Durante a semana passada, o Comando Territorial da Guarda da GNR registou e comunicou ao Ministério Público 53 ocorrências de âmbito criminal, tendo ainda efectuado 10 detenções em flagrante delito e tomado conhecimento de 27 acidentes de viação nas estradas do distrito.

GNR-Guarda Nacional RepublicanaDo total de registos de ocorrências criminais, 21 referem-se a furtos, que continuam a ser um dos crimes mais verificados no distrito. Desses furtos, quatro ocorreram em estabelecimentos comerciais, dois em veículos e outros dois referem-se a furto de automóveis.
No período em análise os militares da GNR efectuaram 10 detenções em flagrante delito, sendo seis por condução sob efeito do álcool (condutores que apresentaram taxas de alcoolémia entre 1,24 e 2,64 gramas por litro no sangue), três por condução sem habilitação legal e duas pela prática de crime de furto de veículo.
Os dois detidos por furto de automóvel foram capturados no âmbito de uma operação efectuada pelo Destacamento da Guarda. Os detidos têm antecedentes criminais, estando indiciados de outros furtos de veículos, em estabelecimentos comerciais e em edifícios públicos. Presentes em tribunal, ficaram sujeitos à medida de coação de apresentações bissemanais, nos postos policiais das áreas de residência (Guarda e Seia).
Na semana em análise registaram-se 27 acidentes de viação, sendo 18 por colisão e nove por despiste. Dos sinistros resultaram dois feridos graves e 11 feridos ligeiros.
Os Núcleos Escola Segura, dos Destacamentos Territoriais da Guarda, Pinhel e Gouveia, desenvolveram várias acções de sensibilização, subordinadas ao tema «Segurança na Escola», nelas participando cerca de 110 alunos.
Por sua vez o Posto Territorial da Guarda realizou quatro acções de sensibilização nas freguesias de Faia, Mizarela, Aldeia Viçosa, Vila Soeiro e Pêro Soares, no âmbito do programa «Apoio 65», onde estiveram presentes 60 idosos.
plb

Anúncios