Sábado à noite, dia 3 de Julho, na Festa do Cavalo e do Toiro, no Soito, houve um espectáculo com a Fanfarra Kaustica.

Fanfarra Kaustica - Soito - Sabugal

João Aristídes Duarte - «Memória, Memórias...»Banda constituída por 11 elementos, a Fanfarra Kaustica, de Águeda, foi uma das coisas melhores, musicalmente falando, a que tive oportunidade de assistir, nos últimos tempos.
Dentro do estilo das fanfarras da Europa de Leste (como a famosa Fanfare Ciocarlia, da Roménia), a Kaustica compreende saxofones, trompetes, tubas, trombones, pratos, caixa e bombo. Todos os músicos são acima da média.
Os arranjos são espectaculares. Vê-se que há ali muito tempo de ensaios.
Para além de alguns temas conhecidos, como «Sodade», tornada famosa na voz de Cesária Évora, o reportório da Fanfarra Kaustica inclui temas originais.
O seu estilo de apresentação com óculos escuros, gravatas amarelas e fato preto, completado com um chapéu, também preto; é uma das características marcantes da banda, que tanto pode actuar em palco, como fazer animação de rua. No caso do espectáculo no Soito, actuou na rua.
Pode-se falar, sem qualquer dúvida de um estilo musical muito animado, que poderá designar-se como «Punk Filarmónico».
Esta foi uma grande aposta para a animação da Festa do Cavalo e do Toiro. Só é pena que já tenha actuado muito tarde, quando o público já não era muito. Mas ficaram aqueles que realmente gostam de música e não arredaram pé.
«Música, Músicas…», opinião de João Aristides Duarte

akapunkrural@gmail.com

Anúncios