Hoje, dia 28 de Janeiro, vindo de Navasfrias (España), decidi tomar um copo na discoteca, recentemente reaberta, de Aldeia do Bispo. Conversando com o patrão, o Senhor Manuel Faísca, caí das nuvens.

José Manuel CamposPasme-se! Disse-me que tinha ido contratar uma cozinheira e uma moça para o bar à vizinha povoação espanhola de Navasfrias. Conheço, muito bem a cozinheira que contratou visto que também o havia sido na «Hosteria de La Raya» do meu amigo Celso, Alcalde de Navasfrias. É do meu conhecimento que o Celso já lhe pagava um razoável vencimento visto que a Mary é uma excelente profissional.
espanholFiquei, na verdade, perplexo quando o Senhor Manuel Faísca me disse que tinha procurado, na zona, as convenientes empregadas mas não encontrou. Acrescentou ainda que também recorreu ao Centro de Emprego mas que também não foi bem sucedido.
É caso para perguntar se a crise também por aqui anda. Não é por acaso que estamos os tais trinta ou quarenta anos atrasados em relação a nuestros hermanos. Que saibamos aproveitar as lições! Depois não nos queixemos.
«Nascente do Côa», opinião de José Manuel Campos

(Presidente da Junta de Freguesia dos Foios)

jmncampos@gmail.com

Anúncios