A Federação Distrital da Guarda do Partido Socialista congratulou-se com a decisão governamental de modernizar o Hospital Sousa Martins e manter activa a maternidade da cidade.

Hospital Sousa Martins - GuardaEm nota à comunicação social, o deputado Fernando Cabral, presidente da federação guardense do PS dá conta da satisfação dos socialistas pelos compromissos assumidos pelo Governo em relação ao Hospital Sousa Martins.
No passado sábado, 19 de Maio, o Ministro da Saúde, Correia de Campos, anunciou no decurso das comemorações do centenário do Sanatório Sousa Martins, «um conjunto de decisões que vão de encontro aos compromissos então assumidos e, mais importante, de encontro às legitimas esperanças e expectativas das populações do Concelho e Distrito da Guarda», refere o comunicado dos socialistas.
«Durante a campanha eleitoral para as últimas eleições legislativas, o Partido Socialista assumiu no Manifesto Eleitoral da Candidatura da Guarda que em relação ao Hospital da Guarda garantia a sua modernização e ampliação e que defenderia e reforçaria os seus serviços», acrescenta a nota, que considera assim cumprida a promessa eleitoral.
No dia da visita à Guarda Correia de Campos homologou o novo programa funcional do Hospital Sousa Martins, pelo qual se criam condições para avançar rapidamente com o processo de ampliação e remodelação do Hospital, ficando também a certeza de que a maternidade vai continuar na Guarda, pondo fim às dúvidas a esse respeito.
Os socialistas consideram ainda ter a cidade recebido do ministro uma outra «prenda», que é a criação da Unidade Local de Saúde, estrutura com estatuto de Entidade Pública Empresarial que permitirá uma gestão integrada dos Centros de Saúde e das Unidades de Saúde Familiar a criar no distrito.
plb