No Dia da Cidade da Guarda, que foi ontem comemorado, o Ministro do Ambiente, Nunes Correia, inaugurou o Parque Urbano do Rio Diz, que foi a mais emblemática obra realizada na cidade no âmbito do Programa Polis.

Parque Urbano do Rio DizA Guarda é agora possuidora de um grande espaço lúdico, cuja construção custou dez milhões de euros. O novo espaço estende-se por 21 hectares, onde se inclui o maior parque infantil da Península Ibérica. Possui ainda um amplo espelho de água, zonas verdes e um espaço polivalente semi-coberto com salas para festas e eventos, ludoteca, ateliers e uma biblioteca.
O novo espaço está situado entre a Guarda-Gare, e o centro da cidade, resultando da requalificação urbana de uma área que estava abandonada. A obra vem também reabilitar o Programa Polis da Guarda, que teve início em Novembro de 2000 e estava previsto concluir-se uma das suas intervenções mais visíveis.
No âmbito do Polis Guarda haviam já sido realizadas as intervenções no centro histórico da cidade, na zona envolvente da Sé Catedral, na zona do Torreão e na Avenida da Estação.
Mesmo assim, houve projectos do Polis que nunca foram concretizados e cuja realização espera por melhores dias, nomeadamente uma segunda fase do Parque Urbano do Rio Diz, que incluirá Jardim da Ciência, Museu da Água e Centro de Interpretação Ambiental.
plb

Anúncios