No dia 15 de Maio do corrente ano, a Confraria do Bucho Raiano marcou presença no VI Capítulo da prestigiada Confraria Gastronómica de Almeirim, com a qual há muito se estabeleceram laços de amizade e de cooperação.

A representação raiana esteve a cargo de quatro confrades, dois pertencentes à Chancelaria (José Marques e Horácio Pereira) e dois que têm colaborado nas diversas iniciativas (José Caçador e Cristiano Martins).
A concentração foi às 09h30, junto da Câmara Municipal de Almeirim, onde desde logo se constatou o grande número de representações presentes, cerca de 20 confrarias, o que ilustra a importância que a Confraria Gastronómica de Almeirim têm no panorama confrádico gastronómico português. Fomos recebidos com um «abafado de honra», acompanhado de várias iguarias, a que se seguiu o já tradicional desfile pelas artérias da cidade ribatejana, até ao cine-teatro de Almeirim. Assistimos depois a várias peças teatrais, com realce para algumas que foram interpretadas por jovens com Síndrome de Down, em virtude de a confraria de Almeirim apoiar aquela associação.
Após os discursos da praxe, houve tempo para votar nas Sete Maravilha Gastronómicas, já que a Confraria da Chanfana, de Vila Nova de Poiares, e do Doce Conventual Abade de Priscos, de Braga, aproveitaram para publicitar os seus produtos, tendo a Confraria da Chanfana entregue aos presentes pequenas malgas em barro contendo a famosa iguaria.
O almoço foi excepcional, desde logo com uma enorme quantidade de entradas fantásticas, das mais diversas iguarias da região, seguindo-se posteriormente a já famosa sopa de pedra, e ainda rojões acompanhados de migas ribatejanas.
Houve ainda acompanhamento musical durante o almoço, no qual o confrade José Marques (Zeca), chegou mesmo a cantarolar junto com o artista, formando um dueto prometedor, mostrando assim que os raianos estão preparados nas mais variadas vertentes. No final houve o tradicional momento de trocas de lembranças entre as confrarias presentes.
Tendo a jornada corrido do agrado de todos, e levando em conta a necessidade de promover o bucho nestes encontros confrádicos, a nossa representação está já em preparativos para rumar a outras paragens onde a boa gastronomia nacional estiver presente.
Horácio Pereira

Anúncios