O Movimento Sim – pela criatividade em Portugal, anunciou que «O Maior Madeiro do País», de Penamacor, foi eleita a tradição de Natal mais criativa de Portugal, após uma votação através da Internet.

O Madeiro de Penamacor, que venceu de forma expressiva, dará agora o mote a uma curta-metragem da autoria do realizador Manuel Pureza, que já está em Penamacor para acompanhar os preparativos da tradição natalícia.
Manuel Pureza é um jovem cineasta que já trabalhou com vários realizadores portugueses e estrangeiros. Conta já com várias curtas-metragens e videoclips, dos quais se destacam os telediscos dos Macacos do Chinês. Lua Vermelha e Rosa Fogo são exemplos dos seus mais recentes trabalhos.
O Madeiro de Penamacor é a maior fogueira de Natal do país. Todos os anos, com o aproximar do Natal, os jovens em idade de cumprir o serviço militar unem-se para cortar e transportar os troncos que alimentarão a fogueira para aquecer o Menino Jesus. O grande monte de madeira, depositado no adro da igreja, é ateado ao cair da noite do dia 23 e mantém-se aceso durante vários dias.
Em Penamacor, a chegada do Madeiro tem data marcada, e o acto assume foros de festividade. A função inicia-se no dia 8 de Dezembro, quando a população acorre generosamente à rua para saudar o cortejo de tractores e reboques, em número que procura sempre bater o antecedente, onde os jovens atiram à rebatina os frutos do ramo de laranjeira que a praxe manda trazer, cantando acompanhados à concertina.

O Capeia Arraiana, que apoiou a candidatura do «maior madeiro do País» à tradição de Natal mais criativa de Portugal, congratula-se com o resultado da votação. Parabéns Penamacor!
plb

Anúncios