Foi-me pedido pelo Capeia Arraiana uma análise à situação que estamos a viver e a que poderemos ainda enfrentar. Vou tentar tornar esta explicação o mais clara possível pois é necessário que as pessoas estejam atentas, mas devidamente esclarecidas. Devem no entanto acompanhar este processo com a máxima atenção mas sem pânicos e isso pode e deve fazer toda a diferença. As ideias erradas podem originar comportamentos errados e desnecessários.

Gripe suínaNeste momento o alerta é mundial e Portugal já adoptou medidas estando quatro hospitais preparados para receber pessoas suspeitas ou infectadas com o vírus da gripe suína. Estes hospitais são o Curry Cabral e D. Estefânia em Lisboa, os Hospitais da Universidade de Coimbra e por fim o Hospital de São João no Porto.
Este assunto deve ser tomado muito a sério de forma que a Organização Mundial de Saúde (OMS) já admitiu o risco de pandemia. Uma pandemia é uma epidemia de uma doença infecciosa que se espalha pela população localizada numa grande região geográfica como, por exemplo, um continente ou mesmo o planeta.
Todos os países do mundo estão em permanente alerta o que faz com que o vírus a seja mais facilmente isolado. Mas devido à rapidez com que se propaga alguns já estão admitir o «estado de emergência» e por isso os comportamentos a serem tomados nesta altura devem ser sérios e rigorosos.
Entre as medidas a adoptar destacamos:
1.º – Mãos – Lavagem frequente das mãos com água e sabão, para reduzir a possibilidade de infecção;
2.º – Tosse – Cobrir a boca sempre que se tossir ou espirrar, usar sempre lenços descartáveis e não usar lenços de pano;
3.º Evitar ambientes fechados;
4.º Estar atento a sintomas de febre alta, cansaço, dores nas articulações, dificuldades respiratórias com especial atenção para as pessoas que estão mais débeis (criança e idosos);
5.º É importante saber que a transmissão se faz pelo ar ou através de gotículas de saliva durante um conversa, um cumprimento, pela tosse ou por espirros como de uma gripe normal se tratasse;
6.º Algumas pessoas questionam-se se podem ser contaminadas se comerem carne de porco. A informação disponível até ao momento é que não é possível contraí-la através das carnes ou derivados devidamente tratados e cozinhados;
7.º Podemos questionar se existe alguma forma de prevenir o contágio. Para já ainda não. Devem ser redobrados os cuidados de higiene e estar atentos aos sinais dos vossos organismos. Porque rapidez também é segurança de um tratamento eficaz e da não propagação do vírus;
8.º Se existe algum tratamento eficaz? Até este momento a vacina Tamiflu desenvolvida para a gripe aviária, administrada no inicio dos sintomas tem–se mostrado eficaz, No entanto não se garante o mesmo sucesso a uma pessoa que fique em casa algum tempo à espera que passe.
Como resumo devo acrescentar como em todas as minhas crónicas que todas as pessoas sempre que possível devem ser esclarecidas pelos seus médicos assistentes e não devem formar ideias erradas com base na comunicação social . Em caso de estarem longe impossibilitadas de contactar com os Médicos podem ligar para a Linha de Saúde 24 que esclarece as dúvidas. É também para essa linha que deve ser feito o primeiro contacto através do número 808242424.
Como sempre para o ser humano a rapidez com que toma as decisões, os cuidados de saúde e a higiene pode fazer toda a diferença.
Vera Vilanova

Anúncios