Os candeeiros do parque das merendas de Aldeia da Ponte foram danificados durante a noite, ocorrência que causou um prejuízo avaliado em quatro mil euros. O Núcleo de Investigação Criminal da GNR já está a investigar.

Ponte romana de Aldeia da PonteNa semana passada o parque de lazer, situado na margem direita do rio Cesarão, foi avo de um acto de puro vandalismo, com a danificação dos 20 pequenos candeeiros que iluminam o local.
O presidente da Junta de Freguesia de Aldeia da Ponte, José Francisco Nabais, não encontra explicação para o sucedido, pois tratou-se de uma acção de vandalismo gratuito, não tendo quem o praticou retirado dali qualquer benefício, já que todos os candeeiros partidos foram deixados no local. O facto foi de imediato participado à GNR, tendo esta força de segurança enviado ao local elementos do Núcleo de Investigação Criminal de Vilar Formoso que fizeram algumas diligências, entre as quais a procura de vestígios que permitam identificar os autores do delito.
José Francisco Matias considera que se tratou de um acto isolado e ocasional, na medida em que não tem havido na freguesia outros episódios similares. «Há um ano atrás foram roubados cinco projectores que iluminavam a ponte romana, mas desde então não houve outros actos desta natureza», afirmou o autarca ao Capeia Arraiana.
Entretanto os 20 candeeiros danificados foram prontamente arranjados pela Câmara Municipal do Sabugal, que, a pedido da Junta de Freguesia, enviou a Aldeia da Ponte pessoal qualificado para o efeito.
plb