Foram mais de duas centenas as candidaturas que deram entrada na Câmara Municipal da Guarda, correndo à primeira edição do Prémio Manuel António Pina, pelo qual a autarquia pretende homenagear o jornalista e poeta natural do Sabugal.

O prazo para apresentação de trabalhos inéditos em poesia terminou a 30 de Julho, cabendo agora ao júri analisar os textos dos candidatos e anunciar o vencedor. A atribuição do Prémio acorrerá em sessão solene, na cidade da Guarda, a 18 de Novembro de 2010, dia do aniversário do escritor. O júri é constituído pelo próprio escritor Manuel António Pina, por um representante da Editora «Assírio & Alvim», um representante da Associação Portuguesa de Escritores e pelo vereador do Pelouro da Cultura da Câmara da Guarda, Virgílio Bento.
Ao Prémio Literário Manuel António Pina, com periodicidade anual, concorreram autores de todo o país. O facto de ter atingido um elevado número de concorrentes, mais de 200, deixou a câmara satisfeita e ciente de que o prémio literário contribuirá para a divulgação de obras de poesia escritas por autores portugueses. O trabalho vencedor será de resto publicado pela editora Assírio e Alvim, com a qual a edilidade celebrou um protocolo nesse sentido.
O Prémio tem o valor pecuniário de 2.500 euros, correspondendo este montante aos direitos de autor respeitantes à edição da obra premiada.
plb