Quinze deputados e técnicos da «Deputación» de Salamanca jantaram no restaurante Eldorado, em Foios, onde degustaram a nossa gastronomia e deixaram o sentido desejo de voltarem em breve para conhecerem todo o conselho do Sabugal.

José Manuel CamposQuando há cerca de um mês foram visitados os trabalhos da «carretera» Navasfrias – Aldeia do Bispo, por políticos e técnicos da «Diputación» de Salamanca, aconteceu um almoço no restaurante Eldorado, em Foios. Nuestros hermanos comeram, gostaram e prometeram voltar. Passado algum tempo foi-me enviado um e-mail, pelo amigo Carlos Cortes, a pedir que marcasse almoço para quinze pessoas. Correspondi, naturalmente, ao pedido.
Às 15 horas do dia 12 chegava ao Largo da Praça de Foios um pequeno autocarro, que transportava quinze importantes personalidades da monumental cidade de Salamanca. A fina-flor dessa histórica cidade, posso afirmar. Durante duas horas degustaram os produtos regionais que todos deliciaram.
deputados esoanhóis nos FóiosVisto que, nesta época, a noite chega muito cedo já não deu para visitar a cidade do Sabugal e a vila de Sortelha. Mas ficou combinado que, na próxima Primavera, voltariam, mais cedo, num sábado, e com um programa previamente estabelecido. Nessa altura far-se-á uma visita guiada pelo concelho, o que certamente os irá encantar.
Não me restam dúvidas de que este é o caminho certo. Quando recebemos bem as pessoas voltam e trazem sempre mais um familiar ou um amigo.
Durante o almoço falou-se, como é costume, das relações transfronteiriças. Também não me restam dúvidas de que as estradas que estão a ser construídas muito irão contribuir para o progresso e desenvolvimento das localidades dos dois lados da fronteira. Todas as hipóteses são apresentadas na perspectiva do desenvolvimento. É importante que nos juntemos e que se discuta a região. Há, na verdade, muito para fazer mas é importante que se levante a caça para depois se poder abater.
Noto que quando «ablamos con nuestros hermanos» muitas ideias surgem. É, por isso, importante continuar a dialogar e muito mais importante podermos passar à acção.
«Nascente do Côa», opinião de José Manuel Campos

(Presidente da Junta de Freguesia dos Foios)

jmncampos@gmail.com