Os sabugalenses desfrutam já do campo desportivo que a Junta de Freguesia do Sabugal construiu na margem direita do rio Côa, na Devesa, onde se podem praticar diversas modalidades desportivas.

Clique nas imagens para ampliar

A obra custou pouco mais de 93 mil euros, inteiramente suportados pela Junta de Freguesia do Sabugal. Incluiu a construção de um ringue ao ar livre, com relva sintética, bancada e vedação exterior, pronto para a execução de diversas modalidades desportivas. Ao lado foram colocados três contentores adaptados para balneários, com óptimas condições para acolherem duas equipas e ainda os árbitros.
Manuel Rasteiro, presidente da Junta de Freguesia, está satisfeito com a obra, executada num terreno cedido pela Câmara Municipal, mas pretende introduzir-lhe ainda algumas melhorias. «Vamos preparar um espaço para a prática de jogos tradicionais e instalar grelhadores, para que as famílias e os grupos de amigos possam vir para aqui conviver», disse-nos o autarca, que serviu de cicerone, mostrando-nos a sua mais recente obra na cidade do Sabugal.
O campo de jogos e os balneários já estão em pleno funcionamento, com uma ocupação quase permanente. Sobretudo nos fins-de-semana.
«Ainda há dias aqui esteve uma equipa de futebol vinda de Peniche, que jogou com uma equipa do Sabugal. E os jovens vêm para cá todas as tardes para jogarem futebol ou praticarem o ténis», revelou o presidente, que acrescentou que o usufruto é gratuito, sendo tudo controlado por um funcionário que ali está em permanência. «Com a colaboração do IEFP trouxemos para aqui um rapaz que estava no desemprego, e é ele que zela pelas instalações e controla o uso do equipamento».
Mesmo à beira do açude, a que no Sabugal chamam o «Muro», os habitantes e os visitantes do Sabugal possuem agora um motivo acrescido para irem até à praia fluvial do rio Côa. Para além de um banho e de um passeio nas canoas que a Câmara disponibiliza, há agora um equipamento desportivo pronto a utilizar.
plb