O grupo de caminheiros, duas dezenas, vindos de Lisboa, que passaram o fim-de-semana nos Fóios e arredores, perguntaram se, no futuro, poderiam utilizar as casas de abrigo que se encontram abandonadas pelo Instituto da Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB).

José Manuel Campos - Presidente Junta Freguesia Fóios - Capeia ArraianaTive que lhe dizer que não. O ICNB não pega nem larga. Antes as querem ao abandono que alugá-las.
Este grupo que por cá passou o fim-de-semana deixou por cá dinheiro. Jantaram no restaurante Eldorado, compraram duas dezenas de queijos, almoçaram no restaurante Trutalcôa, beberam uns copos nos bares da freguesia e dormiram na pousada dos Fóios.
Este grupo realizou, no sábado, uma caminhada dos Fóios até à Senhora do Bom Sucesso, próximo de Penamacor, num percurso de 35,5 quilómetros.
No dia seguinte, domingo, realizaram mais uma caminhada pela Serra das Mesas, que os deixou fascinados a ponto de quererem voltar.
Isto já vai sendo muito bom para a economia local e regional mas poderia e deveria ser ainda muito melhor. Pela parte nos me toca assim será.
Senhor Presidente da Câmara: faça favor de lutar para que as casas de abrigo sejam postas ao serviço do turismo.
Então não está já mais que provado que «turismo é futuro»?
Mãos à obra! Este é que é o caminho certo. Ontem já começámos a preparar umas jornadas micológicas de dois dias.

Obrigado, meu caro amigo José Carlos Calisto por trazeres gente de tão longe e por dares a conhecer a nossa região. Estamos-te imensamente gratos. Conta sempre connosco, porque nós também contamos contigo.
«Nascente do Côa», opinião de José Manuel Campos

(Presidente da Junta de Freguesia de Foios)
jmncampos@gmail.com

Anúncios