You are currently browsing the tag archive for the ‘cidade’ tag.

O nono torneio de judo da cidade do Sabugal, realizou-se com grande sucesso, no passado dia 13 de Outubro, no pavilhão das piscinas Municipais do Sabugal. Participaram no evento organizado pela secção de judo do Sporting Clube do Sabugal 104 crianças com idades até aos 12 anos, divididas por 27 grupos.

A logística do IX Torneio de Judo da cidade do Sabugal esteve a cargo da secção de Judo do Sporting Clube do Sabugal (SCS) com ajuda de alguns treinadores de clubes convidados. Participaram no evento 104 crianças até aos 12 anos, divididas por 27 grupos. Os clubes que aceitaram o convite e visitaram a cidade raiana, vieram de Beja, Alvito, Marvão Castelo Branco, Covilhã, Coimbra e Gouveia, contando com a presença de 14 pequenos judocas do clube local.
A participação esteve dentro do esperado quanto ao número de participantes, tendo em conta as dificuldades que todas as instituições apresentam no que toca ao custo com deslocações.
Os judocas do Sporting Clube do Sabugal cumpriram com os objetivos previsto para este tipo de prova, que servem essencialmente para o amadurecimento do atleta na vertente competitiva da modalidade. As regras são aqui adaptadas as idades e não se fazem eliminatórias para que cada judoca faça pelo menos dois ou três combates.
A organização não deixa de querer agradecer aos judocas mais velhos da secção de Judo do SCS e a todos os que directamente ou indirectamente fizeram com que o torneio fosse um sucesso, incluindo os participantes e respectivos acompanhantes que encheram as bancadas. Agradecendo ao enfermeiro que esteve voluntariamente de prevenção durante a prova e aos funcionários da Empresa Municipal Sabugal +, pela gentileza como sempre têm recebido e colaborado neste evento.
Todos os judocas vão continuar a sua preparação, tendo em vista algumas provas de preparação até ao final do ano, esperando que as pessoas presentes conhecedoras ou não desta modalidade olímpica se apresentem no Dojo (sala de treino) para experimentar a prática do judo que se adapta a todos os escalões etários.
djmc

As bancadas do Pavilhão Municipal encheram para assistir ao VII Torneio de Judo da Cidade do Sabugal que registou a maior participação de sempre de judocas com idades compreendidas entre os quatro e os 12 anos.

Torneio Judo Cidade Sabugal

Realizou-se no sábado, 9 de Outubro, no pavilhão das piscinas municipais do Sabugal, o VII Torneio de Judo da Cidade do Sabugal. A secção de Judo do Sporting Clube do Sabugal que organizou o evento, esperava ultrapassar este ano a presença dos 100 judocas, que estiveram na última edição, acabando por se apresentarem este ano quase 200 pequenos judocas, com idades compreendidas entre os 4 e os 12 anos.
Os participantes distribuíram-se por seis distritos, provenientes de 14 Clubes, sendo estes: Judo Clube União Albicastrense, Judo Clube Alcainense, Jardim Escola João de Deus (Castelo Branco), Academia de Judo Ginásio de Castelo Branco, Judo Marvão, Judo de Góis, Associação Académica de Coimbra, Judo da Lousã, Associação Académica da Universidade de Aveiro, Judo do Beira-Mar (Aveiro), Judo Clube de Viseu, Os Repesenses (Viseu), Clube de Judo da Guarda e Sporting Clube do Sabugal.
A competição decorreu dentro daquilo que estava previsto, sendo a correria inicial para agrupar os pequenos atletas já um pro-forme ao qual os treinadores que normalmente se deslocam com jovens destas idades já estão habituados. Este tipo de Torneio, escassos no País, daí o elevado número de participantes, visa a promover nas idades mais tenras o desenvolvimento competitivo dos jovens praticantes, com regras adaptadas, garantindo sempre a integridade física dos judocas, bem como o espírito colectivo, no que diz respeito á camaradagem necessária para apoiar os colegas de treino.
A entrega dos prémios, respectivo lanche e brinde no final da prova acabou por ser o melhor momento para os pequenos judocas merecedores de um resto de fim-de-semana de descanso.
A organização não deixa de querer agradecer aos judocas mais velhos da secção de Judo do SCS e a todos os que directamente ou indirectamente fizeram com que o torneio fosse um sucesso, incluindo os participantes e respectivos acompanhantes que encheram as bancadas.
Agradecendo ao município pelo apoio ao transporte dos tapetes para o pavilhão, à Junta de Freguesia do Sabugal pelos lanches, ao enfermeiro que esteve voluntariamente de prevenção durante a prova e aos funcionários da empresa municipal Sabugal+, pela gentileza como sempre têm recebido e colaborado neste evento.
No que diz respeito às classificações, a representação da secção de Judo sabugalense, com 14 judocas inscritos no Torneio, obtiveram sete primeiros lugares (Emanuel Martins, Pedro Carreira, Eduardo Leitão, André Neves, Beatriz Pinheira, Miguel Almeida e Joana Carreira), três segundos lugares (Marco Rocha, Alexandra Nabais e Roberto Pereira), um terceiro (Pedro Gonçalves) e três quartos lugares (Eduardo Castilho, Bernardo Pires e João Caldeirinha).
djmc

O futuro na cidade do Sabugal, despoletado neste Blogue merece, sem dúvida, a abertura de um debate sereno mas clarificador. Aqui deixo, telegraficamente, sete reflexões…

Ramiro Matos – «Sabugal Melhor»1.ª reflexão – A cidade do Sabugal não tem futuro, se o Concelho não tiver futuro, e o Concelho não terá futuro sem uma Cidade forte, desenvolvida e competitiva a nível regional. Isto é, o futuro da cidade do Sabugal joga-se na capacidade que tivermos de construir um território coeso que caminhe de uma forma homogénea rumo a um futuro melhor.
2.ª reflexão – Não há futuro para a cidade e para o Concelho do Sabugal na ausência de uma estratégia de desenvolvimento claramente definida, compreendida e aceite pelos sabugalenses.
3.ª reflexão – Não há futuro para a cidade e para o Concelho do Sabugal, sem entender este futuro na óptica do futuro da Região onde se insere e na capacidade de se tornar regionalmente competitivo.
4.ª reflexão – O futuro da cidade e do Concelho do Sabugal deve ainda ser entendida na sua integração em lógicas de desenvolvimento integrado com as «mancomunidads» fronteiriças espanholas, com destaque especial para as Mancomunidads de Alto Águeda e de Sierra de Gata, e com o Concelho de Penamacor, construindo uma nova centralidade regional transfronteiriça.
5.ª reflexão – O futuro da cidade do Sabugal deve passar também pela compreensão de que realidade urbana se fala. Venho defendendo que falar hoje da cidade do Sabugal, tal significa falar de um conjunto mais alargado do que os limites físicos actuais da freguesia, que abrange, pelo menos, as freguesias da Aldeia de Santo António e das Quintas de São Bartolomeu. E não falo em integrar estas freguesias no Sabugal, falo de uma nova entidade urbana que, na prática, já existe no terreno (basta pensar que uma parte do que hoje consideramos cidade do Sabugal pertence à freguesia de Aldeia de Santo António…).
6.ª reflexão – As soluções ganhadoras num Concelho ou numa Cidade não são exportáveis. Os portugueses têm muito o hábito de pensarem que «se deu além, então aqui também vai dar». Esta é uma armadilha a que devemos fugir, pois a nossa realidade é diferente da de Óbidos ou de Guimarães, ou de qualquer outra cidade dita «criativa». E a corrente das «cidades criativas» nem é uma panaceia universal, nem se aplica a todas as realidades… A criatividade está em, em cada momento, sermos capazes de definir os caminhos para uma cidade e um Concelho com futuro.
7.ª reflexão – Porque importante, uma cidade do Sabugal sem Centro histórico ocupado pelas pessoas não existe. Torna-se assim necessário definir medidas concretas que conduzam à preservação/reabilitação do Centro histórico da Cidade (e entendo aqui este Centro não só o que é limitado pelas muralhas mas igualmente todo aquele que vai entre estas e o Largo da Fonte), no entendimento de que tal só valerá a pena se for acompanhada pela criação de um espaço de qualidade habitado e vivo. E para isso o Município deve ter uma atitude pró-activa de, em conjunto com os proprietários, encontrar as formas de reabilitar o património edificado, incentivando, ao mesmo tempo, a fixação de novos moradores na zona.

ps. Para os que venham dizer que não apresentei propostas concretas, aconselho a leitura de uma parte significativa das crónicas que aqui escrevi nos últimos dois anos sobre o assunto e, porque nele me revejo, o Programa Eleitoral do Partido Socialista nas últimas eleições autárquicas.
«Sabugal Melhor», opinião de Ramiro Matos

rmlmatos@gmail.com

«A memória do povo é curta», diz o ditado… se «a História for incorrectamente escrita» acrescentamos nós. O que está em causa a uma distância de cerca de 480 dias (!?) não são, não podem ser, os candidatos a candidatos mas julgar e ajuizar o que foi e vai ser feito durante este mandato autárquico. E, claro, dar voz aos vereadores da Oposição para perceber aquilo que não foi ou foi mal feito. Mas… há uma personalidade incontornável quando tivermos que escrever a história da primeira década do século XXI do nosso concelho: Manuel Rito Alves, presidente da Câmara Municipal do Sabugal.

Manuel Rito AlvesO concelho do Sabugal entrou numa espiral de faz-de-conta. Num território com uma área (826 km2) maior que a ilha da Madeira (740 km2), com 40 freguesias e cerca de 100 aglomerados populacionais, contabilizando quintas e anexas, já tudo deixou de fazer sentido.
Deixaram de ser importante as obras da Câmara Municipal, deixaram de ser importantes as obras das Juntas de Freguesia, deixou de ser importante o mais importante. Ainda falta cerca de um ano e quatro meses – será que disse bem? – sim, mais coisa menos coisa faltam cerca de 16 meses ou se preferir 480 dias com muita água a correr por debaixo das pontes da Côa.
E qual é a preocupação dos sabugalenses? De todos? De alguns? A resposta que é em si mesma uma questão é evidente. Quem vão ser os candidatos à Câmara Municipal do Sabugal?
E já agora, pergunto eu porque é igualmente importante. Quem vão ser os candidatos às Juntas de Freguesia? Aqueles que, pela sua proximidade, defendem mais de perto os verdadeiros interesses das envelhecidas populações do nosso concelho? E por falar de população envelhecida. Seria muito interessante saber quem se quer candidatar à Direcção das IPSS (lares de idosos) do nosso concelho. Ou se calhar não…
Quem é o candidato à Câmara Municipal de Lisboa? Não sabemos. E do Porto? Ainda não está assumido. E das outras grandes metrópoles? «O corno do homem? Logo se bê!» como gostava de dizer o Manuel Falcão quando na minha meninice – nos anos 80 do século passado –, me dava boleia até ao Sabugal na sua velha camioneta depois de carregarmos cimento e ferro em Alverca. Aproveito para destacar com muita amizade a Dona Isabel Cerdeira e o carismático sabugalense Manuel Falcão que muito têm contribuído para o desenvolvimento do nosso concelho.
Falta fazer obra no concelho. Falta acabar obra. As eleições «julgam» o que se fez e o que ficou por fazer. A seu tempo teremos que avaliar grandes obras deste mandato. A recuperação das Termas do Cró, a ligação à A23 e… o arriscado desafio do Centro Transfronteiriço de Negócios do Soito que vai ficar concluído durante o presente mês de Junho, cerca de três meses antes da data prevista graças ao grande profissionalismo e competência da equipa de construção civil liderada pelo empresário Manuel Augusto.
Mas será importante dar voz aos vereadores da Oposição para todos percebermos aquilo que não foi ou foi mal feito.
Assumo hoje publicamente, pela primeira vez, a minha admiração pela personalidade e carácter de Manuel Rito Alves, presidente da Câmara Municipal do Sabugal.
O homem de quem, alguns, já não querem falar. A memória dos homens é curta, todos o sabemos, mas a História do concelho do Sabugal vai passar a incluir obrigatoriamente mais um nome: Manuel Rito Alves. Pelo muito que tem feito pelo concelho e pela sua capacidade aglutinadora de consensos.
Constatei, ao vivo, o à-vontade com que lida com as populações. É reconhecido em todo o lado («nada de especial» dirão alguns) e reconhece pelo nome a grande parte daqueles que se lhe dirigem («nada de especial» dirão outros).
Surpreende quem o acompanha porque sabe e reconhece (sem papéis) em cada freguesia os investimentos da «sua» Câmara, os valores, os objectivos e as obrigações a que se comprometeram os que tomaram posse das obras. Aqui deixo uma «pergunta difícil»: Quantos habitantes tem a Retorta? A resposta foi-me dada, recentemente, por Manuel Rito à vista desse pequeno presépio encrustado na encosta do vale entre Penalobo e Quarta-Feira.
Vive um mandato com dificuldades pessoais mas quando questionado na ruas das nossas aldeias respondeu, invariavelmente, com um sorriso no rosto: «Nem vale a pena falar disso!»
Não me cabe a mim neste momento, enquanto jornalista e em respeito pela minhas fontes, dizer se ele é novamente candidato. Mas cabe-me a mim enquanto repórter e opinador assumir publicamente o imenso carisma desta personalidade sabugalense.
Muito fica por dizer. Talvez numa próxima oportunidade. Mas aqui fica, PUBLICAMENTE, a minha grande admiração pelo sabugalense, pelo político e pelo empreendedor Manuel Rito Alves.
Se a minha independência fica beliscada? Só na boca daqueles que nunca souberam assumir frontalmente o que pensam. Estou e ficarei de consciência tranquila.
Termino com uma frase do presidente da Câmara Municipal do Sabugal, Manuel Rito Alves, na cerimónia de apresentação do livro «Celestina»:
«Só somos dignos do nosso futuro se soubermos respeitar o nosso passado!».
Obrigado Senhor Presidente.
«A Cidade e as Terras», opinião de José Carlos Lages

jcglages@gmail.com

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Fev    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.160.532 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES