You are currently browsing the daily archive for Segunda-feira, 9 Fevereiro, 2009.

Já entrou em funcionamento o projecto «Civil Online», um projecto que permite requerer ou iniciar online actos de registo civil de forma rápida, cómoda e segura. Foi disponibilizado, a 5 de Fevereiro, o pedido de processo de casamento online, o primeiro serviço do «Civil Online».

Casamento na InternetO pedido de processo de casamento online é um serviço que permite que as pessoas possam dar início ao processo de casamento a partir de casa ou de qualquer outro local com acesso à Internet, sem necessidade de se deslocar à conservatória, a qualquer altura do dia, em qualquer dia da semana. Este serviço está disponível para qualquer tipo de casamento: civil, religioso ou católico.
Para utilizar este serviço é necessário que os noivos acedam ao portal «Civil Online» através do seu Cartão de Cidadão e se autentiquem electronicamente através de um código PIN, garantindo toda a segurança no processo. Após a realização do pedido por um dos noivos e a confirmação pelo outro, os serviços de registo entram em contacto com os noivos para confirmar a data de casamento e outras informações. No dia do casamento, os noivos devem identificar-se perante o funcionário dos serviços de registo, o ministro de culto ou o padre.
As pessoas passam assim a poder tratar de todo o processo burocrático relacionado com o casamento através da Internet, deixando de ter que se deslocar aos serviços de registo e ficando com mais tempo nas suas vidas.

Veja o portal dos casamentos online aqui.
jcl

Anúncios

Bem sei que o concerto mais mítico na Rapoula do Côa foi o dos Xutos&Pontapés, em 1988. Por qualquer motivo que me escapa, não estive presente nesse concerto.

Joao Aristides DuarteO concerto de José Cid foi no dia 13 de Agosto de 2006. José Cid é um «dinossauro» das cantigas.
Quando este concerto teve lugar contava já 64 anos. Iniciou-se nos anos 50 no conjunto os Babies, em Coimbra, e passou pelo famoso Quarteto 1111, uma referência incontornável de toda a música portuguesa do século XX.
Foi um dos primeiros portugueses a cantar música Rock (na época conhecida como «yé yé»).
Ao contrário do que é, geralmente, dito não se pode atribuir a Rui Veloso a paternidade do Rock português. Se alguém é merecedor do título de «pai» do Rock português, só pode ser José Cid.
Foram inúmeras as suas participações em Festivais da Canção, com canções que toda a gente conhece.
Um álbum seu, intitulado «10.000 Anos Depois Entre Vénus e Marte», é considerado, mesmo a nível mundial, como um dos melhores de sempre do Rock sinfónico. Não consigo explicar porquê, mas José Cid sempre foi um cantor com quem me identifiquei. Conheço e sou capaz de cantarolar as letras de José Cid. Nunca consegui decorar a letra de «Jardins Proibidos», por exemplo que, quase toda a gente aponta como o paradigma de uma letra romântica, mas as letras de José Cid conseguem ficar-me na memória, bem como as melodias, bem simples, mas eficazes. José Cid é conhecido por declarações polémicas como estas: «Gostava que não reparassem só no mau (…). De qualquer forma, o meu pior é muito melhor do que o melhor do Tony Carreira.», em entrevista ao jornal Metro, 2006 ou «Não me mandem cuecas para o palco, eu não sou o Tony Carreira» – na Semana Académica da Universidade do Algarve, 07/05/2007. Após uma fase de um relativo apagamento, José Cid regressou em força, exactamente no ano em que aconteceu este concerto.
José Cid na Rapoula da CôaA banda que acompanhou José Cid neste concerto (com José Gonçalo, nas tecas e Mike Sergeant , na guitarra) não era a big band que actuou no espectáculo do artista, o ano passado, por ocasião da Festa da Europa, no Sabugal. Mas era quase a mesma.
O reportório que José Cid interpretou na Rapoula do Côa foi o habitual: «O Dia Em Que o Rei Fez Anos», «A Anita Não é Bonita», «Na Cabana Junto à Praia», «Ontem, Hoje e Amanhã», «Nasci P’ra Música», «A Rosa Que Te Dei», «Vinte Anos», etc, etc.
Para além destes temas mais conhecidos foram, ainda, interpretados «Rock Rural» (um tema de 1975), «A Lenda D’El Rei D. Sebastião» (do Quarteto 1111) e o tema «Mellotron, O Planeta Fantástico» (do tal disco «10.000 Anos Depois…»).
José Cid apresentou-se em boa forma física, com um lenço palestiniano ao pescoço e com uma voz que deixa muitos famosos a léguas.
Também interpretou um tema com reminiscências a flamenco, tendo usado o banco onde se sentou a tocar o piano para lhe bater com as mãos, utilizando-o como instrumento de percussão. No tema final, José Cid apelou à paz entre os homens, tendo referido que há muita gente que só quer vender armas e fazer a guerra.
O público presente gostou muito do espectáculo. Um dos melhores que alguma vez se realizou na Rapoula do Côa.
Nas imagens, um momento do concerto e o autor desta crónica com José Cid, nos bastidores, no final do concerto.
«Música, Músicas…», opinião de João Aristides Duarte

akapunkrural@gmail.com

Houve um tempo em que as aldeias históricas do Interior tiveram todo o protagonismo, aproveitando os apoios financeiros para se requalificarem. Mas após um período de forte dinamização, eis que encalharam e perderam o fulgor. Sortelha é bem o exemplo desta triste realidade.

Muralha de SortelhaDiremos até que Sortelha nem chegou a aproveitar convenientemente as potencialidades decorrentes de ter integrado o naipe das dez aldeias históricas beiroas. É certo que viu recuperada a sua matriz antiga, tornando-se uma das melhores jóias históricas da região. As obras de requalificação corrigiram alguns sinais de modernidade, fazendo sobressair o traço antigo. Reergueram-se ruínas históricas que o tempo e a incúria haviam derrubado e melhoraram-se os acessos.
Mas nunca se apostou devidamente na animação. Noutras terras, algumas até de menor potencialidade, recriaram-se feiras medievais e cortejos antigos, organizaram-se festivais de música e de teatro ao ar livre, promoveram-se colóquios e conferências temáticas, assim captando visitantes e potenciando os negócios dos que ali quiseram investir.
Se, ainda assim, muitos vieram de longe em busca da vetusta Sortelha, cujo castelo altaneiro faz lembrar os castelos dos contos de fadas, a triste realidade de hoje é que esse fluxo esmoreceu e parece estar à beira de se extinguir. Fecharam-se negócios entretanto abertos, como restaurantes, comércios e até casas de turismo de habitação. Iniciativas como o Festival Iberfolk ou os encontros culturais sobre Miguel Torga, que persistem, não conseguem inverter uma tendência que há muito se vem sentindo.
Não basta sentarmo-nos à espera que nos cheguem as visitas. Não basta ter pedras antigas, monumentos impressionantes, ruelas fundas e esconsas e miradouros de vistas amplas. Para que Sortelha impressione os que a visitam, a ponto de lhes deixar vivo o desejo de um rápido regresso, é necessário inovar.
Bem parece andar Trancoso, que se mostra a cada momento, numa aposta na captação de mais e mais visitantes. Exemplo disso foi a presença na última edição da Bolsa de Turismo de Lisboa. O stand tinha como cenário as muralhas medievais, iluminadas e sobressaindo do fundo negro que as envolvia. O visitante sentia-se abrangido pela história e, impressionado, parava e observava. E onde outros ofereciam apenas folhetos desdobráveis ou mapas assinalando percursos, Trancoso vendia, a preço simbólico, pequenos livros com as profecias do Bandarra.
Assim se aposta na afirmação de uma terra que tem potencialidades e que aproveita a história e os seus valores culturais para se promover e continuar a ser um destino para muitos.
«Contraponto», opinião de Paulo Leitão Batista

leitaobatista@gmail.com

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 835 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Fevereiro 2009
S T Q Q S S D
« Jan   Mar »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3,068,132 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES

Anúncios