You are currently browsing the tag archive for the ‘raiar’ tag.

O Consulado de Portugal em Paris inaugura no próximo dia 14 de Setembro, às 18h30, uma exposição dedicada à tradição popular portuguesa Capeia Arraiana.

Trata-se de uma iniciativa que se segue ao registo da Capeia Arraiana como Património Cultural Imaterial no Inventário Nacional do Instituto dos Museus e da Conservação, classificado pelo seu valor enquanto manifestação popular e etnográfica.
A Capeia Arraiana, diz-se numa nota divulgada pelo Consulado de Portugal em Paris, é uma manifestação tauromáquica específica de algumas freguesias da orla raiana do concelho do Sabugal, que se singulariza pelo facto de a lide do touro bravo ser realizada com o auxílio do forcão, estrutura triangular em madeira suportada por um grupo de homens que assim enfrenta as investidas do touro.
A mostra, que está integrada na programação cultural do Consulado, pode ser visitada até 26 de Setembro, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas, no Espaço Nuno Júdice do Consulado Geral de Portugal – 6 Rue Georges Berger 75017 Paris.
A organização da exposição partiu da iniciativa da Associação RAIAR, de Aldeia do Bispo, e especialmente dos raianos Domingos Ricardo e Manuel Luís Gonçalves, contando com a colaboração do Consulado de Portugal em Paris.
plb

Anúncios
GALERIA DE IMAGENS – 14-2-2010
Fotos RAIAR – Clique nas imagens para ampliar

Num ambiente de frio intenso (as temperaturas chegaram a atingir os 7 – 8 graus negativos), o Carnaval 2010, em Aldeia do Bispo, subiu mais alguns degraus para se afirmar definitivamente como um dos mais importantes da raia sabugalense (pelo menos…).

Carnaval - Aldeia do Bispo - 2010 - RaiarMarcaram presença muitos conterrâneos (em número superior ao habitual, em minha opinião) e muitos forasteiros, quer portugueses, quer espanhóis (alguns, com pinta de Recortadores, vindos de Coria).
Domingo – Por volta das 11.30 horas, teve lugar o encerro dos touros (e algumas vaquechas), no percurso entre o cemitério velho e o largo da Igreja. Apesar da temperatura rondar, a essa hora, os 2-3 graus negativos, compareceu muita gente ao encerro, de tal forma que havia quem comentasse que parecia o encerro de Agosto. Seguiu-se o «boi da prova», com a animação dos naturais de Aldeia do Bispo e dos «de fora», que nesta altura também são autorizados a pegar ao forcão e a dar umas «carreirinhas».
Após o almoço, teve início o cortejo carnavalesco, ao som dos bombos, isto é, do barulho dos bombos, já que os instrumentistas actuaram de improviso e imitaram as linhas paralelas: por mais que tocassem nunca conseguiram encontrar-se.
Abriu o desfile o carro alegórico do campanário, com a lindíssima bandeira «de bandear» dos mordomos, seguido do andor do Santo Entrudo, ladeado pelas senhoras da terra, nos seus belos trajes regionais; imediatamente a seguir vinha o «Menino» e, mais atrás, o palio com a autoridade religiosa que dá nome à terra. Seguiam-se a «banda» e uma novidade que a todos maravilhou, «as alabardas andantes». As crianças foram, efectivamente, a atracção principal deste renovado corso carnavalesco. Mais atrás vinham os cabeçudos e gigantones, a praça desmontável (outra novidade), o forcão dos mais pequenos e a representação do encerro (os touros eram muito bravos, estavam constantemente a fugir e deram trabalho redobrado aos cavaleiros). Encerrou o cortejo, a ambulância, do Dr. Camejo.
O acto final do desfile de carnaval teve lugar com um teatro, em frente do chafariz e da casa do João Fernandes: as «raparigas/praça desmontável» fizeram um círculo, as alabardas andantes, todas sorridentes, deram o seu passeio ao som do tambor e teve início a tourada: o touro marrou rijamente, veio o «capinha Manho», que se deixou apanhar, tendo sido socorrido e levado em maca pelas enfermeiras do Dr. Camejo.
Findo o desfile de Carnaval, teve início a capeia com bois a sério (bem, a sério a sério não eram bem, porque estavam tão magrinhos que eram mais esqueletos ambulantes com cornos numa ponta).
Mas lá que escornavam, escornavam e deram alguns empurrões, coisas sem gravidade … aos do costume, àqueles que vêem sempre dois touros e depois fogem do que não é, mas são apanhados pelo touro que é.
Por volta das seis horas, os touros, acompanhados pelos cabrestos, estavam fartos de correrem da Igreja de baixo, rua acima até à praça e da praça em sentido inverso até à Igreja, abanando os cornos para enxotar os mais afoitos e as gentes estavam fartas do frio que se fazia sentir. Após uma breve troca de olhares, concordaram que o melhor era cada um regressar a sua casa para tratar do jantar e aquecer o esqueleto.
Segunda-feira – Aldeia do Bispo acordou coberta por um manto de neve que, em sítios mais abrigados, chegou a ter entre dez e quinze centímetros de altura. Para os menos habituados, foi um enorme prazer poderem pisar uma alcatifa tão branca e fofa; para os mais velhos, a eminência de um «chambote» revelou-se factor inibidor de grandes passeios.
Com tanta neve, ninguém se atreveu a falar nos Jogos Tradicionais, previstos no programa para as «14.00 horas no largo da aldeia».
No final do dia, quer dizer, à noite, isto é, à noitinha, realizou-se o baile dos mascarados ocasionais e dos de todos os dias, no pavilhão do Lar de Santo Antão, animado pelo conjunto «Fãs da Farra», com entrega de prémios às melhores mascaras para a ocasião.
Viu-se muita gente de Aldeia do Bispo mas, igualmente, de outras aldeias das redondezas, em alegre convivência.
Na terça feira de carnaval, ainda com neve bem visível, mas com menos frio que no Domingo (2-3 graus positivos), repetiu-se o encerro e com o mesmo trajecto. Dado o atraso verificado, relativamente à hora prevista, houve menos resistentes, mas o brilho foi idêntico ao de Domingo.
Aquando do início da tourada já toda a neve tinha derretido.
Como balanço final, posso testemunhar que foram dias muito divertidos e em que as coisas correram com grande animação. O frio prejudicou, mas não impediu o convívio entre as gentes da terra e os visitantes.
Os trajes e adereços carnavalescos foram recuperados uns e outros feitos de novo, com criatividade e sentido estético, como as fotografias demonstram. Para isso foi necessário que muitas pessoas trabalhassem muitos dias e muitas noites, mas o resultado do seu trabalho agradou a todos. Para todas essas pessoas e, em nome de todos aqueles que, como eu, usufruíram da sua dedicação e empenho um Muito Obrigado.
A organização do Carnaval deste ano esteve a cargo da Associação da Mocidade, da Junta de Freguesia e da Raiar, com a colaboração da Litografia Diana. Atendendo aos resultados obtidos, esta colaboração deverá ser consolidada e alargada, inclusivamente, a outro tipo de iniciativas.
Francisco Ricardo

A vida são dois dias e o carnaval em Aldeia do Bispo são três. Nos dias 14, 15 e 16 de Fevereiro, Aldeia do Bispo sai à rua com os seus desfiles de carnaval, os encerros e garraiadas que já vão sendo tradição nesta aldeia raiana.

Paulo AdãoA Associação da Mocidade de Aldeia do Bispo, em parceria com a Associação Raiar, com os apoios da Junta de Freguesia e da Diana, Litográfica do Alentejo, organiza aquele que é o maior carnaval da Raia: o carnaval de Aldeia do Bispo.
Esta tradição, sob a responsabilidade das sucessivas Juntas de Freguesia, começou há vários anos, com encerros e garraiadas, depois juntaram-se os gigantones e cabeçudos. De meia duzia de pessoas em desfile há alguns anos atrás, o carnaval de Aldeia do Bispo é hoje um momento onde toda a povoação se envolve, onde todos participam de livre vontade, onde o bom ambiente, a boa disposição, a alegria e o convívio não faltam.
De Lisboa, do Porto, de Paris ou de outros destinos, são já muitos os que regressam à Aldeia do Bispo nesta altura, para assitirem, participarem e festejar o carnaval.
No programa para este ano, além das garraiadas, o desfile de carnaval vai realçar as tradições de outros tempos, tentar mostrar como os antigos viviam esta época, como se disfarçavam para festejar o carnaval.
Durante três dias, vai haver festa e animação pelas ruas de Aldeia do Bispo. A organização promete folia e divertimento para todos. Não faltem, tragam um amigo e venham divertir-se à Aldeia do Bispo.
«Um lagarteiro em Paris», opinião de Paulo Adão

paulo.adao@free.fr

GALERIA DE IMAGENS – 11-11-2009
Fotos Paulo Adão (Raiar) – Clique nas imagens para ampliar

Estava marcado para dia de São Martinho, o primeiro Magusto da Raia, organizado pela Associação Raiar, na região de Paris. A meio da manhã, membros da associação, começaram a preparar o local, para receber como pertence todos os convivas raianos que queiram aparecer.

Paulo AdãoNo local, foram expostos vários artigos, alguns muito antigos, artigos das alfaias agricolas da nossa região, o forcão em miniatura, peças de artesanato e várias obras de arte, concretamente as pinturas do Francis Veras da Silva, de Aldeia do Bispo. Foram também expostas algumas fotografias antigas que relembraram actividades agricolas e ainda duas serigrafias, amplamente conhecidas, da autoria de Alcinio Vicente, reprensentando Cristo e o Encerro.
O dia levantou-se com algum nevoeiro, mas rapidamente o sol apareceu e deu lugar à uma tarde fresca mas «ensoleillé».
Os participantes foram chegando ao local, os assadores começaram a fumejar e pouco tempo depois começou à saborear-se as excellentes castanhas e a jeropiga, vindos da nossa região. O bom ambiente amigavel, da raia, não faltou, o David (filho do Francis Veras) deu ainda alguns «toques» de acordeão, houve castanhas e jeropiga (filhós, bolos, sumos e cerveja), durante toda a tarde.
Como anunciado, organizou-se um mini-torneio de petanque. Seis equipas divertiram-se e mostraram as suas habilidades neste jogo. No final foram distribuidos prémios aos vencedores.
O número de participantes, (um pouco mais de 50 pessoas), ficou aquém das expectativas da organização, sendo dia feriado, esperava-se maior número de participantes, mas para o ano haverá mais, se Deus quiser.
Um abraço desde Paris
«Um lagarteiro em Paris», opinião de Paulo Adão

paulo.adao@free.fr

A Associação Raiar de Aldeia do Bispo organiza no dia 11 de Novembro na região de Paris o «Magusto da Raia».

Paulo AdãoA Raiar – Associação de Aldeia do Bispo – tem organizado diversos eventos, em terras de França e em Aldeia do Bispo, nomeadamente convívios anuais, exposição e debate sobre as origens de Aldeia do Bispo e terras de Riba-Côa na região de Paris, a instalação de uma mesa de orientação no Malhão, a criação e organização de percursos pedestres – a rota do Malhão, já terminada, sinalizada e em fase de certificação pelos organismos correspondentes –, e a limpeza e revalorização de espaços públicos em Aldeia do Bispo.
A Raiar vai, este ano, organizar aquilo a que chamou «Magusto da Raia» na região de Paris. O objectivo principal é reunir à volta das castanhas e do São Martinho, o maior número possivel de arraianos e amigos da Raia Sabugalense e reforçar através desta tradição, a amizade que sempre reinou entre as diferentes aldeias.
O programa «oferece» uma tarde alegre e divertida para rever amigos e como o local proporciona isso mesmo, um grande «Torneio de Petanque».
O encontro está marcado para dia 11 de Novembro, a partir das 14.00 horas, no Boulodrome de la ville de Paris, Stade Léo Lagrange, Rue des Fortifications, PARIS 12ème.
O lema da festa raiana é: Vem e diverte-te. Traz um arraiano contigo.
Um abraço desde Paris.
«Um lagarteiro em Paris», opinião de Paulo Adão

paulo.adao@free.fr

GALERIA DE IMAGENS – 15-8-2008
Fotos Raiar (Paulo Adão) – Clique nas imagens para ampliar

No dia 15 de Agosto a Associação Raiar de Aldeia do Bispo inaugurou a Rota do Malhão organizando uma caminhada que teve a participação de cerca de 40 raianos.

RaiarA Raiar, associação de Aldeia do Bispo, iniciou o ano passado a sinalização de um percurso em volta de Aldeia do Bispo, denominado Rota do Malhão, com passagem pela Mesa de Orientação, instalada na parte mais alta da serra, nas Matanças. Depois de instalados os azulejos nesta mesa, com indicações de diversos destinos e distâncias, foi oficialmente inaugurado, na sexta-feira, 15 de Agosto, este trilho para caminheiros, respeitando a legislação oficial na sinalização de percursos pedestres.
Os participantes começaram a juntar-se pelas sete e meia da manhã junto à Igreja de Aldeia do Bispo. Assim que as oito badaladas soaram no relógio do campanário partiram todos em direcção ao Pocinho, Valongo, Matança, Mesa de Orientação, Cabeço Vermelho e descida até às Tapadas por terras espanholas. Participaram neste evento, com muita alegria, cerca de 40 pessoas, e o bom ambiente não faltou. A chegada à Aldeia deu-se precisamente às 11 horas permitindo que todos participassem na Missa do dia de Nossa Senhora.
A Raiar tem vindo a organizar nestes últimos anos passeios pedestres com o intuito de possibilitar o conhecimento aos participantes de paisagens e lugares de beleza única existentes no limite de Aldeia do Bispo e na região raiana.
Paulo Adão

Uma das mais activas associações do concelho do Sabugal tem a sua sede em Aldeia do Bispo. Falamos da Raiar uma associação que aproveita todos os anos o mês de Agosto para actividades culturais e ambientais.

Associação RAIARA Associação Raiar apresenta-se como uma associação com um «cunho marcadamente cultural que tem como objectivos mais vastos preservar o património herdado dos nossos pais, nos capítulos social, cultural, económico, arquitectónico, e transmiti-lo ampliado e enriquecido aos nossos filhos e para tanto, tentaremos envolver, neste movimento, o maior número possível de pessoas de Aldeia do Bispo, quer residentes em Portugal, quer no exterior».
A Raiar conta entre os seus membros com ilustres sabugalenses. Que nos desculpem os restantes mas nunca é demais destacar ilustres lagarteiros como o professor Adérito Tavares, a deputada Ana Manso, o pintor Alcínio Fernandes Vicente, o padre Carlos Manso Fernandes, o master da página Internet da Raiar Paulo Adão, o proprietário da Tipografia Diana Justo Nabais e o presidente da Casa do Concelho do Sabugal José Eduardo Lucas.
O plano de actividades para o próximo mês de Agosto contempla a Assembleia Geral da Raiar, o «Dia do Ambiente e do Património» e três passeios a pé pelos bonitos caminhos da raia.
No domingo, dia 3, caminhada entre Alfaiates e Aldeia do Bispo com passagem pela Sacaparte, Senhora dos Prazeres, Matança, Cabeço Vermelho, Barreiras e Tapada. A associação colocará à disposição dos participantes um autocarro entre Aldeia do Bispo e a Sacaparte.
Na sexta-feira, dia 8, caminhada no escuro desde Aldeia do Bispo até Aldeia Velha e regresso a Aldeia do Bispo.
Na quinta-feira, dia 14, estão todos convidados a participar no «Dia do Ambiente e do Património» com instalação dos postes em madeira com as setas de orientação, arranjo da zona envolvente da mesa de orientação na Matança, instalação do painel informativo com os mapas e dos marcos miliários, o arranjo do Largo da Fonte, a limpeza da Ribeiro entre a Fonte e o Poço, a recolha de lixo volumoso e a sensibilização dos jovens para a recolha de papéis e plásticos junto à ponte do quartel até à estação de elevação dos esgotos. A jornada completa-se com a plantação de árvores junto à mesa de orientação e à demonstração do toque dos sinos em diversas circunstâncias.
No feriado de 15 de Agosto será inaugurado o percurso «Rota do Malhão» com uma caminhada entre o Pocinho, Valongo, Matança, Nascente do Rio Côa, Cabeço Vermelho, Barreiras, Tapadas e Carrasqueiros. No final haverá um piquenique no Largo do Enxido.
jcl

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Agosto 2019
S T Q Q S S D
« Fev    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.144.606 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES

Anúncios