O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) tenciona criar uma licenciatura em Protecção Civil, contando para isso com o apoio da Federação Distrital dos Bombeiros.

Instituto Politécnico da GuardaJá reuniu o grupo de trabalho que vai delinear a estrutura da nova licenciatura, para que possa estar disponível já no próximo ano lectivo. Um dos grandes objectivos de Madeira Grilo, presidente da Federação Distrital dos Bombeiros da Guarda é disponibilizar no Instituto Politécnico uma Licenciatura em Protecção Civil que sirva os objectivos dos Jovens Bombeiros de todo o País.
Para os promotores da licenciatura os bombeiros precisam de formação técnica aprofundada e o novo curso poderá dar um valioso contributo nesse sentido.
O grupo de trabalho é constituído por António Fonseca, Comandante Distrital Operacional da Protecção Civil, Álvaro Guerreiro, Jurista e presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Guarda e por outros elementos ligados à Federação Distrital dos Bombeiros, a que se juntam os directores das diversas Escolas do IPG, e ainda Jorge Mendes Presidente do próprio instituto.
O Instituto Politécnico de Castelo Branco possui já um curso em Protecção Civil, mas os promotores do curso no IPG dizem que a licenciatura a ministrar na cidade mais alta será melhor estruturada e terá um sentido mais prático.
plb