O Grupo Territorial da GNR da Guarda no período de 24 a 30 de Março de 2008 efectuou quattro de tenções em flagrante e registou 47 ocorrências criminais por diversos actos ilícitos.

GNRDe entre as ocorrências criminais registadas destacam-se sete crimes de dano, cinco de ofensas à integridade física, cinco de furto em residência, três de violência doméstica, três de incêndio em habitação, dois de ameaças e de coação, dois de burla, dois de furto em veiculo, dois de condução sob influência do álcool, um de injúrias, um de furto de veiculo, um de incêndio florestal, um de caça ilegal e um de condução sem habilitação legal.
Segundo comunicado da GNR da Guarda, neste mesmo período efectuaram-se ainda quatro detenções em flagrante delito, sendo uma por ameaça e coação a militar da GNR, outra por condução de veículo sem habilitação legal e duas por condução sob influência do álcool.
Registaram-se ainda 24 acidentes de viação, sendo 21 em resultado de colisões e três por despistes, dos quais resultaram 10 feridos leves. As principais causas destes acidentes foram a velocidade excessiva e o desrespeito pela de sinalização.
plb

Anúncios