A equipa de futsal da Rapoula do Côa participa no Campeonato Distrital da modalidade organizado pela Associação de Futebol da Guarda. Os representantes raianos não se têm deixado influenciar pelos resultados menos conseguidos e continuam a acreditar no seu valor.

Futsal - Rapoula do Côa

Jornada 19 – Exibição merecia outro resultado
Depois de três em empates sucessivos (3-3 com as Lameirinhas, 5-5 com Manteigas e 2-2 com Foz Côa), a equipa de futsal da Rapoula do Côa, deslocou-se na 19.ª jornada até Fornos de Algodres para defrontar a equipa local.
Perante um dos lideres do campeonato, os atletas raianos apresentaram-se em campo sem receios de discutir o resultado. Depois da goleada sofrida na primeira volta em casa, por 1-6, um dos objectivos do jogo passava por fazer melhor resultado.
Começou melhor o Lusitânia, muito mais ofensivo e a criar mais oportunidades de golo. A resposta da Rapoula do Côa ia surgindo e o jogo equilibrava-se. De qualquer forma, seria a equipa local a adiantar-se no marcador por duas vezes. Boa reacção da Rapoula do Côa superiorizando-se nos minutos final da primeira parte, mas sem sucesso nas suas acções de ataque. Começava a destacar-se o guarda-redes local.
Para a segunda parte, em desvantagem no marcador, a Rapoula do Côa entrou mais pressionante e consegue reduzir para 2-1, por Zé Cunha através da marcação de um penalti. Não se inibi a equipa da casa, sempre apoiada pelo seu público, e nos minutos seguintes adianta-se novamente por duas ocasiões, colocando o marcador em 4-1.
A reacção aos golos sofridos foi pronta e o jogo voltava a estar equilibrado, com várias situações de golo, prontamente resolvidas pelos guarda-redes, embora seria o do Lusitânia que voltava a ganhar destaque no jogo, com uma boa série de defesas. Entre contra-ataques e resposta, os golos foram aparecendo para ambas as equipas, fixando-se o resultado final em 5-4 (com hat-trick de Hugo Fernandes).
A equipa sabugalense, galvanizada pelos golos marcados acaba o jogo, da mesma forma como terminou a primeira. Apesar da derrota, a equipa da Rapoula do Côa deixou uma boa imagem em Fornos, sendo no final do jogo felicitada por tal, pelos dirigentes e jogadores locais.

Jornada 20 – Brilha mais a equipa da casa
Brilharam mais os atletas da Rapoula do Côa na na recepção à formação do Estrela de Almeida! No jogo referente à 20.ª jornada, a equipa da Rapoula do Côa entrou mais determinada no jogo, conseguindo impor-se nos minutos iniciais, chegando aos golos por duas ocasiões, primeiro por Zé Cunha, após jogada individual e mais tarde por Ricardo Franco «Pipo».
Os golos despertaram a equipa de Almeida que em dois minutos consegue repor a igualdade.
Com os golos, o jogo entrou numa fase de equilíbrio, com várias oportunidades de golos para ambas as equipas! Mas seria a equipa da casa, a adiantar-se novamente no marcador, por Sérgio Pinto.
Com o caminhar para o final da primeira parte, as equipas iam acumulando faltas, dispondo a equipa de Almeida de um livre de 10m, defendido por David Praça, que assim manteve o resultado inalterável até ao intervalo.
A entrada para a segunda parte, esperava-se um E. Almeida mais forte e determinado, dada a desvantagem no marcador, mas seria a equipa da casa, a entrar mais empenhada e muito mais perigosa, com sucessivos remates! Na sequência do bom momento no jogo, Paulo Pernadas eleva o marcador para 4-2, com um grande golo, através de um remate forte a meio do meio campo!
Reage o Almeida aos golos e à desvantagem, com várias tentativas de ataque à baliza de David Praça, tendo por uma ocasião rematado ao poste!
Numa segunda parte, tirada a papel químico da primeira, com várias ocasioes de golos para ambas, com as equipas a acumular as cinco faltas, seria através de um livre de 10 metros que o Estrela Almeida fazia o 4-3.
Com a Rapoula do Côa muito concentrada e empenhada em alcançar a vitória e com o Almeida já com o seu guarda-redes no ataque na tentativa de obter o empate, que se chega ao final do encontro.
Num jogo repartido, entre duas boas formações, venceu a equipa mais determinada!
Marco Capela