e Unidos e Israel conseguirão passar sem desencadearem uma guerra nuclear? Estamos numa época de mudança, depende de nós também, o rumo que o Mundo e o País levarem.
«Passeio pelo Côa», opinião de António Emídio

ant.emidio@gmail.com

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Outubro 2019
S T Q Q S S D
« Fev    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.152.626 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES

Anúncios