O restaurante «Casa da Esquila», localizado no Casteleiro, concelho do Sabugal, está de portas abertas, à espera de quem o visite. E quem ali vá não poderá ficar indiferente aos sabores gastronómicos, baseados na tradição, à excelência do serviço e ao requinte com que é brindado.

Este restaurante, que aposta no conceito Gourmet Rural, representou o concelho do Sabugal no dia 15 de Outubro, no Festival do Caldo, realizado em Viseu, onde confeccionou a Sopa do Chuchu. «Uma sopa de Outono com chuchu, a nossa castanha, entre outras preciosidades de Outono e finalizada com bagos de romã negra e hortelã da Serra de Malcata», referiu o proprietário e responsável pelo restaurante, Rui Cerveira.
O projecto da Casa da Esquila, assente no conceito Gourmet Rural, partiu do assumir da condição de ruralidade, numa terra com tradições gastronómicas que importa explorar e valorizar.
Dos frutos da época aos legumes produzidos nas terras sabugalenses, passando pela carne que vem das pastagens beirãs, pelos enchidos confeccionados ao modo tradicional e pelo peixe que vem de longe mas que aqui era cozinhado de modo especial, a Casa da Esquila adopta os ingredientes confeccionando-os e transformando-os em produtos de excelência.
Rui Cerveira assume que o «lado gourmet também nos permite por vezes algumas pequenas loucuras». É comum recorrer a combinações diferentes e originais, mas sempre com a presença da ruralidade, seja na qualidade dos produtos, seja na forma como são confeccionados.
Inaugurada há poucos meses, a Casa da Esquila é um projecto de génese hoteleira que pretende contribuir para a melhoria da oferta na região Beirã, aproveitando a proximidade com locais históricos como a aldeia medieval de Sortelha, o Sabugal, Alfaiates, Vila do Touro e Vilar Maior.
A casa assume três valores chave, que enquadram a sua prestação de serviços no ramo hoteleiro: a qualidade nos produtos e no serviço; o respeito pela comunidade; o proporcionar de sensações únicas e memoráveis.
O novo restaurante, com espaço amplo e acolhedor, é um local privilegiado para quem pretende apreciar a gastronomia de requinte a um preço acessível. Muitos dos produtos alimentares vêm da própria terra onde o restaurante está implantado, o que, aliado à eximia e exigente confecção, o tornam numa das melhores mesas Beirãs.
Na busca incessante pela inovação, a Casa da esquila vai realizar, no dia 22 de Outubro, a sua primeira «Oficina de Gastronomia», cujo tema será «Chás, Infusões e outras Tentações, do Tradicional ao Gourmet». Haverá provas surpreendentes e ensinamentos para que os participantes, num máximo de 20, apreciem melhor os chás e aprendam a viver melhor.
A Casa da Esquila, sita no Casteleiro, na rua da Estrada, nº 74, tem como coordenadas: N40º30’28.74 (Latitude), W7º23’26.95 (Longitude).
A lotação é de 70 pessoas na sala do restaurante, mais 310 na «Sala Cordovil». O preço médio de uma refeição completa é de 20 euros.
A Casa da Esquila está à espera de quem a visite (não tem dia de fecho), para surpreender.

Os contactos são: telefone 271381070, MSN casadaesquila@hotmail.com ou reservas@esquila.pt.
plb

Anúncios