You are currently browsing the tag archive for the ‘alentejo’ tag.

Em deambulação pelo Alentejo, percorrendo as estradas que cruzam as imensas campinas pejadas de sobreiros e oliveiras, podemos admirar a imensidão da paisagem. Para além das vistas desafogadas é importante tratar do estômago, procurando as iguarias da culinária local.

Sopa de toamateQuem siga pela auto-estrada nº.6, em direcção a Espanha, encontra a saída para Borba e Vila Viçosa poucos quilómetros após Estremoz. Tomando pois o percurso de Vila Viçosa pela velha estrada nacional, avista à esquerda, andado apenas um quilómetro, uma placa que indica Ourada. Metendo então por uma via estreita e sinuosa, em direcção á Ourada, o viajante descobrirá em breve, outra vez à esquerda, a placa indicativa de uma terra de nome curioso: Alcaraviça. É pois para Alcaraviça que o descobridor deverá rumar, á cata da antiga tasca do Zé Pina. Até lá andará em estrada estreita, que aos bordos segue pela vertente de uma pequena encosta, cruzando vinha e olival.
Encontrará a velha tasca numa graciosa encosta, em casa caiada, à moda das habitações das terras que se pisam. Está em local ermo, sem mais casario ao redor, mas de onde se avista soberba paisagem, sendo muito belo observar dali o pôr-do-sol neste tempo primaveril, em que o Alentejo abandona as vestes verdes para começar a trajar de amarelo.
A antiga taberna, deu agora lugar a espaço melhor cuidado. O bar foi ampliado, criou-se uma sala de refeições, dispôs-se novo mobiliário, decoraram-se as paredes com velhos utensílios da lavoura.
Gente nova toma conta do negócio, dada a aposentação do Senhor José Pina. Tendo enviuvado o velho taberneiro não se sentiu capaz de levar por diante a função. Contudo, a especialidade da casa continua a ser a sopa de tomate e o coelho assado na caçarola. Agora o bar chama-se «Espalha Brasas» e vêm servir à mesa com os salamaleques próprios dos restaurantes de nomeada, num ar de modernidade a que não estava habituado o normal cliente de Zé Pina, que via no local uma tasca das antigas, onde se bebia bagaço ao balcão e se falava alto para ser ouvido por entre a conversa brava que às vezes ocupava os alentejanos que ali aportavam.
De entrada o viajante terá ao dispor torresmos acompanhados por tiras de pimento cru, e ainda um saborosíssimo queijinho de ovelha curado. Quanto a bebida impõem-se beberricar do vinho corrente da cooperativa de Borba, ou, querendo coisa de maior reputação, um Marquês de Borba tinto, de reserva, que ali é apresentado a bom preço.
Para comer, já saberá o viajante ao que veio. Primeiro comerá uma bela sopa de tomate, que vem à mesa numa terrina. A água vermelha do tomate vem com ovos escalfados a boiar, restando meter-lhes a gadanha e puxar para o prato um par de cocharras, a que se juntam umas pequenas fatigas de pão de trigo que lhe colocam ao lado num açafate. É de comer e berrar por mais!
Depois é tempo de vir à mesa a caçarola de barro pejada de pedaços de coelho assado. Virá a escaldar, puxada directamente do forno, exalando um aroma formidável. Acompanha com batata cozida ou frita, ou então com um naco de pão. O comensal descobrirá aqui uma maravilha gastronómica, coisa única no país.
plb

As previsões do Instituto de Meteorologia apontam para uma Páscoa branca marcada pela queda de neve na Serra da Estrela. Para sábado estão previstos aguaceiros para o Algarve.

Hotel Serra da EstrelaO Instituto de Meteorologia prevê para o fim-de-semana da Páscoa uma acentuada descida da temperatura com as terras altas de Bragança e Penhas Douradas a registar temperaturas negativas e queda de neve. A partir de sexta-feira santa o território continental o tempo vai caracterizar-se por instabilidade atmosférica afectado por uma «massa de ar frio e instável».
Os turistas que escolheram a Serra da Estrela para passar as mini-férias vão deliciar-se com um manto branco em resultado da queda de neve. A zona da Região de Turismo regista, já, uma taxa de ocupação a rondar os 80 por cento.
Para o Algarve está prevista a ocorrência de aguaceiros mas a temperatura, mais primaveril, deverá rondar os 20 graus.
Durante o dia de quarta-feira o tempo causou surpresas pelo País. No Alentejo, nos arredores de Pinheiro da Cruz, ocorreram, durante a tarde, quedas de granizo e neve anormais para a região.
Entretanto, o Instituto de Meteorologia elevou ontem o nível de aviso para os distritos de Setúbal, Beja e Faro, que passaram do amarelo para laranja, o terceiro mais grave de uma escala de quatro.
jcl

Fomos ao Alentejo em ronda pelas terras próximas de Estremoz, numa roda de amigos. Ao cabo aportámos nos Arcos, terra próxima de Estremoz, para visitarmos a tasca do Ti Gato, afamada pelo vinho fermentado nas talhas antigas, que orgulhosamente ostenta no estabelecimento.

As talhas de barroChegámos ao final da tarde, já lusco-fusco. Desconhecendo onde quedava a tasca, abordámos um habitante, que nos zelosamente nos conduziu a uma casa de um só piso, de frontaria caiada, com ares de habitação, sem nada que assinalasse uma taberna. Lá dentro verificámos que um velho armazém fora adaptado à função de taberna e adega, com uma fila de talhas à direita e um pequeno balcão improvisado do lado esquerdo.
Dada a salvação aos presentes, dirigimo-nos ao senhor que estava por detrás do balcão, acompanhado pela mulher, ambos já bem entrados na idade, e dissemos-lhe que vínhamos de longe, à cata do vinho da talha e de um bom petisco.
– Produzo e vendo o melhor vinho da talha da região, quanto a petiscos têm de falar com a patroa.
Empunhando uma jarra o José Joaquim Gato, que era o nome do taberneiro, dirigiu-se a uma das dez talhas que tinha encarreiradas junto à parede, abriu a torneira de madeira colocada na base e fez correr vinho para a vasilha.
Joaquim José GatoSentados à roda de uma pequena mesa, deborcámos copinhos de tinto, engolimos três queijinhos secos e uma travessa de chouriças e cacholeiras cozidas, acompanhadas por um casqueiro alentejano.
Apreciámos esse vinho artesanal feito nas talhas de barro, seguindo técnicas ancestrais. As uvas são esmagadas e colocadas nas talhas, onde fermentam, produzindo o apreciado néctar. No tocante a castas, predomina a trincadeira, com algum aragonez e alicante. Depois de formado descobre-se, no dizer dos especialistas, um vinho jovem e macio, com ligeira adstringência, muito frutado e maduro, com taninhos suaves e persistência no final da prova.
Já a noite ia adiantada quando saímos da taberna e fomos visitar a casa mãe dos Gatos, do outro lado da rua, onde o irmão de Joaquim José, o António Gato, mantém a taberna antiga, herdada do pai. Demos com uma tasca típica, com talhas ao redor das paredes, mesas e balcão de madeira encimados com pedras de mármore. Apenas o Ti António Gato estava no estabelecimento, arrumando a casa, em sinal que estava na hora do fecho.
A prensa e as talhas na adegaA um canto, sobre um móvel alto, roncava um aparelho de televisão, que apresentava riscos no ecrã, sem que nada se apercebesse da imagem. Vendo-nos olhar admirados para o aparelho, achou por bem esclarecer:
– Está escangalhada. Não tem a imagem, mas para mim serve, só quero ouvir as notícias.
Ainda ali bebemos uma rodada, enquanto o homem nos explicou o processo de fabrico do vinho, desde o esmagamento das uvas, até à fermentação e à abertura das talhas. Espreitámos a boca dos potes e fomos conduzidos à adega antiga, onde havia talhas antiquíssimas, uma delas com o ano 1660 gravado no barro.
Vale bem a pena ir ao Alentejo observar as longas campinas, visitar as aldeias e as vilas prenhes de monumentos e desaguar nos Arcos, para ali provar o apreciado vinho da talha produzido pelos irmãos Gato, que persistem em defender a tradição local.
plb

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Fev    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.158.180 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES