Os militantes socialistas do Sabugal apenas deram votos a António José Seguro nas eleições directas para secretário-geral do Partido, que decorreram nos dias 22 e 23 de Julho.

António José Seguro foi eleito no passado sábado secretário-geral do PS, derrotando o seu adversário interno, Francisco Assis, com quase 68 por cento dos votos, num universo superior a 35 mil militantes socialistas.
No Sabugal os 47 militantes que votaram fizeram-no em Seguro, não se registando qualquer voto em Francisco Assis. Na Federação da Guarda, onde o novo secretário-geral socialista é militante, a sua candidatura arrecadou 913 votos (87,87%) contra 126 (12,13%) de Assis. Em termos de secções concelhias, o resultado do Sabugal foi repetido em Aguiar da Beira e em Almeida onde Seguro fez igualmente o pleno dos votos expressos.
Assis venceu na Mêda com 27 votos contra 12 de Seguro, tendo perdido nas restantes concelhias da federação da Guarda. Mêda foi aliás, a nivel nacional, uma das poucas concelhias onde Assis venceu.
No que toca a federações, Seguro venceu em todas elas, sendo a de Braga, por cujo círculo eleitoral foi eleito deputado, aquela em que conseguiu um resultado mais expressivo (89, 33%). A votação mais equilibrada sucedeu no Porto, o distrito de onde Assis é natural e foi eleito deputado nas últimas legislativas. Aqui Seguro venceu por apenas 50,04% dos votos.
plb