You are currently browsing the daily archive for Segunda-feira, 14 Março, 2011.

A quarta edição dos Roteiros Gastronómicos, desta vez com a oportuna epígrafe «Sabugal à Mesa», foram do agrado geral e contribuíram para a divulgação da cozinha tradicional raiana e dos restaurantes do concelho do Sabugal. Bucho, enchidos e cabrito na brasa terão sido os pratos mais apreciados pelos que nos visitaram no decurso do evento.

Fizemos uma breve «ronda» por alguns dos restaurantes aderentes aos Roteiros Gastronómicos, realizados de 5 a 8 de Março. No geral obtivemos menções elogiosas à organização do evento, que proporcionou a oportunidade para o reviver de sabores antigos que representam o melhor da nossa gastronomia tradicional.
O calendário da iniciativa foi decididamente bem escolhido, segundo os responsáveis dos restaurantes com que falámos. A nossa gastronomia antiga liga muito bem com o tempo frio e o Entrudo é uma quadra em que muita gente vem à região aproveitando os dias de férias escolares, o que potencia o êxito da iniciativa.
O El Dorado, nos Fóios, teve casa cheia no geral dos dias da iniciativa. O bucho, o caldo escoado, o caldo de vagens secas e o cabrito, que é o prato-rei da casa, tiveram muito boa «saída», assim como as sobremesas tradicionais. A sempre diligente e bem-disposta Ramitos, proprietária do estabelecimento, encontra, para além dos «roteiros» outra explicação para o facto de ter tido a casa cheia: «O facto se ser Carnaval e de haver touradas na Raia (em Aldeia do Bispo e na Lageosa) fizeram com que muita gente viesse aqui almoçar e jantar.» Entre os clientes não notou muita gente vinda de longe, tirando os espanhóis que contudo são presença assídua na casa. Contudo está muito satisfeita com a organização dos Roteiros: «Este ano a Câmara organizou melhor a iniciativa e a Felismina Rito, que foi o rosto de tudo isso, merece os parabéns pelo empenho que demonstrou», disse-nos a empresária.
Antoine Tavares, do Trutalcôa, restaurante situado junto ao rio Côa, em Quadrazais, também nos disse que mereceu a pena ter aderido à iniciativa. Anota porém que muitos dos que vieram ao seu estabelecimento manifestaram desconhecer os Roteiros, o que revela que pode ser feito um esforço ainda maior em termos de divulgação. A truta é a especialidade da casa e teve muita «saída», especialmente o rodízio que o restaurante apresentou no primeiro dia, em que o cliente podia degustar um pouco de cada uma das diferentes formas de cozinhar as trutas. O caldo escoado foi também do comum agrado dos clientes. «A iniciativa é uma boa ajuda da Câmara para os restaurantes do concelho, e penso que vale a pena continuar, até porque está a melhorar em cada edição, o que é normal. Se continuarmos, daqui a uns anos pode tornar-se num acontecimento de grande importância a nível regional e até nacional.» Antoine Tavares deixa contudo um pequeno reparo: «a divulgação tem de ser maior, para que aqui venha mais gente de propósito.» À organização, que elogia pelo esforço e pela atenção prestada, deixa uma sugestão para as edições seguintes: «disponibilizem um pequeno questionário para os clientes preencherem, dizendo de onde vieram, porque vieram, como souberam da iniciativa, etc. A Câmara pediu-nos que fizéssemos algumas dessas perguntas aos clientes mas isso para nós não é fácil, porque estamos a trabalhar e às vezes consegue-se estabelecer diálogo para isso mas outras vezes não é possível.»
O Robalo, restaurante do Sabugal, encarou o evento com naturalidade, mas sentindo que a iniciativa é boa e deve continuar. «Nós há mais de 10 anos que na altura do Carnaval servimos preferencialmente bucho com batatas cozidas e grelos de nabo, bem como os nossos enchidos, pelo que para nós isto é já habitual nesta altura», disse-nos João Carlos Robalo. O restaurante esteve com muita afluência, sobretudo de pessoas vindas de outras terras, algo que contudo já é também habitual neste estabelecimento, que serve muitos forasteiros ao longo de todo o ano. João Robalo sugere porém que se melhore a divulgação pois importa trazer ao concelho e à generalidade dos restaurantes pessoas vindas de longe para apreciarem as nossas terras e a nossa gastronomia. Em concreto considera que a Câmara, em articulação com os restaurantes aderentes, deveria promover campanhas para a organização da vinda de grupos organizados ao Sabugal, mediante a cedência de um cupão com direito a uma refeição a um preço aceitável para que aqui possam degustar a nossa gastronomia.
Germano Matos, do restaurante Sol-Rio, do Sabugal, também se mostrou satisfeito com a iniciativa, embora tenha constatado que este ano houve menor divulgação que no ano anterior. «O prato que mais servi foi o bucho, que disponibilizei todos os dias e que se está a transformar no prato mais representativo do Sabugal. O cabrito grelhado na brasa também saiu muito, até me apareceu aqui um grupo de pessoas que quiseram provar o cabrito na brasa, porque nunca tinham tido essa oportunidade. E apreciaram muito o que comeram.» Germano Matos garantiu-nos que muitos dos seus clientes vieram de longe, grande parte eram pessoas que tinham vindo à Serra da Estrela e que foram de propósito ao Sabugal para comer. «O Carnaval é sem dúvida a melhor altura para realizar estes Roteiros, já que há muita gente a visitar a região», considerou o empresário.
plb

Também me congratulo com o sucesso da iniciativa, mas deixo dois apartes, que considero oportunos:
1- A brochura de divulgação dos Roteiros Gastronómicos e das ementas dos restaurantes, bem elaborada do ponto de vista gráfico, apresentava uma péssima qualidade de impressão. Desconheço qual a empresa que fez o trabalho, ou se foi a própria Câmara a fazê-lo com os seus meios, mas a organização tem de ser exigente nesta matéria. Uma má qualidade do roteiro pode deitar por terra todo o esforço num evento desta natureza, na medida em que o opúsculo é a primeira imagem da iniciativa.
2- Na penúltima pagina do dito folheto de péssima impressão, onde se fala de «vinhos da região… para regar as refeições à mesa», refere-se do vinho «graminês», o que é natural, por se tratar do vinho de produção local, que infelizmente não está à venda. Mas eu pergunto: quem encomendou a conversa acerca do vinho «Quinta dos Termos»? Esse vinho constitui uma marca comercial que está no mercado e aparece com um tratamento de favor no Roteiro. Bem, se era reclame, então a palavra «publicidade» ou «patrocínio» deveria constar do texto.
Duas falhas, que em nada desmerecem a excelência da organização e do acontecimento.

plb

Anúncios

No dia 13 de Março, militares da GNR detiveram, em Vilar Formoso e em Vila Nova de Foz Côa, dois indivíduo, ambos com 37 anos de idade, por crime de Violência Doméstica.

Operação STOP da GNRA detenção em Vilar Formoso seguiu-se ao recebimento de uma chamada telefónica, que fez accionar patrulha, que se deslocou à residência da vítima, uma mulher, que se encontrava prostrada no solo, fruto das agressões que o suspeito lhe infligira. O mesmo, mau grado a presença dos guardas continuou a ameaça-la, tendo sido detido e conduzido ao Tribunal de Almeida, onde foi ouvido por um Juiz que o sujeitou à medida de coação de Termo de Identidade e Residência.
No mesmo dia, no decorrer das festividades das amendoeiras em flor na cidade de Foz Côa, militares da GNR, detiveram em flagrante delito, um indivíduo, também pelo crime de violência doméstica, já que o mesmo agredia fisicamente a companheira na via pública, não obstante a presença das autoridades. Presente em juízo, ficou sujeito a Termo de Identidade e Residência e foi notificado para voltar a comparecer no Tribunal.
Segundo o comunicado semanal da GNR da Guarda, no dia 11 de Março, na sequência de uma denúncia, foi identificado um indivíduo, com 63 anos, residente em Sorval (Pinhel), por ter furtado um alambique em cobre. O suspeito estava já referenciado pela prática de furtos daquele metal e de artigos em ferro. Após diligências efectuadas pelo NIC, os artigos furtados, avaliados em mais de 10 mil euros, foram recuperados numa sucateira na zona de Aguiar da Beira, onde o suspeito os vendeu por um valor significativamente inferior.
a 12 de Março foi efectuada uma operação de prevenção da criminalidade, com particular incidência na fiscalização de estabelecimentos de diversão nocturna. Na fiscalização foram inspeccionados nove bares e controladas 11 pessoas, estrangeiras. Destas, quatro foram notificadas para abandonar o País, por se encontrarem em situação ilegal e duas notificadas para comparecerem no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras a fim de regularizarem a permanência em Território Nacional. Foram ainda fiscalizados 28 veículos e condutores, tendo sido detido um indivíduo, de 18 anos de idade, por exercer a condução sem habilitação legal e elaborado um auto de contra-ordenação por condução sob a influência do álcool.
plb

No dia 9 de Março, Aníbal Cavaco Silva prestou juramento na Assembleia da República como Presidente da República de Portugal. O segundo mandato terminará em 2016.

Presidência da República

O juramento foi prestado no Parlamento perante deputados, presidentes de tribunais superiores, membros do Conselho de Estado, chefes militares e ex-Presidentes. Na bancada viam-se Ramalho Eanes, Mário Soares, Pinto Monteiro e Pedro Passos Coelho, entre outros.
No jornal «Público» Miguel Gaspar analisa o discurso escrevendo: «A magistratura activa existe: acabámos de a ouvir. Cavaco Silva fez um discurso de posse sem precedente na história da democracia portuguesa. Grande parte dele foi um verdadeiro programa económico para o país. (…) Cavaco Silva ensaiou um discurso de ruptura e, surpreendendo as expectativas, optou por lançar a magistratura activa a partir do primeiro acto do seu novo mandato. E a expressão que inventou no discurso de apresentação da sua candidatura só apareceu uma vez, mas num contexto novo: magistratura activa (e não a cooperação estratégica) é o novo nome que o Presidente dá à cooperação com São Bento. Significativo.»

Veja o discurso completo. Aqui.
aps

Cavaco Silva, o Presidente da República que no mandato anterior nunca se podia pronunciar sobre quase nada, resolveu, agora, na tomada de posse para o seu novo mandato de cinco anos, pronunciar-se sobre uma série de coisas. Isto é, o Presidente República pintou a manta…

João Aristides Duarte - «Memória, Memórias...»Só que Cavaco Silva não existe só agora. Foi primeiro-ministro durante dez anos e Presidente da República durante o mandato do Governo de Sócrates (com o qual, aliás, concordou em tudo o que era fundamental e levou à actual situação). Não basta lançar umas frases-feitas do género «A pessoa humana tem de estar no centro da acção política. Os portugueses não são uma estatística abstracta. Numa República social e inclusiva, há que dar voz aos que não têm voz». Porque aqueles que têm memória lembram-se bem do que foi a governação de Cavaco Silva, enquanto primeiro-ministro e a nula preocupação com a pessoa humana que, então, evidenciava. Interessava era a economia.
Quem tem memória lembra-se bem de que nas eleições para a Assembleia da República, após o fim da era Cavaco primeiro-ministro, a campanha eleitoral foi baseada exactamente nisso. Afastar de vez o estilo tecnocrático de Cavaco e seus apaniguados e dar um andamento mais humanista à governação. Foi isso que o PS fez, com Guterres, nos cartazes onde estava escrito (e eu lembro-me bem) «as pessoas não são números». Cavaco Silva também vem, agora, apregoar que «o exercício de funções públicas deve ser prestigiado pelos melhores, o que exige que as nomeações para os cargos dirigentes da Administração sejam pautadas exclusivamente por critérios de mérito e não pela filiação partidária dos nomeados ou pelas suas simpatias políticas.» Ó Diabo!!! Esta é que não!! Então eu não me lembro que, quando Cavaco foi primeiro-ministro nomeou Zita Seabra para coordenar o Secretariado Nacional para o Audiovisual e assumir a presidência do Instituto Português de Cinema. Zita foi, mais tarde, ainda durante a vigência do Governo Cavaco, presidente do Instituto Português da Arte Cinematográfica e do Audiovisual. E alguém conhecia a Zita Seabra algum mérito nessas artes cinematográficas? Claro que não… foi nomeada, apenas, porque vinda do PCP, era necessário exibi-la com um troféu do PSD, a que, entretanto, aderira. Bem prega Frei Tomás!!!
Já sobre os jovens Cavaco Silva disse no seu discurso de tomada de posse que é tempo de eles fazerem ouvir a sua voz e que mostrem às outras gerações que não se acomodam, nem se resignam. Mas, alguém, alguma vez os proibiu de fazerem ouvir a sua voz? Porque será que eles têm andado caladinhos e só, agora, despertaram? Não será, também culpa de quem lhes prometeu «mundos e fundos» com os dinheiros comunitários, deixou criar mil e uma universidades privadas, com mil e um cursos (alguns dos quais não serviam para nada)? Quem se lembra sabe bem que tudo começou quando Cavaco Silva era primeiro-ministro. Também referiu que os sacrifícios que estão a ser pedidos aos portugueses têm que ter um limite. Está já aí o PEC IV da iniciativa do Governo, com mais “medidas” das tais. Veremos o que fará Cavaco Silva. Se apoia as “medidas” ou se não as apoia por achar que é tempo de um novo ciclo político, agora com o PSD ao comando. Mas dessas bandas também não se espera nada de muito diferente, senão vejamos:
– Tornar despedimentos ainda mais fáceis e baratos.
– Celebrar “contratos” orais.
– Reforçar o negócio privado com a saúde.
– Privatizar a RTP1, concessionar a RTP2 e acabar com a RTPN.
– Cortar deputados, freguesias e câmaras municipais.
– Pagar ordenados aos juízes… «à peça».
– Reduzir, ou mesmo acabar com o IRC para as empresas.
– Nomear embaixadores com perfil de gestão.
– Criar cheque-ensino e mais escolas privadas, como «opção».
– Aumento dos ordenados dos políticos, para serem os melhores a ocupar os cargos.
Ou seja, mais do mesmo, ou ainda pior. E Cavaco Silva vai deixar que os sacrifícios não tenham limites?
«Política, Políticas…», opinião de João Aristides Duarte

(Deputado da Assembleia Municipal do Sabugal)
akapunkrural@gmail.com

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.140.603 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES

Anúncios