A Câmara Municipal do Sabugal decidiu quais os factores mais importantes e de maior ponderação para a definição do valor a atribuir às associações concelhias que solicitem apoios para o desenvolvimento das suas actividades.

A Câmara Municipal do Sabugal, depois de aprovar o Regulamento de Apoio ao Associativismo Concelhio, definindo critério rigorosos sobre a atribuição de subsídios, subvenções, ajudas, incentivos, bonificações e donativos, decidiu agora, na reunião de dia 14 de Março, reforçar esses critérios, definindo ponderações consoante o interesse público de cada associação do concelho.
O Regulamento foi publicado no Diário da República, em Outubro do ano passado, e foi aplicado para os apoios que a edilidade entretanto concedeu às associações, porém para o futuro a mesma entendeu aprovar factores de ponderação mais precisos do que aqueles que são definidos no regulamento a ter em conta durante o corrente ano de 2012.
Aos factores de ponderação genérica como a actividade regular da associação, a regularidade das actividades desenvolvidas, a história, a implantação social, o número de associados, acrescem factores mais concretos que condicionam a concessão de apoios às associações que os requeiram junto do Serviço de Cultura, Juventude, Desporto e Associativismo.
A capacidade de uma associação em estabelecer parcerias com outras entidades e a capacidade de obter financiamento adicional estão entre os factores mais preponderantes. O mesmo ocorre com o facto de uma associação desenvolver acções de formação efectivamente concretizadas, e o facto de desenvolver actividades regulares ao longo do tempo. Participar nas iniciativas promovidas pela Câmara também ajuda a majorar as possibilidades de receber apoios mais relevantes. Outros factores preponderantes são a capacidade de divulgar as iniciativas realizadas, o impacto que as mesmas tenham na comunidade, a análise dos relatórios de contas, bem como dos planos de actividades.
As associações de natureza desportiva têm uma ponderação especial, baseada em factores mais apropriados ao tipo de actividade desenvolvida. O número de escalões de formação em cada modalidade desportiva é o mais preponderante. Tasmbém terá importância relativa o facto de uma associação apresentar um bom nível competitivo, ao participar em provas internacionais, nacionais, regionais ou locais. O número de atletas federados que praticam as modalidades promovidas pelas associações também terá peso, assim como o número de modalidades praticadas e a duração temporal dos campeonatos em que participa.
plb

Anúncios