O vereador Ernesto Cunha passou a regime de permanência a tempo inteiro na Câmara Municipal do Sabugal na terça-feira, 1 de Junho, por despacho assinado pelo Presidente António Robalo.

Ernesto Cunha - Vereador da Câmara Municipal do SabugalO Capeia Arraiana está em condições de adiantar que Ernesto Cunha é um dos vereadores escolhidos pelo Presidente da Câmara Municipal do Sabugal, António Robalo, para colaborar a tempo inteiro no executivo. O eleito já está em funções desde terça-feira, 1 de Junho.
Nas eleições autárquicas realizadas em Outubro de 2009 no Sabugal o Partido Social Democrata conquistou, sem maioria absoluta, a Câmara Municipal e elegeu três vereadores tal como o Partido Socialista. O sétimo vereador «sobrou» para o MPT-Partido da Terra que foi considerado na altura uma espécie de fiel da balança.
Na tomada de posse dos sete elementos do executivo camarário assumiu as funções de Presidente, o cabeça-de-lista social democrata, António Robalo, e de vice-presidente a número dois, Delfina Leal. Na altura, em reunião de Câmara, o Presidente propôs que o vereador Ernesto Cunha passasse a regime de permanência a tempo inteiro, para apoiar e acompanhar assuntos de serviço geral próprios do dia-a-dia de uma autarquia. A proposta foi indeferida pelos quatro elementos da Oposição – três do PS e um do MPT – tendo, então, Ernesto Cunha sido nomeado adjunto do gabinete pessoal do Presidente.
Durante cerca de sete meses assistiu-se no Sabugal a um impasse na definição de pelouros para a gestão do governo municipal tendo, contudo, o Presidente mantido a capacidade de decidir e despachar a maior parte dos assuntos que permitiram o normal funcionamento da autarquia.
Recorde-se que na reunião de 6 de Novembro de 2009 a proposta de nomeação de mais dois vereadores a tempo inteiro foi recusada por votação secreta (quatro contra e três a favor) mas… foi justificada em acta pelos vereadores da oposição. Joaquim Ricardo (MPT) considerou que «a Câmara Municipal do Sabugal já possui uma máquina de funcionários muito pesada para um concelho tão pobre e por isso não há necessidade de criação de mais dois cargos de vereadores a tempo inteiro». António Dionísio, Luís Sanches e Sandra Fortuna (PS) concordaram com o representante do Partido da Terra deixando, no entanto, em aberto a possibilidade da proposta ser novamente analisada no futuro.
Mas, tal como noticiámos aqui no Capeia Arraiana, na reunião do executivo realizada a 19 de Maio, a proposta do Presidente para nomear mais dois vereadores a tempo inteiro foi discutida e votada por unanimidade com sete votos a favor.
O Capeia Arraiana soube de fonte fidedigna que Ernesto Cunha vai assumir responsabilidades nas áreas onde é técnico especializado como sejam as pastas da floresta, agricultura e dos serviços externos.
Ernesto Cunha, natural das Lameiras, freguesia de Pousafoles do Bispo, exerceu cargos de vereador com os presidentes António Morgado e Manuel Rito e foi eleito em terceiro lugar na lista encabeçada por António Robalo às últimas eleições autárquicas.
O segundo vereador a tempo inteiro, a escolher entre os quatro restantes, ainda não foi indicado pelo Presidente António Robalo.
jcl

Anúncios