You are currently browsing the daily archive for Segunda-feira, 25 Maio, 2009.

A povoação espanhola que tem nome Hoyos está geminada com uma outra povoação francesa que tem por nome Sainte Verge e visitam-se todos os anos, alternadamente.

José Manuel CamposNo passado ano de 2008 veio de Sainte Verge a Hoyos uma delegação com cerca de cinquenta pessoas.
A Presidente do da Associação de Hermanamientos de Hoyos, Ana Maria, convidou os Presidentes de Junta de Foios e Soito pelo facto de estas duas freguesias portuguesas estarem geminadas com Eljas (Espanha) e Porge (França), respectivamente. Esteve também presente o Francisco em representação do Ayuntamiento de Eljas.
Foi um convívio muito interessante tendo o Alcalde, Marcelo, feito uma visita guiada e pormenorizada já que Hoyos é uma vila tipicamente espanhola com um rico património.
Passado algum tempo foi a Junta de Freguesia do Soito que convidou uma delegação de Hoyos e de Foios aquando da visita dos amigos de Le Porge ao Soito.
Já no mês de Novembro foi a Junta de Freguesia de Foios que convidou os representantes das referidas povoações quando teve lugar o magusto com Eljas.
O efeito bola de neve tem acontecido. Cada vez nos vamos aproximando mais e as actividades vão surgindo.
Sábado, dia 23 de Maio, veio um autocarro de Hoyos com quarenta e cinco pessoas para fazerem uma visita aos castelos do concelho de Sabugal. O autocarro subiu a Sierra de Gata, passou por El Payo, Navasfrias e chegou a Aldeia do Bispo, já pela estrada nova, às oito horas. Aí estava o Presidente da Junta de Foios para receber o grupo. Visto que o Xalmas Bar, de Aldeia do Bispo, ainda se encontrava fechado o grupo tomou café no Quim, em Aldeia Velha.
Por volta das 9 horas chegava o grupo a Alfaiates. Nesta simpática localidade visitou-se o castelo, o espaço EMA, a biblioteca, a igreja e o largo onde se realiza a capeia e onde também se situa a Igreja da Misericórdia.
Juntou-se ao grupo o Matias, Presidente de Junta do Soito, tendo proposto passagem por essa simpática vila para também aí se poder visitar a Igreja Matriz. Após a visita o Matias fez questão de oferecer uma bebida no «Bar Azul» tendo alguns dos elementos provado, pela primeira vez, o vinho moscatel.
Hoyos e Saint VergeAo atravessar a vila o Matias teve o cuidado de chamar a atenção da comitiva para os aspectos mais importantes. Referiu os bombeiros, a Univest, o Centro de Negócios Transfronteiriço e, por fim, a praça de toiros e as fábricas de mármores e granitos.
Por volta das 11,30 horas o grupo chegava à cidade do Sabugal que atravessou, sem parar, em direcção à monumental vila de Sortelha. Aí esperava a delegação o Luís Paulo, Presidente de Junta. Depois de uma livre visita a delegação dirigiu-se às instalações da Junta tendo o Presidente oferecido um galhardete ao Alcalde de Hoyos, e um livro das aldeias históricas aos colegas de Foios e Soito.
Feitas as fotos da praxe o grupo regressou ao Sabugal onde os esperava o almoço na Albergaria Santa Isabel. Aqui tenho que realçar um mal entendido de nuestros hermanos. Quando lhes foi comunicado que havia as entradas, para se servirem, livremente, julgaram que fosse o primeiro e principal prato, tendo cada um e cada uma servido um prato deveras abundante a ponto dos empregados terem que trazer comida mais duas ou três vezes. De seguida veio a sopa e por fim vitela estufada com arroz e batatas fritas. Começaram a olhar uns para os outros quando nos disseram que se haviam equivocado con los platos visto que em Espanha os hábitos são diferentes. De seguida vieram as sobremesas que a todos agradaram. Finalmente foi servido o café, com leche, pelo menos para a maioria.
Uma palavra de agradecimento para a gerência e funcionários do hotel pela maneira simpática como trataram a delegação. No final os comentários eram unânimes. Comemos bem e barato. Viremos mais vezes.
Após o almoço o grupo deslocou-se, a pé, até ao castelo que todos eles admiraram pela imponência e pela maneira com está bem tratado. Visitou-se igualmente a casa da Talinha e o bar do Kim Tomé.
De seguida um saltinho ao museu e ao espaço de exposições da empresa Sabugal+. Depois das vistas adquiriram alguns artigos e produtos e registaram no livro de visitas algumas opiniões.
Desceu-se, a pé, a rua das tílias até ao autocarro que ficou estacionado no novo parque, em frente ao tribunal.
Fez-se, de seguida, a curta viagem até ao viveiro das trutas tendo, a maioria das pessoas, ficado deslumbradas já que era a primeira vez que visitavam o local. Alguns pescaram algumas e outros adquiriram alguns quilos no local de venda.
Depois de muitas fotos e algumas bebidas, no quiosque, fez-se a viagem até Foios. Entrou-se no auditório do Centro Cívico com a música «Viva España» que a todos surpreendeu. De imediato se iniciou o baile tendo a maioria das pessoas subido ao palco onde cantaram e dançaram à boa maneira espanhola.
Por fim o Presidente da Junta de Foios ofereceu também um galhardete ao Marcelo, alcalde de Hoyos, que agradeceu.
Ficou combinado que muito brevemente voltariam para completarem a rota dos castelos visto não ter havido tempo para visitarem o de Vilar Maior e de Vila do Toiro.
Alguns voltarão com a família, visto que ficaram deveras surpreendidos e satisfeitos com o passeio. Muitos diziam que já haviam estado nas cidades da costa portuguesa e em Fátima, Tomar, Porto e Lisboa e que desconheciam, por completo, um tesouro que tinham aqui tão perto.
Venham mais vezes.
«Nascente do Côa», opinião de José Manuel Campos

(Presidente da Junta de Freguesia dos Foios)

jmncampos@gmail.com

O candidado do Partido Socialista à Câmara Municipal do Sabugal proferiu uma intervenção na Convenção Autárquica socialista realizada no domingo, dia 24 de Maio, em Manteigas.

A Convenção Autárquica foi organizada pela Federação Distrital do PS e contou com a presença de dois ministros e um secretário de estado, concretamente, Ana Jorge, Ministra da Saúde, Mário Lino, Ministro das Obras Públicas, e Humberto Rosa, Secretário de Estado do Ambiente. Para além dos governantes e dirigentes partidários, a convenção contou ainda com a presença de todos os candidatos do PS aos Municípios do distrito, dentre os quais António Dionísio.
A necessidade da mudança foi o mote do discurso do candidato socialista à Câmara do Sabugal. «Doze anos de políticas erradas levadas a cabo pelos Executivos Municipais do PSD, conduziram o Concelho do Sabugal a uma situação muito grave de declínio das nossas terras, com o agravamento das condições de vida e crescente desertificação», disse o candidato, que acusou ainda os mesmos executivos de perderem sucessivas oportunidades de afirmação regional ao terem «desperdiçando as oportunidades criadas pelos recursos que os Quadros Comunitários de Apoio colocaram ao dispor dos Municípios da Região Centro».
Contundente, o candidato socialista concluiu que «esta actuação errada demonstra uma incapacidade total para definir uma estratégia de desenvolvimento sustentado para o Concelho do Sabugal». Depois, usando sucessivamente a palavra «mudar», António Dionísio expôs um rol de razões para que o concelho escolha a opção PS nas próximas autárquicas.
A curta intervenção, de cerca de cinco minutos, concluiu-se com a descrição dos principais compromissos para com o povo sabugalense, no caso de ser eleito presidente da Câmara: Definir um projecto de Concelho, mobilizador e com metas ambiciosas mas realistas a alcançar; apostar na qualificação dos seus habitantes; desenvolver de forma sustentada a economia; desenvolver a actividade turística; construir um território coeso, identitário e inclusivo, promovendo a cidadania.
A convenção autárquica distrital do PS ocorrer no espaço do Auditório Municipal e no Mercado Municipal de Manteigas, que se encheu com socialistas vindos dos quatro cantos do distrito.
plb

A divulgação da gastronomia de Almeida através do bacalhau, veio para ficar e transformou-se em iniciativa anual, cuja 3ª edição vai realizar-se nos dias 29, 30 e 31 de Maio.

bacalhauA Feira das Artes e da Cultura e Festa do Bacalhau estava integrada no plano das actividades culturais de 2009 da Câmara Municipal de Almeida. E este ano o evento irá conhecer um formato, com diversos espaços exposição, oferecendo assim aos visitantes a arte e a cultura popular. Por outro lado, a edição de 2009 conta com uma boa representação internacional, com países como França, Ucrânia, Polónia, Itália, Noruega e Equador.
A gastronomia, que tem por base à confecção de pratos tradicionais de bacalhau, será a principal atracão do evento, mas haverá também um variado leque de actividades e espectáculos musicais.
O programa conta, de entre outras coisas, com animação de rua, exposições, workshops, hipismo, lançamento de livro e espectáculos musicais.
No primeiro dia, 29 de Maio, haverá a inauguração de uma exposição de Trajes dos Povos Europeus, seguida de actividades de expressão plástica em tela gigante. Depois virá a Hora do Conto, com dramatização e música, contando-se com a presença da escritora Helena Magalhães e da ilustradora Marguerete Barbosa.
O dia do arranque do certame tem ainda prevista uma demonstração de Arte Urbana em painéis gigantes, um workshop sob o tema «Graffiti – Uma Cultura de Rua», uma demonstração de Hip-Pop e um encontro de autocaravanistas luso-franceses.
A jornada encerra com o espectáculo musical de José Malhoa.
No sábado, 30 de Maio, haverá animação de rua, a 3.ª edição do «Pintar Almeida» e uma exposição e desfile de Bicicletas antigas. À tarde terá lugar uma demonstração de habilidades de cavalos seguida de demonstração de raças de cavalos. Depois será lançado o livro «Postigos de Memória» de Francisco Monteiro, a que se seguirá a actuação do Grupo Coral Metropolitano de Lisboa. À noite actuará José Cid.
No Domingo, dia 31 de Maio, de manhã, celebra-se uma missa solene na capela do Senhor da Barca. À tarde será a vez de se realizar uma exposição e desfile de motas, seguindo de um outro desfile: ranchos folclóricos na Quinta do Senhor da Barca.
Durante o evento a Câmara Municipal de Almeida celebrará protocolos de cooperação com o Centro Histórico de Além Mar, a Direcção de História e Cultura Militar, a associação Vox Populi e a Associação Amigos de Almeida.
plb

O cinema português ficou mais pobre na semana passada com a morte de João Bénard da Costa, vítima de cancro aos 74 anos e uma vida inteira dedicada à Sétima Arte.

Pedro Miguel Fernandes - Série BUma das figuras de proa do cinema que se faz em Portugal, apesar de nunca ter realizado nenhum filme, João Bénard da Costa deixa saudades a todos os que gostam de cinema e aprenderam a ver filmes na Cinemateca com a ajuda das míticas folhas escritas por ele. Figura incontornável da cultura nacional e reconhecido internacionalmente, Bénard da Costa liderou a Cinemateca desde 1991 até ao início deste ano, quando abandonou o cargo por problemas de saúde. No seu lugar ficou Pedro Mexia, que agora deverá passar a comandar a instituição nos próximos tempos.
Não tive oportunidade de privar com esta autêntica lenda viva do cinema, como vários frequentadores mais habituais da Cinemateca Portuguesa, mas ainda consegui assistir a algumas apresentações de ciclos feitas por Bénard da Costa no final de 2008, quando comecei a ir com mais regularidade a esta sala. Recordo-me de um homem simpático que se notava ter um gosto extraordinário quando falava sobre os filmes que ia apresentar, mesmo os que já tinha visto inúmeras vezes.
João Bénard da CostaNuma das últimas vezes que o vi, já no final do ano passado, foi durante o ciclo dedicado a Manoel de Oliveira, que contou com a presença dos dois gigantes e já se notava uma certa debilidade, tendo mesmo comentado com alguém que o realizador centenário estava com melhor aspecto que o director da Cinemateca. Desde essa altura, poucas vezes apareceu em qualquer uma das duas salas do edifício da Barata Salgueiro, onde tantas vezes assistia aos filmes com o público.
Para a história fica um homem que deu tudo ao cinema, trouxe a Lisboa vários nomes da Sétima Arte e grandes ciclos de cinema e chegou mesmo a aparecer como actor em alguns filmes de Manoel de Oliveira ou de João César Monteiro, com o nome de Duarte de Almeida.
Um legado que dificilmente será difícil de esquecer e que deve ser respeitado para sempre como uma das grandes figuras culturais da segunda metade do século XX e início do século XXI.
«Série B», opinião de Pedro Miguel Fernandes

pedrompfernandes@sapo.pt

Os STRADIVARIUS surgiram no panorama musical sabugalense, no final dos anos 70. Antes de se chamarem STRADIVARIUS chamam-se CLAVE (havia quem pronunciasse «Claive», pensando que era um nome inglês), mas tinham outros elementos na formação.

(Clique na imagem para ampliar.)

Joao Aristides DuarteEra um grupo de baile, mas que, também, tocava algumas músicas mais «pesadas».
O grupo era formado por Totó (guitarra), Horácio (teclas), François (baixo) e Rochita (bateria).
Adquiriram os amplificadores Marshall, as válvulas, aos Spartaks, da Guarda, então em fase de mudança da sua aparelhagem.
Estes amplificadores eram (e ainda são) do melhor do mundo em termos de som. Tanto que um membro dos Mão Morta e dos Mundo Cão, chamado Vasco Vaz, cujo pai é natural do Soito, tendo visto um desses amplificadores a servir de «altifalante» do arraial, nas Festas de S. Cristóvão, do Soito, em 1995, ficou todo admirado e referiu que se o proprietário o vendesse, ele comprá-lo-ia, já que não era muito vulgar encontrar ainda amplificadores a válvulas, nessa época.
Foi, aliás, com a aparelhagem de som dos STRADIVARIUS que os Faíscas realizaram o concerto, já que apenas trouxeram as guitarras e algum (pouco) material de percussão.
Os STRADIVARIUS ensaiavam no antigo Cinema-Teatro do Sabugal. Foram inúmeras as vezes que fui ver os ensaios do grupo a esse local.
Horácio, hoje advogado, com escritório no Sabugal, e na época professor no Externato Secundário do Sabugal, tocava com um órgão Farfisa, e um amplificador da mesma marca. Ao órgão estava, também, acoplado um «Lesley».
Os STRADIVARIUS, para além das «marchas» e dos temas de baile da época (ainda não estava inventada a música Pimba, que é, hoje, norma nos grupos de baile) tocavam temas de Uriah Heep, Beatles, John Miles, etc.
As fotografias dos membros do grupo (aqui reproduzidas, numa colagem) foram tiradas no dia 27 de Maio de 1978, no Sabugal, no dia do concerto histórico dos Faíscas, quando os STRADIVARIUS estavam a tocar no palco. O fotógrafo que tirou essas fotografias foi Viriato Lopes, um dos mais famosos do distrito da Guarda, à época, e que não falhava nenhum acontecimento do género Baile de Finalistas.
Estas fotografias foram, depois, reproduzidas num cartaz onde estava escrito o nome do grupo e que servia de promoção.
O François, que tocava baixo, era o benjamim do grupo e nunca mais o vi, desde essa época. Sei que era de Quadrazais, mas perdi-lhe, completamente, o rasto.
Os restantes membros estão estabelecidos no Sabugal, em diversas actividades.
A pergunta que se impõe é: para quando uma reunião do grupo para um espectáculo, que será, certamente, histórico?
Bem se sabe que os afazeres profissionais de cada um não deixarão grande margem de manobra, mas «matar saudades» era muito bom.
«Música, Músicas…», opinião de João Aristides Duarte

akapunkrural@gmail.com

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.158.187 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES