You are currently browsing the daily archive for Sábado, 17 Novembro, 2007.

A grande produção de cereais na freguesia alcunhou de Lomba dos Palheiros uma aldeia que viu o Ministério da Indústria encerrar as suas fábricas dos sabões por falta de luz eléctrica.

José Robalo – «Páginas Interiores»«A Lomba dos Palheiros, foi assim designada porque havia por aqui muitos palheiros de palha centeeira; era uma zona muito forte em cereais.» Quem assim fala, com um brilhozinho nos olhos, é o meu querido amigo e Presidente da Junta de Freguesia, filho adoptivo da terra, Domingos Romão. No entanto e como quem conta um conto acrescenta-lhe um ponto a esposa, professora aposentada, peremptória sustenta: «Diz-se que quando os romanos invadiram a Lusitânia, os nossos antepassados para fugirem à espada dos soldados romanos, escondiam-se nos palheiros existentes aqui na Lomba, sendo que estes serviram de esconderijo, dando assim fama ao local, que chegou aos nossos dias.»
A Lomba já foi uma aldeia com muita gente e actividade, que nos anos 20 do século passado, vivia das duas fábricas de sabão existentes na freguesia. Diz o meu amigo Domingos: «Tínhamos dois alvarás para duas unidades industriais na produção de sabão. O Ministério da Indústria resolveu não renovar os alvarás porque na freguesia não existia energia eléctrica, condição sine qua non para na altura se produzir sabão com alguma salubridade.»
Lomba dos PalheirosLá vêm mais uma vez os tais, sempre os mesmos de Lisboa, a cercear o nosso direito a sermos felizes aqui no Interior.
Fui encontrar o meu amigo Daniel Dias Nunes, proprietário de uma fábrica de sabão a «V.ª Luís Nunes & Filhos, Lda.», bem no coração da cidade da Guarda, junto à Escola de S. Miguel, que me confirma que no século passado existiram duas fábricas de sabão na Lomba, sendo «uma do meu avô e outra duns primos. O sabão inicialmente era vendido em sacos para a raia e carregado por burros sendo contrabandeado, pelos quadrazenhos».
Estas fábricas que se socorriam de métodos tradicionais rudimentares e matérias-primas como as olainas (borras) de azeite, soda e mais tarde óleo de palma, abasteciam o mercado nacional e as feiras da região nomeadamente Pousafoles do Bispo, Pêga, Vila do Touro, Sabugal e Alfaiates.
Uma das fábricas ardeu, não havia energia, os acessos eram maus e nos meados dos anos 60, enquanto os Beatles criavam furor e revolucionavam os costumes, os estudantes em Paris faziam greves e lutavam pela afirmação da liberdade, a família Nunes investia na Guarda, criando uma nova unidade industrial.
Foi a fase da internacionalização, em que os produtos das fábricas de sabão conquistaram novos mercados, nomeadamente nos Estados Unidos e hodiernamente o mercado africano (Angola) para onde o produto era remetido em contentores.
Com saudades o Daniel sempre vai dizendo: «Na Lomba, da cozinha da casa dos meus avós, tínhamos acesso à zona do fabrico do sabão, para a caldeira». Mas hoje os tempos são outros e com algum azedume acrescenta: «A União Europeia impõe regras incomportáveis para as pequenas empresas, acrescendo que os novos concorrentes a oriente, colocam a nossa actividade em dificuldades.»
Será que não é possível aproveitar o fulgor do passado, esta energia positiva, este know-how, localizado na Lomba, para com um projecto, uma candidatura a este novo QREN que aí está, revitalizar uma actividade que já deu nome à freguesia, numa aposta de qualidade e para mercados mais exigentes onde os orientais não sejam concorrentes?
«Páginas Interiores» de José Robalo

joserobaload@gmail.com

Os castelos de Sortelha e do Sabugal registam até ao final de Setembro um aumento de visitas em comparação com o ano de 2006.

SortelhaOs números são oficiais e indicam que em 2006 o Castelo do Sabugal recebeu 26.136 visitantes e o Castelo da Aldeia História de Sortelha 17.864. Até ao final de Setembro do corrente ano a torre de cinco quinas já foi visitada por 23.735 turistas e o Castelo de Sortelha por 32.707.
Um estudo recentemente publicado e elaborado pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) coloca Sortelha em sétimo lugar com pouco mais que 15 mil visitantes no decurso de 2006.
O erro da amostra reside no facto de as estatísticas terem sido baseadas num questionário fornecido pela CCDRC a cada posto de turísmo das aldeias históricas. De facto nem todos os visitantes entram no posto de turismo das aldeias históricas ou do castelo do Sabugal. Mas… quem faz a contagem, por exemplo, junto às entradas principais dos monumentos vê os seus números ficarem inflaccionados.
Já é tempo de redefinir as regras no comparativo entre as aldeias histórias e entre as cidades com castelo para evitar deturpar os resultados.
jcl

A deputada Ana Manso, eleita nas listas do PSD pelo círculo eleitoral da Guarda, visitou quinta-feira, 15 de Novembro, a Casa do Concelho do Sabugal.

Ana Manso na Casa do Concelho do SabugalA Casa do Concelho do Sabugal recebeu na quinta-feira, 15 de Novembro, a visita da ilustre beirã Ana Manso. A deputada social-democrata eleita pelo círculo da Guarda correspondia assim, gentilmente, ao convite endereçado pelo Capeia Arraiana para conhecer a embaixada do concelho do Sabugal em Lisboa. E as conversas pararam à hora do almoço. «Eu conheço aquela cara», dizia um. «É a doutora Ana Manso», apressou-se a dizer o Adelino naquele seu jeito tão particular.
Ana Maria Sequeira Mendes Pires Manso, nasceu na aldeia de Videmonte no concelho da Guarda. Mas como casou com um lagarteiro (o marido é de Aldeia do Bispo) faz questão de afirmar que é «importada e adoptada pelo Sabugal». «Vejo capeias desde os 17 anos. Todas as conversas em casa dos meus sogros começam e acabam com as capeias», esclarece-nos a iniciar uma conversa onde o tempo passou sem passar e da qual daremos conta em breve.
«Já agarrei ao forcão. Foi nos Forcalhos. O touro não vira sem dizer. Dá sinais. É preciso entendê-los. É uma presença aterradora à nossa frente. O respirar é intenso. Só quando estamos tão perto é que percebemos. Vivi o momento!» é a sua apaixonada narrativa, na primeira pessoa, sobre a capeia arraiana.
Tem marcada para o dia seguinte (sexta-feira) uma reunião com uma delegação das Nações Unidas para discutir e planear a abertura de sedes dos direitos humanos em países problemáticos como, por exemplo, Timor. «Fui a coordenadora do Grupo Parlamentar Português sobre População e Desenvolvimento na anterior legislatura mas como o cargo está dependente das maiorias continuo a fazer parte do grupo mas, agora, sob a coordenação socialista».
A viver na Guarda as viagens são uma constante da sua vida enquanto deputada à Assembleia da República. «Deviamos passar mais tempo junto dos que nos elegem e eu sempre que posso correspondo aos convites. Na próxima segunda-feira vou estar com o deputado Fernando Cabral na escola de Figueira de Castelo Rodrigo para falar sobre Oportunidades e Desafios na União Europeia».
Mas o telemóvel não parava de tocar. A agenda estava preenchida e o Parlamento chamava-a.
No final fez questão de retribuir a curiosidade dos presentes (já estava na hora da «sueca») com simpáticos cumprimentos e saudações a todos durante uma breve visita às instalações da Casa.
Cargos actualmente desempenhados pela deputada Ana Manso: vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD, deputada na X Legislatura, vice-presidente da Comissão de Saúde, membro da Comissão de Trabalho e Segurança Social, membro da Sub-Comissão da Paridade e Família, membro do Grupo Parlamentar Português sobre População e Desenvolvimento e vereadora sem pelouro, na Câmara Municipal da Guarda.
Não perca o próximo «À fala com… Ana Manso».
jcl

A governadora civil da Guarda, Maria do Carmo Borges, anunciou que a sinistralidade mortal baixou este ano nas estradas do distrito, em comparação com o período homólogo anterior.

Acidente de viaçãoEste ano já perderam a vida dezasseis pessoas nas estradas do distrito da Guarda, menos 10 casos do que em igual período do ano 2006.
Segundo Maria do Carmo Borges, que falou no final de uma reunião da Comissão Especializada de Prevenção e Segurança Rodoviária do distrito, «este dado não nos pode alegrar, nem nos pode dar ânimo, porque cada vez que morre uma pessoa na estrada é mais uma vida que se perde». Porém a governadora mostra-se confiante numa continuidade na melhoria dos números da sinistralidade no distrito.
Esta redução de vítimas mortais, poderá estar relacionada com a melhoria das acessibilidades. Segundo a governadora civil, a construção da auto-estrada 25, terá sido uma das mais notáveis melhorias, pois o traçado anterior, o celebérrimo IP5, era uma via fatídica.
Apesar da redução de vítimas mortais, houve mais dois feridos graves que no período anterior. Já no respeitante a feridos ligeiros, houve menos 56 este ano.
A estrada mais mortal é a que liga Celorico da Beira a Trancoso (EN102), onde houve este ano 4 mortos, seguida do troço EN 226, entre Trancoso e a Ponte do Abade.
Maria do Carmo Borges defendeu que a luta contra a sinistralidade tem de continuar, anunciando mais acções de sensibilização nas escolas, para que os mais jovens transmitam aos adultos a mensagem da responsabilidade que tem de haver na condução.
plb

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Novembro 2007
S T Q Q S S D
« Out   Dez »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.159.155 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES