O Núcleo de Investigação Criminal da Guarda apreendeu, no final da tarde de ontem, dia 25 de Julho, 30 plantas de Cannabis Sativa na localidade de Gonçalo, concelho da Guarda.

Segundo um comunicado do Comando Territorial da Guarda da GNR, as 30 plantas de Cannabis Sativa, com alturas compreendidas entre 0,40 e 2,10 metros, encontravam-se num terreno próximo da localidade de Gonçalo, concelho da Guarda, onde foram cultivadas.
A investigação, que já decorria há algum tempo, permitiu a detenção, em flagrante delito, de um indivíduo de 31 anos de idade, com a profissão de jardineiro, residente naquela localidade, como suspeito de ter cultivado as plantas.
O suspeito detido, já com antecedentes criminais, foi presente ao Tribunal Judicial da Guarda, cujo juiz lhe aplicou a medida de coação de Termo de Identidade e Residência, situação em que aguardará pelo decorrer do processo criminal, que se manterá a cargo da GNR.
O Comando Territorial da Guada da GNR tem dado nota de sucessivas apreensões de plantas de Cannabis Sativa que são cultivadas em quintais particulares de diversas localidades da região.
plb

Anúncios