You are currently browsing the daily archive for Segunda-feira, 1 Agosto, 2011.

No dia 12 de Agosto, realiza-se a sétima etapa da Volta a Portugal em Bicicleta de 2011, que ligará o Sabugal à Guarda num exigente contra-relógio individual, que a organização considera dificíl.

«Para a sétima etapa está reservado o dificílimo contra-relógio individual entre o Sabugal e a Guarda. Além da extensão de 35,3 Km é preciso contar com o tipo de percurso entre a raia e a capital de distrito que é, nada mais, nada menos do que a cidade mais alta de Portugal.» É desta forma que a Organização da volta comenta a sétima etapa, a qual se poderá mostrar decisiva para a definição dos principais lugares da corrida deste ano.
Há de facto um percurso difícil, não apenas pela distância mas também pela altitude que é necessário alcançar. Cada ciclista correrá por si, durante os 35,3 quilómetros da prova, ligando a Escola Secundária do Sabugal (a 775 metros de altitude) à Câmara Municipal da Guarda (a 1013 metros de altitude). A prova tem no percurso 12 quilómetros no concelho do Sabugal.

A concentração dos ciclistas, equipas técnicas e demais meios de apoio está prevista para o meio-dia e meia hora, na Av 25 de Abril, no Sabugal, de onde o primeiro ciclista irá partir às 14.30 horas.
Após a partida, os corredores viram à direita para a Av Infante D. Henrique, e seguirão por esta via até à rotunda, onde tomarão a direita e atravessarão o rio Côa na nova ponte do Sabugal. Chegando à rotunda da margem esquerda do rio, voltam a tomar a direita e seguem no sentido da Guarda, na Estrada Nacional nº.233. Percorridos 2,5 quilómetros após a partida os corredores tomam a direita no cruzamento, seguindo na direcção da Rapoula do Côa, na Estrada Nacional nº.324. Aos 5,3 quilómetros os atletas viram à esquerda e tomam a direcção de Vila do Touro. Passam depois pelo Baraçal e por Vila do Touro. Nesta antiga vila acastelada do concelho do Sabugal os ciclistas sentirão dificuldades acrescidas ao circularem durante 900 metros sobre um piso empedrado. Pouco depois, 1,2 quilómetros após Vila do Touro, os ciclistas passam a ponte sobre a ribeira do Boi e deixam o concelhio do Sabugal, entrando no da Guarda.
Já no concelho da Guarda a prova prossegue por Pêga, Adão (onde está previsto o reabastecimento dos atletas), Catraia do Sortelhão, Panóias de Cima, Barracão e Guarda. Na cidade capital do distrito percorrerão diversas ruas até chegarem defronte ao edifício da Câmara Municipal, onde termina a etapa.

Joaquim Gomes, o director da prova, deixa a antevisão do que será essa sétima etapa, num percurso inédito na Volta a Portugal em Bicicleta:
«O contra-relógio que vai ligar a cidade do Sabugal à Guarda, deixa adivinhar já o fantasma da serra da Estrela, pois será percorrido praticamente sempre com a serra à vista. Apesar de não ser muito difícil em termos de relevo não deixa contudo de fazer a ligação de uma cidade, do Sabugal, que está a uma altitude considerável, à cidade mais alta de Portugal. Os contra-relogistas levarão certamente a melhor, mas atenção que um excelente desempenho nesse dia exige certamente aos eleitos uma boa recuperação para a etapa rainha do dia seguinte.»
plb

Anúncios

Na noite de 29 de Julho, o Núcleo de Investigação Criminal da Guarda da GNR, deteve um indivíduo de 24 anos, residente no Sabugal, por crime de tráfico de estupefacientes.

Preso algemadoSegundo a nota semanal do Comando Territorial da Guarda da GNR, o detido tinha na sua posse 14,3 gramas de haxixe, quantidade suficiente para 75 doses individuais. Tendo sido presente ao Tribunal Judicial do Sabugal, foi-lhe aplicada a medida de coação de Termo de Identidade e Residência.
No dia anterior, 28 de Julho, a GNR deteve em Vila Nova de Foz Côa, um jovem de 20 anos, residente naquela localidade, igualmente por crime de tráfico de estupefacientes. O detido tinha na sua posse 34,7 gramas de haxixe, quantidade suficiente para 175 doses individuais. Presente ao Tribunal Judicial de Foz Côa, ficou com a medida de coação de Termo de Identidade e Residência a aguardar o resultado do Inquérito.
No mesmo dia 28 de Julho, a GNR deteve em Celorico da Beira um homem de 46 anos de idade, residente em Maçal do Chão, que tinha na sua posse uma arma branca (um punhal com 13 cm de lamina), que lhe foi apreendida. A detenção ocorreu após um quadro de conflito e discussão a propósito de motivos fúteis, tendo o suspeito ameaçado duas senhoras com a referida arma. Presente ao Tribunal Judicial de Celorico da Beira, ficou com a medida de coação de Termo de Identidade e Residência.
No dia 29 de Julho, militares do Destacamento Territorial de Pinhel detiveram um indivíduo de 31 anos de idade, sem profissão, residente em Póvoa D’el Rei, concelho de Pinhel, em cumprimento de um Mandado de Detenção, emanado pelo Tribunal Judicial de Espinho, por crime de condução ilegal.
O suspeito, já com antecedentes criminais, está a ser investigado pela prática de vários crimes perpetrados nos concelhos de Pinhel, Trancoso e Mêda, nomeadamente, furto de veículos, de metais (cobre, ferro e ferramentas) e em estabelecimentos comerciais, bem como condução ilegal e abuso sexual de menor (adolescente). O detido, encontrava-se em liberdade condicional e foi entregue, pelas 22 horas desse dia, no Estabelecimento Prisional da Guarda par cumprir 14 meses de prisão efectiva.
plb

Há umas dezenas de anos, tudo isto era muito forte, muito vivo. Atenção: sempre na brincadeira. Nunca nada para ofender. Mas havia um certo sabor irónico na maioria das formas de lidar com as terras vizinhas.

O tema que hoje escolhi não me é fácil de «descascar».
Mas tem de ser. É justo que faça esta catarse, arquivada há dezenas de anos.
Cada terra terá o seu uso e, com muita probabilidade, estas mesmas ideias e formas de se referirem aos vizinhos, noutras aldeias, têm outras expressões, exactamente ao contrário…
No Casteleiro, quando eu era miúdo e jovem, a maneira como as pessoas se referiam e me ensinavam a pensar nas terras vizinhas era incrível.
Hoje, olho para trás e penso que havia pouca solidariedade inter-aldeias. Diria mesmo: havia uma certa rivalidade.
Por exemplo (e que me perdoem os vizinhos: tenho amigos em todas estas e muitas outras aldeias, claro):
Sortelha só tem barrocos / A Moita, casarões / Casteleiro, lindas moças / Vale de Lobo, paspalhões.
Coisa horrível de se dizer. Mas dizia-se. Não vale a pena esconder. Sempre me pareceu incorrecto. Então, pelo sim, pelo não, falo disso hoje aqui e peço desculpa às pessoas desse tempo: da Moita, de Sortelha, do Vale da Senhora da Póvoa – e aproveito o facto de poder dizer hoje, finalmente, 50 anos depois, que isto estava errado…
Mas a forma como nos referíamos às pessoas das terras vizinhas também tinha algo de «chato». Vejo isso hoje assim.
Por exemplo: se chamar quadrazenhos às pessoas de Quadrazais não será muito mau, já referir-se aos «farrapeiros» do Dominguiso (os senhores que vinham lá ao Casteleiro comprar tecido velho feito em fitas para fazerem mantas de farrapos e passadeiras novas), enfim… era um bocadinho depreciativo, acho eu.
Por razões outras, as pessoas da Covilhã eram os «chazistas» (estão a ver? Uma pessoa beber chá – coisa horrível…).
Para as pessoas do Casteleiro, todos os habitantes das terras que ficam para lá do Sabugal até à fronteira são os arraianos.
Todas as pessoas que vinham ao Casteleiro vender mercadorias passadas à socapa na fronteira (contrabando) eram os contrabandistas.
Por vezes, as palavras contrabandista, arraiano e quadrazenho eram mesmo usadas umas pelas outras, sem distinção.

Enfim. Coisas de outros tempos. Outras mentalidades. Outras vivências. Outras posturas.
Hoje, com mais acesso, há mais entendimento da vida regional como um todo – acho eu.
«A Minha Aldeia», crónica de José Carlos Mendes

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.146.737 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES

Anúncios