You are currently browsing the daily archive for Sexta-feira, 23 Novembro, 2007.

Por altura de 1963, mais ano, menos ano, novamente mais uma Capeia à noite, nos mesmos moldes, esta já bem da minha lembrança, pois acompanhei a pé, durante todo o dia e sem comer, tal era a febre, o que me acarretou uma violenta reprimenda da minha Mãe.

Esteves Carreirinha - Ecos da AldeiaManhã bem cedo, ala que se faz tarde, a caminhada era a pé e bem longe, não havia boleias, como agora, toca de apertar o passo, para chegar à quinta do Natcho, mesmo a tempo, de não perder pitada da saída dos bichos do curral.
Iniciado o encerro, seguíamos a pé, sempre atrás dos cavalos e muito próximos dos touros, «falando com eles», chamando-os pelos nomes, que ouvíamos aos cavaleiros espanhóis, nas diversas tentativas de os levar até à praça, só que fugiram várias vezes, tornando infrutíferas todas as caminhadas.
Então, decidiu-se que se faria ao entardecer uma última tentativa, coroada de êxito, sendo já noite, quando se conseguiu encerrar toda a boiada do Natcho, levando-a pelos Termos, Tapada do Moinho e Vêgas, derrubando paredes de lameiros e tapadas, abrindo portaleiras para a passagem de toda a «comitiva», vindo a sair ao Cemitério Novo, entrando na Praça, pelo lado contrário, seguindo-se a Capeia, com início por volta da meia-noite.
Encerros nos anos 60Como ainda não havia luz eléctrica, só a teríamos em 1967, colocaram-se quatro ou cinco candeeiros de «Petromax» em sítios estratégicos para se ver o melhor possível a praça.
Foi um espectáculo todo este movimento, Encerro e Capeia, apesar de ser à noite, sendo os touros esperados ao Forcão, não tendo perigado ninguém, apesar de um ou outro susto, como sempre acontecia antigamente.
Imediatamente a seguir, com uma praça a abarrotar de touros e vacas, apartaram-se os ajustados e escolhidos pelos Mordomos para a «corte», sendo os outros largados pelas ruas do encerro normal, rua da Praça, Colégio acima, em direcção à quinta espanhola, num primeiro desencerro nocturno, o outro foi pela manhã, bem cedinho, já raiava a aurora, quando a Capeia terminou. Estes desencerros converteram-se em dois momentos com grande emoção para a rapaziada nova, juntamente com os poucos cavaleiros, atrás dos touros, galgando rua acima, até ao fim do povo, retomando o caminho de terra batida, em direcção ao seu poiso habitual.
Que melhor divertimento para a «canalha» miúda, na qual nos incluíamos, bem como para todos os outros, depois de mais um ano de espera pelo Santo António. Com o Encerro e a Capeia, nesta época, vivia-se uma sensação especial de aventura, embora com alguns riscos, mas que importavam os riscos?
«Ecos da Aldeia» de Esteves Carreirinha

estevescarreirinha@gmail.com

A deputada Ana Manso eleita pelo círculo eleitoral da Guarda apresentou na reunião plenária de debate do Orçamento de Estado (OE) para 2008 uma proposta de alteração ao artigo 71.º da Proposta de Lei no que respeita aos incentivos fiscais para empresas no Interior.

Ana Manso na Casa do Concelho do SabugalEm representação do grupo parlamentar do PSD a deputada Ana Manso apresentou quinta-feira, 22 de Novembro, uma proposta de alteração ao artigo 71.º da Proposta de Lei n.º 162/X, que aprova o OE para 2008.
O referido artigo respeita aos benefícios fiscais existentes para promover a localização das empresas no Interior. A alteração visa a alínea b) do artigo 39.º-B substituindo os cinco por dez anos e a redução da taxa passar de 5 para 10 por cento com a seguinte redacção: «No caso de instalação de novas entidades, cuja actividade principal se situe nas áreas beneficiárias, a taxa referida no número anterior é reduzida a 10% durante os primeiros dez exercícios de actividade.»
Na sua intervenção a deputada Ana Manso considerou que «este é o Governo mais centralizador desde o 25 de Abril, tratando mal o Interior do País e transformando-o numa terra de quase nada e de quase ninguém» alertando para o facto de «a política fiscal acentuar diferenças, ao nível do IVA e do Imposto sobre os Produtos Petrolíferos, fazendo recuar a fronteira económica com Espanha 100 quilómetros adentro do nosso território».
Denunciou a preocupante dualidade entre o Litoral e o Interior em consequência do divórcio do QREN em relação ao Interior; a retirada massiva e descoordenada de organismos públicos e de monopólios públicos naturais, como os CTT; a incapacidade do Governo de mobilizar recursos públicos e privados para um novo desenvolvimento do Interior; e o investimento público que representa apenas cerca de 20 por cento do investimento per capita do País.
A concluir a deputada Ana Manso defendeu ser «essencial inverter este estado de coisas apresentando uma proposta com medidas de descriminação positiva que visam contribuir para que o Interior seja uma potencialidade e não uma fatalidade».
jcl

A Câmara da Guarda reagiu com indignação às razões invocadas pela Associação Industrial Portuguesa (AIP) para o cancelamento de um congresso de empresários, que estava agendado para a cidade no próximo fim-de-semana.

Congresso realizava-se no TMGA AIP alegou motivos de ordem logística, nomeadamente insuficiência de alojamentos, para a desmarcação do IV Congresso das Actividades Empresariais das Regiões, cuja realização estava agendada para as instalações do Teatro Municipal da Guarda. Face ao imponderável a confederação empresarial adiou o evento para o dia 28 de Janeiro de 2008 e transferiu a sua realização para Lisboa.
A decisão não foi do agrado do presidente da Câmara Municipal da Guarda, Joaquim Valente, que, segundo a Agência Lusa, revelou não compreender as razões invocadas para o adiamento, uma vez que a cidade tem capacidade logística para acolher eventos desta natureza. Revelou que tivera mesmo numa reunião preparatória do congresso na sede da Associação Industrial e Comercial de Coimbra, pelo que estranha a decisão apressada do seu adiamento.
Joaquim Valente considera que a Guarda tem acolhido inúmeras iniciativas desta natureza, lembrando que têm passado pela cidade «congressos com participantes europeus, nomeadamente italianos, com um grande número de inscritos, que realçaram as excelentes condições que a Guarda tem, quer em termos de acessibilidades, quer de equipamentos».
O autarca vai pedir explicações à organização, pois não aceita as justificações da AIP, tanto mais que a Guarda e a região têm uma boa capacidade de alojamento nas diversas unidades hoteleiras do concelho.
Também a deputada e vereadora social-democrata da edilidade, Ana Manso, se mostrou indignada com o facto: «Era importante saber quais as verdadeiras razões que levam a AIP a transferir para Lisboa um congresso que estava programado para a Guarda», declarou.
plb

A Câmara Municipal de Almeida está presente na edição deste ano da prestigiada Feira de Turismo do Interior, em Valladolid (INTUR), que começou ontem e se realiza até domingo, 25 de Novembro, com vista a divulgar as potencialidades do concelho.

Vila de AlmeidaA aposta do município de Almeida na participação na INTUR segue-se ao sucesso da participação no ano transacto na Feira Internacional de Turismo de Madrid (FITUR), de onde se obteve um crescimento muito forte na visita de turistas espanhóis no corrente ano. Trata-se pois de continuar o caminho lançado, participando agora noutro evento similar no país vizinho.
A INTUR é considerada uma das mais importantes feiras de Turismo de Espanha, celebrando este ano a XI edição. Participam no certame cerca de mil e 300 expositores, que ocupam três pavilhões com uma área de 30 mil metros quadrados.
A Região de Turismo da Serra da Estrela está também presente, expondo as potencialidades turísticas da região e promovendo produtos regionais, com destaque para o Queijo da Serra.
plb

Com vista a sensibilizar a população estudantil, a Associação de Municípios da Cova da Beira (AMCB) em parceria com os municípios Associados e a Agência Regional de Energia e Ambiente do Interior, vai iniciar no final deste mês, um projecto ambiental denominado «Compostagem nas Escolas».

Compostor de resíduosO projecto da AMCB tem por grande objectivo contribuir para a redução do volume de resíduos orgânicos depositados em Aterro Sanitário, apostando no processo da compostagem, através do qual se transformam os resíduos em adubos.
Pretende-se ainda contribuir para o cumprimento das metas estabelecidas na legislação europeia sobre deposição de resíduos e para o aproveitamento dos resíduos orgânicos resultantes das cantinas das escolas.
O projecto envolve já 120 estabelecimentos de ensino básico, secundário e superior, nos 13 municípios envolvidos, nos quais se conta o Sabugal.
Em cada escola será seleccionada uma turma que ficará com o encargo de coordenar o projecto. Alunos e professores terão de depositar os resíduos orgânicos num «compostor» que a AMCB colocará em cada escola aderente.
A Compostagem consiste na reciclagem de matéria orgânica, como é o caso da cascas de fruta e ramos de arbustos, entre outros, obtendo-se no final um composto que funciona como adubo. Ao compostar reduz-se a quantidade de resíduos que são depositados em aterro, ajudando assim o Ambiente.
Recorde-se que fazem parte da AMCB os municípios de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Fundão, Guarda, Manteigas, Mêda, Penamacor, Pinhel, Sabugal e Trancoso.
plb

O Estado vai reter mensalmente cerca de 100 mil euros das transferências do Fundo de Equilíbrio Financeiro (FEF) para o município da Guarda em penalização pelo excesso de endividamento. Já Fornos de Algodres verá reduzidas as suas transferências em cerca de 30 mil euros mensais, enquanto que Trancoso recorreu e Penamacor escapou à penalização.

Câmara Municipal da GuardaNa Beira Interior quatro municípios foram inicialmente notificados pelo Ministério das Finanças por terem ultrapassado o limite de endividamento líquido em 2006, tendo que se sujeitar às sanções financeiras que a lei prevê. Porém uma reapreciação dos processos levaria a conclusões diferentes.
A Câmara de Penamacor estava incluída no lote de municípios excessivamente endividados, mas a reapreciação do processo levou a que saísse da lista negra.
O Município de Trancoso viu reduzido em mais de 328 mil euros o endividamento excessivo inicialmente considerado pelo Ministério das Finanças, mas ainda assim a autarquia não se dá por satisfeita, apresentando novo recurso.
Em relação à Guarda, o Ministério das Finanças não aceitou a argumentação da edilidade, pelo que será penalizada até que sejam recuperados os 1,4 milhões de euros de endividamento excessivo.
Fornos de Algodres ultrapassou em mais de três milhões de euros o limite legal de endividamento, pelo que a autarquia também será privada de uma verba todos os meses nas transferências do FEF no ano 2007.
plb

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Novembro 2007
S T Q Q S S D
« Out   Dez »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.158.180 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES