Em homenagem ao descobridor do Brasil, Pedro Álvares Cabral, foi criado em Belmonte o Museu dos Descobrimentos – Centro Interpretativo «À Descoberta do Novo Mundo».

BelmonteO Museu dos Descobrimentos – Centro Interpretativo «À descoberta do Novo Mundo», em Belmonte, já recebeu mais de cinco mil visitantes desde a sua inauguração no passado dia 26 de Abril que teve a participação do ministro da cultura, Pinto Ribeiro, do prefeito de Porto Seguro (Brasil), de Gilberto Abade (Embaixada do Brasil em Lisboa), de José Fernando Valim e de Amândio Melo (presidente do munícipio de Belmonte).
O Centro Interpretativo de cultura, sabedoria e homenagem ao descobridor do Brasil, Pedro Álvares Cabral, e a todos os portugueses que sulcaram os mares em busca do desconhecido, num processo inédito de interculturalidade é um espaço de características únicas em Portugal.
A aposta na cultura e a sua valorização associada à riqueza patrimonial de Belmonte, afirma-se, assim como uma meta numa terra que procura activamente novas actividades e onde o turismo cultural e de património têm um papel preponderante.
O Museu, localizado nas antigas casas pertencentes à família Cabral, e o espaço museológico serão um novo pólo de centralidade cultural e social englobando diversos serviços de apoio: centro de documentação, cafetaria, arquivo, entre outros.
O complexo do Museu engloba salas temáticas interactivas onde as novas tecnologias são aplicadas para que o visitante seja levado a descobrir e interagir na história de 500 anos da portugalidade. Assim, cada sala tem um motivo específico que convida à Viagem dos Descobrimentos, desde a partida, à chegada, ao encontro, ao contacto entre os povos. No seu conjunto, é feita uma viagem a Pedro Álvares Cabral, aos portugueses de 1500 e à aventura e desventura dos mares… enfim, aos Descobrimentos.
jcl

Anúncios