Foram entregues esta sexta-feira, 30 de Maio, no Terreiro do Paço, em Lisboa os prémios da iniciativa «Tree Parade’08». A Escola EB 2,3 do Sabugal conquistou o segundo lugar na «Categoria 2» e o Jardim de Infância do Soito ficou em terceiro na «Categoria 1».

Entrega dos prémios «Tree Parade'08»Os alunos e professores do concelho do Sabugal estão de parabéns. No «Tree Parade’08» receberam dois dos nove prémios possíveis entre 178 candidaturas. A Escola EB 2,3 do Sabugal, representada por Carla Pereira e Tânia Alves, recebeu das mãos do ministro da Agricultura, Jaime Silva, o prémio correspondente ao segundo lugar na «Categoria 2» do «Tree Parade’08». As representantes do Jardim de Infância do Soito, Conceição Pelicano, Teresa Vaz e Teresa Peres Monteiro, receberam igualmente das mãos do governante o prémio correspondente ao terceiro lugar na «Categoria 1».
A responsável da Câmara Municipal do Sabugal pelas candidaturas, Carla Pereira, demonstrava no final grande satisfação pelos resultados alcançados. «Tivemos pouco tempo para organizar as candidaturas das nossas escolas. Apenas conseguimos entregar os 32 processos dois dias antes de terminar o prazo. Mas valeu a pena. Participaram na pintura das árvores entre 600 a 650 crianças. Estamos muito contentes com os dois prémios alcançados», declarou a representante da autarquia ao Capeia Arraiana no final da entrega dos prémios.
Durante a cerimónia foi ainda possível ouvir o ministro da Agricultura, Jaime Silva, destacar os dois prémios alcançados pelas escolas do concelho do Sabugal.
No âmbito da Defesa da Floresta Contra Incêndios (DFCI) a Direcção-Geral dos Recursos Florestais (DGRF) promoveu a iniciativa Tree Parade’08, tendo como público-alvo a população escolar. No concelho do Sabugal participaram todos os Jardins-de-Infância e EB1 no escalão «Categoria 1» e foram todos seleccionados para participarem. Para além dos mais pequenos, participam também na «Categoria 2» do concurso a EB23 do Sabugal e o Externato Secundário do Soito. Foram aprovadas para participar no concurso todas as 31 candidaturas sabugalenses. Foi, posteriormente, entregue a cada escola, uma árvore suporte com cerca de 1,50 m de altura, para que a população escolar a pintasse de forma a cumprir o lema «Floresta, Fonte de Recurso».
Em declarações ao Capeia Arraiana, Dina Ribeiro, da DGRF, salientou «a grande adesão das escolas ao desafio e em especial do concelho do Sabugal, um dos mais participativos a nível nacional, que resultou na conquista de dois dos nove prémios atribuídos».
Participaram cerca de oito mil alunos de 165 escolas com 178 trabalhos tendo resultado numa pré-selecção a escolha dos 60 melhores que foram avaliados por um júri convidado.
«Dividimos os trabalhos em três categorias e atribuímos três prémios a cada uma delas. Esta parceria entre a Direcção-Geral da Inovação e do Desenvolvimento Curricular do Ministério da Educação e a Direcção-Geral dos Recursos Florestais tem como objectivo sensibilizar a população escolar para a defesa da floresta contra incêndios através da criatividade abordando na escola os recursos e a floresta», afirmou ainda Dina Ribeiro.
jcl

Anúncios