You are currently browsing the monthly archive for Março 2007.

O Centro Hospitalar da Cova da Beira (CHCB), na Covilhã, tem já a funcionar um serviço de oncologia, onde se fazem cirurgias e o acompanhamento de doentes que sofram de cancro. A nova unidade irá desenvolver-se aproveitando os primeiros licenciados em Medicina pela Universidade da Beira Interior (UBI).

Dr. José Alberto Fonseca MoutinhoA nova unidade do CHCB vem preencher uma lacuna na região, ao nível hospitalar do tratamento de doentes oncológicos, que tinham que se deslocar longas distâncias. O projecto, para além de suprir uma carência ao nível do tratamento de pessoas com este tipo de doenças, dá também um novo impulso aos trabalhos do Centro de Investigação de Ciências Médicas (CICS) da Faculdade de Ciências da Saúde da UBI.
Segundo o jornal digital Urbi et Orbi, os pais da iniciativa foram os médicos João Queiroz, da Faculdade de Ciências da Saúde da UBI e Martinez de Oliveira, médico do CHCB. Em declarações ao mesmo jornal o médico José Alberto Fonseca Moutinho, que trabalha no projecto, informou que estão a chegar à unidade um a dois casos de doentes com cancro, por semana. Este médico, que veio do Instituto Português de Oncologia para a Covilhã, adianta que estes «não são casos novos», tratando-se de doentes que «eram assistidas em Coimbra ou Lisboa, uma vez que na região não existia este tipo de consultas nem a possibilidade de tratamento». Uma realidade que está a mudar, mas que, segundo José Moutinho ainda resta muito por fazer.
Porém o mesmo clínico mostra-se muito optimista quanto ao futuro da unidade: «já conseguimos fazer aqui cirurgias, nomeadamente no que respeita a casos de cancro da mama, tratamentos pós-operatórios e também todo o acompanhamento clínico que é necessário nestes casos». O pleno funcionamento da unidade irá poupar aos pacientes deslocações de centenas de quilómetros.
plb

Anúncios

No dia 7 de Abril, sábado, realiza-se em Vale das Éguas, concelho do Sabugal, um passeio de Bicicleta de Todo o Terreno (BTT), denominado «Caminhos do contrabando». A organização é da Associação Amigos de Vale das Éguas, que espera juntar dezenas de participantes na iniciativa.

BTTO passeio de bicicleta terá início às 9 horas, com saída de Vale das Éguas para as Termas do Cró, onde os participantes tomarão o pequeno-almoço. Dali a comitiva parte para a Cerdeira do Côa, localidade onde a Associação Desportiva e Social os Amigos da Cerdeira, que colabora na iniciativa oferece um almoço a todos os participantes.
Da parte da tarde os ciclistas visitam a estação dos caminhos-de-ferro da Cerdeira, dali partindo em direcção ao rio Côa, onde atravessarão a ponte de Sequeiros. O termo do passeio está previsto para as 19 horas, com a chegada a Vale das Éguas. No total os participantes percorrerão cerca de 40 quilómetros pelas belas terras fronteiras ao Rio Côa.
A Junta de Freguesia de Vale das Éguas e a Câmara Municipal do Sabugal apoiam a iniciativa, que terminará com uma sardinhada animada com um festival de acordeão.
Os interessados podem fazer a respectiva inscrição até ao dia 5 de Abril.
plb

O município espanhol de Navasfrias recebeu esta sexta-feira, 30 de Março, da Junta de Castilla y León, um moderno veículo todo-o-terreno equipa para o combate a incêndios florestais.

Veiculo de combate a incendios florestais (Navasfrias)O Capeia Arraiana esteve na cerimónia de apresentação do novo veículo de combate a incêndios florestais do município de Navasfrias (província de Salamanca) que pertence à comunidade autónoma de Castilla y León onde fomos recebidos pelo alcalde, Celso Ramos, homem pragmático e de cultura (fundador da editora livreira Constância-Santillana). O autarca estava naturalmente feliz e em conversa animada com o presidente da Junta de Freguesia dos Fóios, José Manuel Campos, prometeu-lhe: «Um dia que tenhas um incêndio até vamos voando» para a seguir acrescentar em tom mais sério «este carro vai ficar estacionado em Navasfrias, com duas equipas de dois bombeiros que frequentaram um curso de formação mas, se for necessário, vai acudir a sinistros do lado português». Celso Ramos confirmou ter uma excelente relação com as freguesias raianas e com a Cãmara Municipal do Sabugal e em jeito de conclusão sempre foi dizendo «O presidente Rito es un bon paisano!»
A apresentação técnica do Mercedes Unimog esteve a cargo de Ignacio Relaño, chefe do serviço territorial de protecção da Natureza de Salamanca que fez questão de realçar as qualidades do equipamento. «Carregado com 4800 litros de água mais a espuma pesa quase 20 toneladas e por isso tem a velocidade limitada a 90 quilómetros por hora mas pode chegar aos 160. Tem três bombas, alta e baixa pressão e espuma para combate a sinistros com combustíveis e as mangueiras podem debitar entre 20 a 150 litros por minuto». «Já entregámos 14 viaturas desde Dezembro nas nove províncias de Castilla y León. Os municípios suportam os custos de manutenção e das equipas que operam com os veículos e que são recrutadas na localidade».
O ditado português «de Espanha nem bom vento nem bom casamento» teve sempre pouco aproveitamento na região raiana do Sabugal. Os marcos fronteiriços severamente guardados por carabineiros e guardas fiscais nunca foram impeditivos de um bom relacionamento entre os dois lados da fronteira. Os nossos contrabandistas nunca foram criminosos quanto muito praticaram alguns delitos menores à luz da lei vigente apesar de, escondidas entre torgas rosáceas, algumas cruzes talhadas na pedra lembrarem onde os tiros das autoridades fizeram tombar aqueles que só queriam dar de comer aos filhos.
Agora ao passar pela imensa floresta dos baldios fojeiros da Serra das Mesas, preservada com amor pelas equipas de sapadores, sentindo a frescura das nascentes do Águeda e do Côa fica-nos a certeza de ter muito a aprender com os nossos amigos espanhóis.
Os graníticos marcos fronteiriços são testemunhas silenciosas da história ibérica de dois povos que têm quase tudo em comum.
jcl

Segundo a edição de hoje, 30 de Março, do semanário A Guarda, a Câmara Municipal do Sabugal planeia instalar uma exposição histórico-militar no interior do Castelo, com o objectivo de contribuir para aumentar a oferta turística do concelho.

Castelo do SabugalO presidente da Câmara, Manuel Rito, adiantou ao jornal A Guarda que já existe um ante-projecto para a musealização do espaço e que foi pedida a colaboração do Museu Militar, que atendeu à solicitação, tendo enviado já ao Sabugal alguns técnicos que observaram o espaço. O município aguarda agora que o Museu Militar dê uma resposta definitiva, para depois se avançar com o projecto.
Prevê-se que em todos os espaços cobertos do Castelo e nas zonas da alcáçova e descobertas, sejam criados circuitos interpretativos, com exposição de diversos objectos que caracterizam a vida no interior do castelo desde o século XIII ao século XIX.
A ideia, a concretizar-se, dará um contributo para a divulgação do património histórico e cultural do concelho, e captará muitos visitantes, que para além de se deslocarem ao castelo do Sabugal visitarão certamente outros lugares históricos do concelho.
plb

A Festa do Basquetebol atravessou o país na terça-feira, dia 27 de Março, levando até Portimão cerca de um milhar de jovens praticantes. Algumas jovens atletas de basquetebol do concelho do Sabugal associaram-se à iniciativa, que representa uma autêntica festa do basquetebol juvenil.

BasquetebolJovens basquetebolistas dos distritos de Aveiro, Coimbra, Castelo Branco, Guarda, Leiria e Viseu, representando a Região Centro, participam nas provas para selecções distritais masculinas e femininas de sub-14 (iniciados) e sub-16 (cadetes). As provas realizam-se em Portimão, cidade algarvia que será nestes dias a capital do basquetebol juvenil nacional.
Os rapazes e raparigas da Beira, viajaram no denominado Comboio Nacional da Festa, que partiu do Porto e teve paragens em Aveiro, Coimbra e Pombal, seguindo depois para terras algarvias, onde chegou ao final do dia.
Os jovens permanecerão cinco dias em Portimão, onde as selecções regionais entrarão em competição, assim contribuindo para a promoção da modalidade, para além de se estabelecer um espírito festivo que será do agrado dos jovens participantes e dos muitos visitantes que se esperam naquela cidade algarvia.
A iniciativa foi promovida pela Câmara Municipal de Portimão e pela CP, pretendendo-se juntar no mesmo espaço geográfico os melhores praticantes jovens do basquetebol português.
O distrito da Guarda tem na iniciativa representantes de sete equipas, dentre as quais a equipa feminina de basquetebol do Sabugal. Ainda representando o distrito viajaram até Portimão jovens da Guarda, Trancoso, Manteigas, Lameirinhas, Gouveia e Seia
plb

No Dia Internacional do Livro Infantil, que se assinala no próximo dia 2 de Abril, vão desenrolar-se pelo país diversas iniciativas, com a participação de autores de literatura infantil, como é o caso de Manuel António Pina, autor sabugalense.

Manuel António PinaA Câmara Municipal de Loures apresenta, a propósito do Dia Internacional do Livro Infantil diversas iniciativas, que se prolongam por duas semanas. Nesse mesmo âmbito está previsto, no dia 14, um espectáculo de marionetas a partir da obra «O Tesouro», de Manuel António Pina, e uma apresentação do livro «Maldita Matemática», de Álvaro Magalhães.
Na Quinta Pedagógica, em Lisboa, durante todo o mês de Abril os visitantes poderão participar no preenchimento de um livro em branco com frases e desenhos originais.
Já em Beja, na Biblioteca Municipal, decorrerá uma exposição de originais de ilustração de João Caetano, bem como oficinas de expressões, rodas de leitura e sessões de contos.
Estes são apenas alguns exemplos das comemorações da efeméride, que conta com um vasto leque de eventos, sobretudo organizados pelas câmaras municipais, em colaboração com o Ministério da Educação.
O livro infantil vem tendo uma importância crescente na educação das crianças, pelo que assume particular interesse este tipo de iniciativas que se estendem a todo o país.
Manuel António Pina, nascido no Sabugal há 63 anos é para além de autor de literatura infanto-juvenil, poeta e cronista, com vasta obra publicada, premiada e traduzida em diversas línguas.
plb

Vai ter lugar em Aldeia da Ponte, no dia 7 de Abril, sábado, a II Capeia da Páscoa, organizada pela A.J.P. – Associação da Juventude Pontense.

Esteves Carreirinha - Ecos da AldeiaEstas Capeias da Páscoa vão dando seguimento a uma tradição, que teve início há uma série de anos, tendo como objectivos bem definidos, a angariação de fundos para os Balneários do Ringue Desportivo. De certa maneira, todas estas Capeias da Páscoa podiam ser designadas como as Capeias do Desporto ou da Juventude, pois a sua realização permitiu à malta jovem a construção dos Balneários, sendo, posteriormente, esta obra ampliada e melhorada pela Junta de Freguesia, situando-se no “Vale” de Aldeia da Ponte.
A Capeia da Páscoa já granjeou, por mérito próprio, um lugar nas realizações da raia sabugalense, sendo merecedora de bastas presenças dos amigos arraianos, bem como muitos outros, oriundos de outras paragens, dado o gosto angariado, que não resistem, depois de mirarem um primeiro acontecimento deste género, volvendo a quase todos os outros. A paixão pelos touros e encerros, a isso obriga, nada a fazer.
Depois desta «licantina» toda, que não é muita, a Praça de Touros de Aldeia da Ponte, como é bom de ver, vai receber mais um grande espectáculo, que orgulha a raia sabugalense, disso estamos seguros, organizado pela juventude, contando com os touros do Zé Noi, anunciados no programa já disponível.
Como sempre, o objectivo desta Capeia será proporcionar um convívio a preceito, tanto no Encerro como na Capeia propriamente dita, acrescido de alguns encontros inesperados, que acontecem, quando menos se espera, atenuando as saudades, depois de um tempo de separação, seguindo-se, mais para a noitinha, a continuação da festa, jogando muita mais conversa fora, à semelhança da tarde, na Praça, que é uma especialidade de toda a malta, então com um copito à mistura, para retemperar forças, diga-se de passagem, ainda melhor, nada que não seja habitual acontecer durante as Capeias, onde quer que se realizem. E com orgulho arraiano, é a nossa magnifica maneira de vivermos as festas. Quem está de acordo, levanta o braço. Podem baixar…
A Páscoa de 2007, como outras bem recentes, vai ter uma animação, que não será muito diferente de anos anteriores, esperando que todos se sintam bem na nossa Aldeia, assim como todos nós nos sentimos bem, quando visitamos os nossos amigos das localidades vizinhas, num ritual, ano após ano, repetido e esperado.
Estes acontecimentos serão sempre bem-vindos, como todos os de outra índole, pois é um sinal positivo das nossas gentes, trazendo alguma mais valia para a região, que bem merece.
Todos, não somos demais para mexermos um pouco com as tradições das nossas Aldeias e as pessoas, que resistem, fielmente na interioridade, agradecem, disso não tenhamos a mais pequena dúvida.
«Ecos da Aldeia» de Esteves Carreirinha

estevescarreirinha@gmail.com

No último domingo, 26 de Março, a Associação Hípica do Soito organizou um encontro de cavaleiros no sítio do Pissarão, local onde confina o limite da freguesia dos Fóios (Portugal) com o de Valverde del Fresno (Espanha).

Encontro de cavaleiros raianosFoi um autêntico espectáculo! Cerca de 200 cavalos e cerca de 300 pessoas criaram, em plena serra, um mosaico colorido que dificilmente se poderá imaginar. Por volta das 11 horas começaram a chegar os espanhóis, com as borrachas às costas, alegres e radiantes como também o Sol estava. Entre as 11 e as 12 horas chegava gente de todos os lados. Crianças, jovens e adultos marcaram presença. A maioria dos cavaleiros espanhóis eram de Valverde mas havia também de Eljas Navasfrias. Do lado português havia cavaleiros da Aldeia Velha, Foios, Lageosa e Soito que tinha a maior representação. Confesso que várias vezes recordei os nossos antepassados, com particular destaque para os cavaleiros do Soito, que muitas noites passaram nessa zona com os cavalos carregados de minério que procuravam fazer chegar à mina, fictícia, que ainda hoje lá se encontra, e onde nunca se explorou um grama do dito mineral. O importante era alcançá-la.
O restaurante do Beto Martins serviu uma excelente refeição onde não faltou o bacalhau com batata a murro e um excelente assado de borrego. Após o almoço os espanhóis organizaram umas corridas de cavalos à semelhança do que fazem nas festas do S. Blas, por altura do Carnaval.
Na passagem pelos Fóios, por volta das 16 horas, a Junta de Freguesia colocou, no largo da Praça, umas grades de cervejas e sumos num gesto de reconhecimento a todos os participantes.
A Associação Hípica do Soito, a sua congénere de Valverde del Fresno e todos os cavaleiros da raia, especialmente os que participaram, estão de parabéns. Repitam porque valeu a pena.
Viva a Raia!
José Manuel Campos

A cidade dos estudantes recebeu no fim-de-semana de 24 e 25 de Março o Torneio Internacional de Judo de Coimbra 2007 destinado a judocas juniores sub-20. Carla Vaz, do Sporting Clube do Sabugal, perdeu com a vencedora da sua categoria.

A judoca Carla Vaz com o treinador David CarreiraOs atletas nacionais conquistaram 10 medalhas (duas de ouro, uma de prata e sete de bronze) no Torneio Internacional de Coimbra 2007 destinado a juniores sub-20 que se disputou no fim-de-semana de 24 e 25 de Março.
A representante do Sa bugal, Carla Vaz, perdeu na categoria de -63kg o combate de abertura da prova com a atleta francesa que veio a vencer a categoria. A participação da judoca raiana neste torneio com adversárias estrangeiras foi possível por ter alcançado o apuramento para a participação no Nacional de juniores.
Participaram na competição mais de 200 atletas distribuídos por 14 categorias em representação da Espanha, França, Brasil, Israel, Bélgica, Áustria, Noruega, Geórgia, Croácia, Chipre, Tunísia, Estados Unidos e Portugal.
jcl

A Associação Judaica Rosh Pinah, sedeada na Guarda, está a organizar visitas de personalidades e quadros israelitas às Judiarias da Guarda e localidades da Beira Interior com vestígios da presença hebraica.

Bairro Judaico em BelmonteSegundo noticiou ontem, 27 de Março, o jornal As Beiras Online, a iniciativa tem em conta o facto de a Guarda ser a primeira cidade que, em 1981, assinou um acordo de geminação com uma cidade de Israel (Safed) onde é notória a presença de judeus portugueses, principalmente oriundos da Guarda e sua região.
Nesta cidade do norte de Israel, é possível falar Ladino (mistura de português, espanhol e hebraico) e português antigo. Há também uma similitude entre a arquitectura, em pedra, com a malha urbana tradicional da Guarda, as ruas estreitas, além de que Safed é, como a Guarda em Portugal, a cidade mais alta daquele país.
As visitas de israelitas à região compreendem deslocações guiadas ao bairro judeu com explicação da arquitectura, símbolos de cristianização, malha urbana, a presença hebraica na Guarda e suas ligações com as comunidades circunvizinhas.
A divulgação do património hebraica construído e oral, costumes que remanesceram e formas sociais comunitárias são aspectos que a Associação Judaica Rosh Pinah pretende desenvolver.
Além da Guarda, existem Judiarias em Belmonte (a maior comunidade, com a Sinagoga regional e Museu hebraico), Trancoso, Gouveia, Linhares da Beira, Foz Côa, Sabugal, Pinhel, Celorico da Beira, Cogula, entre outras localidades.
plb

O Capeia Arraiana recebeu do Presidente da Junta de Freguesia dos Fóios, com pedido de publicação, uma carta aberta, intitulada «Melhoramentos no complexo desportivo de Fóios», na qual dá conta de obras de vulto naquela aldeia raiana e agradece os trabalhos realizados pela empresa «Chupas & Morrão, SA».

Freguesia dos Fóios (Sabugal)«Tendo em pleno funcionamento o campo polivalente, campo de ténis e balneários restava-nos melhorar o campo de futebol. Os trabalhos tiveram hoje início. Diz o ditado, e muito bem, que uma mão lava a outra e as duas lavam o rosto.
Quando a empresa «Chupas & Morrão, S.A» se apresentou nos Fóios para iniciar os trabalhos da ETAR solicitaram a nossa colaboração necessitavam de um espaço para o estaleiro, de terra com pedra, para enchimento, bem como de umas centenas de carradas de saibro. Prontamente nos prontificámos a colaborar em tudo quanto fosse necessário e possível. Quando os trabalhos já estavam a decorrer, a bom ritmo, contactámos com o Senhor Eng.º Aristides dizendo-lhe que precisávamos de uma pequena ajuda e que muito agradeceríamos caso se dignasse aceder ao nosso pedido.
Fóios - Campo de FutebolAcedeu, na verdade. Veio aos Fóios e fomos ver os locais onde nos poderiam ajudar. Arranjo de um caminho e nivelar e ensaibrar o campo de futebol, foi o que lhe pedimos. Disse-nos o Sr. Eng.º Aristides que iriam colaborar connosco tal como nós colaborámos com a empresa.
Digo, muito sinceramente, que aguardávamos que nos viessem prestar os serviços pretendidos mas não com as máquinas e com os homens que hoje, terça-feira, 27 de Março de 2007, se apresentaram. Niveladora, cilindro, três camiões, uma máquina para carregar o saibro, os respectivos operadores e mais quatro homens. O campo de futebol foi nivelado e já levou cerca de trinta carradas de saibro. Os trabalhos prosseguirão amanhã, quarta-feira, e logo que o campo esteja terminado passaremos aos caminhos.
Interpretando, fielmente o sentimento da população local, quero agradecer, aqui e agora, à empresa «Chupas & Morrão, S.A» na pessoa do seu representante, Senhor Eng.º Aristides, bem com ao Encarregado, Sr. Raul e todos os funcionários da firma que estão envolvidos nesta tarefa e na construção da ETAR que, felizmente, se encontra em fase de acabamentos.

O Presidente da Freguesia de Fóios
José Manuel Campos»

Vai acesa a discussão na Câmara Municipal do Sabugal acerca da carta educativa do concelho, instrumento de planeamento e ordenamento do parque escolar que já deveria ter sido aprovado e homologado em 2006.

Escola Primária do SabugalMetade dos municípios portugueses, entre os quais o do Sabugal, ainda não têm concluído o processo de homologação das cartas educativas, facto que preocupa o Ministério da Educação. Sem as cartas educativas desenhadas os municípios não poderão aceder a verbas europeias no âmbito Quadro de Referência Estratégica Nacional (QREN).
No Sabugal o processo está atrasado e ainda não existe previsão quanto à sua aprovação. Na última reunião do executivo municipal, em 23 de Março, os vereadores envolveram-se em acesa discussão, facto que fez com que a reunião se prolongasse por todo o dia sem que se tivesse chegado a consenso.
Existe desentendimento quanto às escolas que se manterão abertas, face ao encerramento daquelas que têm, ou venham a ter, menos de 10 alunos, uma imposição do ministério impossível de contornar. A ideia é agrupar alunos de diversas aldeias numa única escola, tendo por isso que ser definidas quais as escolas melhor capacitadas para essa função.
plb

Está em estudo a criação de um domínio .xxx para conteúdos pornográficos na Internet. O tema faz parte da agenda da 28.ª reunião internacional do Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN), que decorre em Lisboa desde hoje, 28 de Março, até sexta-feira.

Vint CerfO debate está em curso e é um tema que tem gerado grande controvérsia, havendo quem defenda acerrimamente a criação do domínio e quem lhe dê luta sem tréguas. Foi o norte-americano Vint Cerf, conhecido por «pai da Internet» e presidente do ICANN, que agendou o debate para a reunião de Lisboa, assumindo que a organização está muito dividida nesta temática.
Há quem considere o domínio inapropriado e só por si incentivador da busca deste tipo de sítios. Já os defensores do domínio apontam que será mais fácil colocar sistemas de filtragem e impedir a disseminação dos conteúdos para adultos.
plb

O presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, Fernando Regateiro afirmou ontem, 27 de Março, ao jornal Diário das Beiras que os Serviços de Atendimento Permanente (SAP) «não serão encerrados sem existirem condições alternativas para o atendimento dos doentes». E dentro dos que para já não encerrarão parece estar o SAP do Sabugal.

Fernando RegateiroFernando Regateiro reagiu à divulgação, pela TVI, de uma lista do Ministério da Saúde sobre os SAP que serão encerrados, considerando que a mesma está «desactualizada, não tem valor nenhum e aponta como serviços a encerrar alguns que já não estão em funcionamento».
Antes de qualquer alteração no funcionamento dos centros de saúde haverá diálogo com os autarcas, para identificação das necessidades. Fernando Regateiro deu como exemplo dessa conduta o que aconteceu recentemente em relação ao Centro de Saúde do Sabugal: «quando se analisavam as condições que existiam verificou-se que havia dificuldades em ter tripulação para uma ambulância no Sabugal, pelo que se decidiu adiar as alterações até estarem reunidas as condições».
Essas condições passam também, de acordo com o responsável da ARS, pela alteração do horário de funcionamento dos centros de saúde, que ficarão abertos até mais tarde, de modo a atender as situações agudas, nomeadamente através da criação de Unidades de Saúde Familiar, e pela reorganização da rede de urgências e de transportes. Adianta mesmo que nos casos em que a urgência médico-cirúrgica fica a mais de meia hora de distância «será necessário assegurar que existe um conjunto de respostas antes de se avançar para as alterações de funcionamento dos centros de saúde», como por exemplo o transporte e a reorganização das urgências, declarou o presidente da ARS Centro ao Diário das Beiras.
Segundo o mesmo jornal na Região Centro encerraram os SAP do Centro de Saúde Norton de Matos (Coimbra), Penacova, Condeixa-a-Nova, Vila Nova de Poiares, Soure, Montemor-o-Velho, Penela, Lousã, Miranda do Corvo, Mealhada, Aveiro, Vagos, Santa Maria da Feira, Albergaria-a-Velha, do Centro de Saúde Gorjão Henriques (Leiria), da Extensão de Saúde Sangalhos do Centro de Saúde de Anadia e dos centros de saúde da Guarda e de Viseu.
plb

A Junta de Freguesia do Sabugal vai avançar com a construção de um recinto polidesportivo num terreno próximo do Centro de Saúde. Trata-se de um velho projecto da autarquia que só agora reuniu condições de se tornar realidade.

SabugalDesde que foi desmantelado o velho ringue, defronte ao edifício do Tribunal, onde tantos campeonatos de futebol de 5 foram disputados, que o Sabugal não tem um recinto desportivo ao ar livre. Um pequeno campo cimentado instalado no Outeiro, junto ao cemitério, nunca teve verdadeira utilização, pelo que a Junta de Freguesia lutava desde há muito pela construção de um novo recinto, para que os jovens tivessem um lugar para a prática desportiva durante o período de Verão.
Tal só agora reuniu condições para se tornar realidade após a Junta e a Câmara chegarem a acordo quanto à localização da infra-estrutura. O município cederá um terreno junto ao Centro de Saúde, no qual a Junta construirá o recinto. Para além do campo de jogos, adaptável a diferentes modalidades desportivas, o recinto terá ainda um espaço para desportos radicais e um mini-parque de merendas.
O presidente da Junta de Freguesia, Manuel Rasteiro, explicou ao Capeia Arraiana a demora na implementação do projecto: «A Câmara pretendia que o recinto se situasse no Outeiro, ora nós sabíamos que esse não era o lugar apropriado e lutámos sempre por uma outra localização, o que só agora se tornou possível». Existe já um projecto arquitectónico, pelo que em breve arrancarão as obras do polidesportivo.
plb

O Conselho Directivo da Baldio dos Fóios aposta na limpeza dos caminhos de acesso às áreas de baldio da freguesia, onde existe uma grande valiosa mancha florestal, em grande parte constituída por pinhais.

Limpeza de pinhais nos FóiosA freguesia raiana dos Fóios, no concelho do Sabugal, possui uma grande área de baldio onde existem belíssimos pinhais como, infelizmente, já não se vão vendo em muitas zonas do País. Nesta altura procede-se à devastação de uma área de pinhal e, de acordo com a Lei, couberam à Junta de Freguesia 14 mil euros que vão ser dispendidos no melhoramento de caminhos, que dão acesso ao baldio, e na aquisição de um palco, segundo informou nos informou José Manuel Campos, presidente da Junta de Freguesia.
«Os Técnicos do Núcleo Florestal da Guarda têm desenvolvido um trabalho de reconhecido mérito, nessa área de baldio, e com o presente 4.º quadro comunitário de apoio muito mais e melhor deverá acontecer. O planeamento está a ser feito e acreditamos que dentro de algum tempo possa haver boas notícias. O Governo pretende apostar, fortemente, no meio rural pelo que temos fé e esperança que alguma fatia possa vir para o nosso concelho», declarou o autarca ao Capeia Arraiana.
plb

O Ministério da Saúde vai encerrar mais 43 Serviços de Atendimento Permanente (SAP) dos centros de saúde, além dos 13 que deixaram já de funcionar, segundo uma lista da tutela divulgada hoje, 25 de Março, pela TVI, a qual inclui o Sabugal. Será a valer, ou é só mais uma acha para a fogueira? A acreditar na notícia, no distrito da Guarda só ficam a Guarda, Foz Côa e Seia.

Centro de Saúde de PinhelDe acordo com a lista, elaborada pelo ministério em Agosto do ano passado, o Centro do país vai ser a região mais afectada, perdendo 36 SAP. A região Norte deixa de contar com dez, em Lisboa e Vale do Tejo encerram seis e quatro fecham portas no Alentejo e Algarve.
Dos 56 serviços identificados no relatório, 13 já encerraram, dos quais sete na região Centro, três na região de Lisboa e outros tantos no sul.
O encerramento dos SAP integra-se na polémica reestruturação dos serviços de urgências, que tem motivado protestos um pouco por todo o país.
Ontem, o PSD exigiu a presença do ministro da Saúde, Correia de Campos, na Assembleia da República e ameaçou a abertura de um inquérito parlamentar, a propósito desta matéria.
Segundo a lista agora divulgada no distrito da Guarda fecharão portas os SAP de Aguiar da Beira, Almeida, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Gouveia, Manteigas, Meda, Pinhel, Sabugal e Trancoso.
Luis Carlos Carriço

Algumas dezenas de trabalhadores da Portugal Telecom foram de diversos pontos do país até aos Fóios, para aí almoçarem e conviverem.

Encontro de trabalhadores da PT nos FóiosNo dia 22 de Março um grupo de funcionários da PT esteve a almoçar, no restaurante «El Dorado» nos Fóios, no concelho do Sabugal. O presidente da Junta de Freguesia, José Manuel Campos, serviu de anfitrião, recebendo e acompanhando os convivas, dentre os quais marcou presença o presidente da Comissão de Trabalhadores, Francisco Gonçalves.
O presidente da Junta de Freguesia esteve à fala com o Capeia Arraiana: «são muitas as vezes que funcionários da PT do nosso distrito vêm almoçar aos Fóios e desta vez decidiram reunir aqui personalidades de destaque». José Campos vê com muito agrado estes encontros, pois eles representam muito para a freguesia. A sua realização regular comprova a crescente importância dos Fóios, que continua a ser ponto de encontro de muitos grupos que ali vão saborear a gastronomia local. Tudo isso é um sinal de progresso desejando que venham mais vezes.
Ao meio da tarde o presidente da Junta convidou os visitantes a tomar uma bebida, na sua residência e, aí foi tirada uma fotografia de grupo.
plb

A remoção da ala de buxo que bordejava o patamar defronte dos paços do concelho, no Sabugal, permitiu recuperar o antigo aspecto da velha praça, para além de se reconstruir uma parte do empedrado que a instalação do buxo destruira.

Praça da República - SabugalHá poucos dias foi reposto o aspecto original à velha Praça da República, no Sabugal, onde está sita a Câmara Municipal. A ala de buxo que encimava os degraus da praça foi arrancada e foi reconstruído o pavimento fronteiro aos edifícios da câmara. A calçada da praça foi construída com seixos do rio Côa de diferentes tonalidades, formando diversos painéis, todos com desenhos diferentes e originais. Trata-se de um empedrado único e valioso, que há cerca de trinta anos havia sido danificado, com o levantamento de parte da calçada para ali se colocar uma fila de arbustos.
Os carros que durante décadas ali foram estacionados estavam também a deformar o piso, pelo que a câmara impediu o trânsito naquela parte da praça.
A câmara tem ainda um projecto novo para a praça, que passará pela aquisição de uma tenda gigante, que será ali ocasionalmente instalada para acolher exposições temporárias, nomeadamente feiras de artesanato no período de Verão.
plb

Retomando o tema da vida e da morte, ocorre-nos o facto de, nos últimos tempos, cada um de nós já ter lido, nos media, uma palavra aparentemente nova: tanatologia.

Jesué Pinharanda - Carta DominicalMorte (tanatos) + ciência (logia) vem a ser, em rude definição, a ciência da morte, que se destina a averiguar sobretudo as causas da morte de pessoas, causas essas objecto da antiquíssima prática da autópsia, considerado no âmbito da Medicina Legal.
Confesso que é tema bem obscuro para o subscritor desta carta, que em toda a sua vida só vislumbrou, ainda criança, com outras encarrapitadas num castanheiro, o desmancho total de um homem, cadáver, efectuado no próprio cemitério, à beira da sepultura, na presença da Guarda e os portões do cemitério fechados. Pequeno, pouco vi, mas deu para entender.
Cristina MendonçaAgora, quem sabe de tanatologia tem costela quadrazenha e soitenha. É a doutora Cristina Mendonça, neta do senhor Nunes (do Soito) e da Senhora Dona Ritinha (de Quadrazais). Deste casal nasceram filhos, sendo uma filha, Branca, nascida em Quadrazais e casada em Moçambique, que vem a ser mãe de Cristina de Mendonça (Mendonça por parte do pai, Alcino) que em princípio já não usará o sobrenome dos Pinharandas, mas que tem deles o sangue.
Em diversos jornais têm aparecido artigos e entrevistas com a doutora Cristina, segundo se conclui a nossa mais reputada médica legista, facto atestado pelas missões que, no âmbito da União Europeia e da ONU lhe têm sido cometidas: enviada à Tailândia para identificação das vítimas do tsunami, projecto de exumações no Kosovo e Bósnia, para identificar as mortes eventualmente acontecidas como crimes de guerra, a preparação de especialistas no Kosovo, e idêntica missão no Chile.
Segundo entrevista concedida a um jornal do Porto, a sua vida é um convívio diário com a morte. Em razão do direito à vida, uma vez que as mortes provadamente derivadas de crime serão objecto de julgamento em tribunais internacionais. E eleva a nossa terra.
«Carta Dominical» de Pinharanda Gomes

pinharandagomes@gmail.com

Em São Martinho do Porto fomos encontrar mais um sabugalense. José Cardoso, natural de Malcata, estabeleceu-se nesta vila do concelho de Alcobaça há 17 anos.

À fala com… José CardosoA vida tem destas coisas. O 4.º Encontro de Beirões teve lugar em São Martinho do Porto, a poucos quilómetros de Alcobaça, no restaurante A Pirâmide, de que é proprietário José Cardoso, natural da freguesia de Malcata no concelho do Sabugal.
Ainda menino com a quarta classe acabada de fazer, José Cardoso, rumou a França. O calendário indicava o ano de 1967. Por terras gaulesas, divide-se entre o trabalho e o futebol ao fim-de-semana com outros portugueses. «Cheguei a jogar na Holanda e, claro, no final dos jogos havia sempre petiscos da nossa terra» fez questão de recordar com um brilho nos olhos. Entretanto conheceu a também emigrante Maria Clara Faustino que trabalhava num supermercado e com quem casou. O filho do casal começou desde cedo a brincar com as peças do lego que a mãe ia aos poucos comprando e construiu uma enorme maqueta de uma casa que o avô trouxe para Portugal na bagageira do carro.
Em 1990 dá-se o regresso definitivo após 23 anos em terras de França. Em São Martinho do Porto, terra natal da mulher, compram um terreno à entrada da localidade e constroem um restaurante à imagem da casa de lego do filho ao qual dão o nome de A Pirâmide.
«Estamos abertos 365 dias por ano. Nunca fechamos. Quando temos que nos ausentar fica por cá a minha nora» diz-nos José Cardoso rematando logo de seguida «e a Lisboa só vou para ver o Benfica ou para ir esperar ou levar alguém ao aeroporto».
«Este é o quarto ano que realizamos este convívio. Um dia, aqui no restaurante, eu, o Mário Pinto (de Açores, Celorico da Beira), o Felisberto Matos (de Pinhel) e o Amadeu Leal (da Bismula) tivemos a ideia de tentar reunir os beirões desta zona. Este ano ultrapassámos os 70 participantes e a próxima edição já está marcada para o terceiro sábado de Março» afirma com orgulho. «Se vou a Malcata? Tenho pouco tempo disponível e a casa da minha mãe ficou para uma irmã mas já estou a restaurar uma habitação que comprei recentemente. Sabe… os meus amigos estão por lá!» confessa com nostalgia o sabugalense de São Martinho do Porto.
As especialidades do A Pirâmide são: peixe, peixe e… mais peixe. Grelhado na brasa e sempre muito fresco nesta terra virada ao mar a que uma baía natural dá uma beleza naturalmente muito especial. «E cabeça de cherne grelhada. Já comeu?» questiona-nos a simpática Maria Clara em tom de desafio. Não! Mas ficámos com pena…
jcl

A Câmara Municipal do Sabugal procura soluções para financiar o projecto de recuperação das termas do Cró, podendo o mesmo passar pela constituição de uma parceria com algumas empresas.

Termas do Cró (Sabugal)Segundo o semanário A Guarda, o Município do Sabugal está a estudar a possibilidade de assinar um contrato com a empresa TCN – TramCroNe, Promoções e Projectos Imobiliários, com o objectivo de criar uma sociedade de gestão patrimonial para explorar as Termas do Cró.
O presidente da autarquia, Manuel Rito, disse ao mesmo jornal que se o projecto avançar a câmara ficará com 40 por cento dos activos do capital social da sociedade. Há porém dúvidas quanto à legalidade de uma tal operação pois a haver uma cedência de imóveis municipais à nova sociedade, isso teria de suceder em hasta pública. Assim, se o projecto estudado não for possível de implementar, terão de se procurar outras formas de parceria, havendo para além da empresa referida outras entidades que manifestaram interesse em participar numa sociedade de desenvolvimento do Cró.
Capeia Arraiana soube que o projecto de constituição da sociedade com a TCN, a concretizar-se, passará por esta empresa ficar com 40 por cento do capital e a câmara com igual percentagem, ficando os restantes 20 por cento para investidores locais.
O problema maior é que a Câmara tem apenas a ideia do custo total da obra, baseado num estudo feito há alguns anos pela Comissão de Coordenação da Região Centro, que apontou para 18 milhões de euros. Porém desconhece por agora o valor do investimento necessário na construção do balneário e do hotel, que será a base para a constituição da dita sociedade de desenvolvimento.
plb

A Central Eléctrica de Produção de Biomassa Florestal localizada em Belmonte deverá começar a funcionar em 2009 e irá servir, entre outros, o concelho do Sabugal.

Recolha de desperdicios florestais para central de biomassaEstá previsto para o ano de 2009 o início da produção de energia da Central Eléctrica de Biomassa Florestal localizada no concelho de Belmonte e cuja licença de exploração foi atribuída ao grupo Tavfer.
Fará o aproveitamento de desperdícios florestais decorrentes da limpeza de matas, caminhos e podas de Belmonte e dos concelhos limítrofes como o Sabugal, Penamacor, Guarda e Covilhã. Reduzir o risco de incêndios nas matas e aumentar a rentabilidade das florestas são alguns dos benefícios imediatos em conjunto com a redução das emissões de gases de efeito estufa e da nossa dependência energética do exterior.
O Governo português anunciou recentemente um investimento, até 2010, de 500 milhões de euros em centrais de biomassa permitindo a criação entre 500 e 1000 postos de trabalho.
Em 2006 o concurso público para 15 novas centrais de biomassa florestal (com 100MW de potência total) recebeu 36 candidaturas. A Tave Energia ACE ganhou os lotes 6 e 10 nos distritos de Castelo Branco e Guarda e a Palser ficou com a da Sertã. O objectivo do investimento na produção de energia a partir de biomassa florestal, ou seja, recorrendo a fontes de energia renováveis é aumentar de um por cento em 2005 para cinco por cento em 2010 e atingir os 1275 gigawatts/hora.
jcl

Fui surpreendido pelo convite do Zé Carlos Lages e do Paulo Leitão para escrever uma pequena rubrica todas as Sextas-feiras, versando assuntos relacionados com a nossa raia, festas, tradições, pessoas e tudo o que me aprouvesse abordar, desde que respeitasse os princípios do Blogue, como facilmente se compreende.

Esteves Carreirinha - Ecos da AldeiaEsta participação merecia uma apresentação da minha parte, mas como os temas se aproximavam de datas, que já estavam bem em cima, decidi publicar estes primeiros textos relativos às nossas mulheres de Aldeia, tantas vezes esquecidas, englobando todas as arraianas, numa homenagem ao dia da Mulher, mas que me mereceram estes pequenos escritos, demonstrando que, apesar de muitas vezes esquecidas, também podem contar com o apoio de alguém que delas se lembra, de certo que não será só a minha pessoa, ao passar uma data bem significativa, ou seja o dia da Mulher, o dia 8 de Março.
Depois, mais adiante, vão começar a surgir alguns acontecimentos, que também nos envolvem, uns indirectamente e outros mais a fundo, como sejam as Festas em Honra de Santo António em Aldeia da Ponte-2007, que estamos encarregues de organizar, juntamente com outros Mordomos, que nos vão absorver inúmero tempo, tanto na preparação como na sua realização directa, seja em Junho, verdadeira data da festa do nosso Santo António, como em Agosto onde as festas, apesar de serem para todos, homenageiam os nossos amigos emigrantes, que menos oportunidade têm de se deslocar à terra mãe, durante o ano, aproveitando o mês de Agosto para um retemperamento condigno, nas suas terras, depois de um ano de labuta, nem sempre fácil, tal como, também por cá acontece. No fundo, os que não emigraram para terras longínquas, também são chamados os imigrantes do interior, com a nossa vantagem de estarmos bem mais perto das nossas origens.
Debelados alguns afazeres importantes por toda esta altura, será a hora de recordar acontecimentos, histórias, pessoas e outros assuntos que surgirão, naturalmente, pois matéria não irá faltar ao longo do ano.
Assim seja merecedor da sua confiança, caro amigo cibernauta.
«Ecos da Aldeia» de Esteves Carreirinha

estevescarreirinha@gmail.com

A direcção da ADES-Associação Desenvolvimento Sabugal decidiu assumir a organização da Festa de Verão da Cerveja Alemã que vai decorrer entre 9 e 19 de Agosto no Sabugal.

Festa da CervejaA direcção da ADES reunida ontem, 21 de Março, decidiu por unanimidade, como entidade promotora da ideia assumir a organização da Festa da Cerveja Alemã do Sabugal.
O presidente da ADES, José Robalo, é um dos grandes entusiastas da iniciativa e prevê que durante os 11 dias da feira passem pelo recinto cerca de 20 mil visitantes.
«Está aberto o desafio. É uma boa oportunidade para os empresários de restauração sabugalenses, estejam eles no Sabugal, em Lisboa ou em França se darem a conhecer e promoverem os seus petiscos e as suas especialidades» esclareceu o dirigente associativo ao Capeia Arraiana acrescentando ainda que vão «dar início aos contactos com vista ao arrendamento das 15 tasquinhas estando quatro já reservadas para a autarquia sabugalense». «Queremos ter em paralelo um festival gastronómico com produtos da nossa região e eventualmente uma mostra de artesanato com artesãos locais», concluiu.
O evento vai ter lugar de 9 a 19 de Agosto no campo pelado junto ao Estádio Municipal do Sabugal e estão abertas as inscrições para voluntários que queiram colaborar nas diversas actividades.
Os interessados podem contactar a ADES pela caixa de correio electrónica geral@ades.pt ou pelo telefone 271752056.
jcl

Ducílio Gonçalves Sapinho lidera um grupo de naturais do concelho do Sabugal, que preparam um encontro de beirões a realizar no dia 24 de Março, em São Martinho do Porto, concelho de Alcobaça. (actualização).

São Martinho do PortoA Câmara Municipal do Sabugal apoia a iniciativa, disponibilizando um autocarro para transporte dos que pretendam ir ao convívio de beirões. O encontro visa fortalecer os laços entre os naturais e amigos das Beiras, estando aberto a todos os que queiram participar. A organização preparou mesmo um pequeno folheto de informação, onde expõe ser «qualidade congénita do beirão saber receber, naturalmente e com sinceridade, dedicando amizade e lealdade a quem tal mereça». É por isso que o evento abre portas às pessoas que se revejam nesse espírito beirão.
O encontro consistirá num almoço e num lanche a servir por um restaurante de São Martinho de Porto.
O principal organizador é Ducílio Sapinho, natural do Sabugal e residente em Leiria, podendo ser contactado, para efeitos de inscrição na iniciativa, pelo telefone: 965484782.
O Capeia Arraiana retoma a notícia publicada a 16 de Fevereiro acrescentado que em conversa com o organizador este confirmou que «as inscrições para o Restaurante A Pirâmide já ultrapassaram as 70 pessoas, incluindo cerca de 20 que vêm do Sabugal num mini-autocarro disponibilizado pela autarquia».
plb

Um dos maiores especialistas portugueses em latim e grego, Pinharanda Gomes, deu-nos uma lição de sapiência sobre a palavra «metamorfose».

Lição sobre a palavra «metamorfose»

Jesué Pinharanda Gomes é uma pessoa de trato simples, amigo do seu amigo, sabugalense de espírito puro, uma autêntica enciclopédia viva ou se preferirem uma base de dados com muitos gigas de memória.
É um dos maiores filósofos portugueses vivo e um especialista em grego e latim. Com mais de 200 livros publicados, incluindo o Dicionário de Filosofia Portuguesa editado pela Dom Quixote em 1987, este pensador sabugalense mas acima de tudo quadrazenho, como gosta de se apresentar, deu-nos uma lição de sapiência sobre a origem da palavra «metamorfose» que é uma das questões incluídas no 3.º teste do Campeonato de Língua Portuguesa.
E a conclusão é definitiva. A palavra portuguesa até pode derivar do latim mas… a sua origem é o Grego. Ponto final parágrafo.
Boa sorte para todos os participantes no Campeonato Nacional da Língua Portuguesa e que a luz da Sofia ilumine os elementos da Comissão Técnico-Científica após tantas decisões trapalhonas.
jcl

Os veículos sem seguro envolvidos em acidentes vão poder ser apreendidos e vendidos em hasta pública pelo Estado já a partir do próximo mês de Julho.

Fernando Nogueira - Presidente do Instituto de Seguros de PortugalDe acordo com o Jornal de Notícias o anúncio foi feito na terça-feira, 20 de Março, por Fernando Nogueira, presidente do Instituto de Seguros de Portugal (ISP). O responsável da autoridade de supervisão da actividade seguradora adiantou ainda aos jornalistas que até Junho deverá apresentar ao Ministério das Finanças, que tutela o Instituto, a versão final da proposta, para que entre em vigor no mês seguinte.
De acordo uma proposta provisória que o ISP já elaborou «haverá uma apreensão imediata de veículos envolvidos em acidentes, caso não seja apresentado o documento comprovativo do seguro obrigatório de responsabilidade civil automóvel, quando solicitado pela autoridade competente».
O veículo fica então à ordem do Fundo de Garantia Automóvel (FGA), dependente do ISP. Se ao fim de 45 dias não for provada a existência de um contrato válido de seguro à data do acidente ou não for paga uma caução definida pelo FGA correspondente ao valor do carro este
é vendido em leilão. As verbas revertem para o fundo, que tem em Portugal a responsabilidade de indemnizar as vítimas de danos provocados por carros sem seguro.
Dentro de cinco anos, os capitais mínimos obrigatórios serão de cinco milhões de euros por acidente para danos corporais e de um milhão de euros para danos materiais. Apesar desta subida, Fernando Nogueira entende que os consumidores finais não devem temer encargos substanciais com os seguros porque «não há razões para que se admita que os prémios venham a ter aumentos».
Os últimos dados do ISP, relativos a 2005, revelam que nesse ano houve 7069 acidentes que envolveram automóveis sem seguro (menos 7,42% do que no ano anterior, tendo sido a primeira descida em 25 anos). No total, foram pagos 26,87 milhões de euros de indemnizações e desde que foi criado o FGA este valor tem vindo sempre a aumentar.
jcl

A população da cidade de Pinhel manifesta-se amanhã, 23 de Março, em protesto contra o anunciado encerramento de diversos serviços públicos, dentre os quais o tribunal, as urgências, a zona agrária, a alguns postos da GNR.

Castelo de PinhelO Município de Pinhel e os partidos políticos representados no concelho irmanaram-se na organização de uma manifestação de desagrado, que pretende trazer à rua milhares de pessoas protestando contra o encerramento de serviços públicos no interior.
A concentração está marcada para o início da tarde no centro da cidade, estando prevista a realização de uma caravana automóvel que arrancará até Almeida e Vilar Formoso, seguindo depois pela A25 para a Guarda, de onde regressará a Pinhel.
António Ruas, presidente do Município de Pinhel, empenha-se pessoalmente na acção de protesto, considerando ser importante contrariar a política do governo para com o interior do país.
A Câmara Municipal participou activamente na organização do protesto, colocando numerosos cartazes pelo concelho a anunciar a iniciativa e apelando à população para participar.
plb

Realiza-se nos dias 28 e 29 de Abril a 3.ª Mostra Agro-alimentar do Alto Côa / Festa do Mundo Rural, organizada pela Câmara Municipal do Sabugal, que terá por palco a praça de toiros do Soito e suas imediações.

Praça de Toiros do SoitoCom subordinação ao tema «manifestações da vida rural» o Município do Sabugal realiza na vila do Soito uma mostra de pecuária e das diversas facetas da vida agrícola. Animais, máquinas e alfaias agrícolas, demonstração hípica, desportos radicais, animação de rua e uma tourada à portuguesa, são os principais ingredientes da 3.ª Mostra Agro Alimentar do Alto Côa, também designada pela organização de Festa do Mundo Rural.
A feira pretende divulgar as artes e ofícios tradicionais e as expressões culturais da vida agrícola, promovendo também a economia concelhia. A data da realização, foi escolhida tendo em conta a previsível afluência de pessoas à região tendo em conta o feriado de 1 de Maio.
A mostra decorrerá na praça de toiros do Soito, oficialmente designada por Casa da Juventude, Desporto, Cultura e Lazer. Enquadrada na festa acontecerá, no dia 29 de Abril, uma corrida de toiros à portuguesa com os cavaleiros João Salgueiro e José Manuel Duarte, e com o matador José Luis Gonçalves.
plb

Segundo informa a agência Lusa, a Câmara Municipal do Sabugal pretende transformar as habitações sociais num pólo de formação profissional voltado para o mundo rural e o ambiente.

Bairro de Habitações Sociais no SabugalManuel Rito, presidente da Câmara Municipal do Sabugal, disse à agência Lusa que pondera a possibilidade de instalar na sede do concelho um centro de formação profissional nas antigas habitações sociais, em alternativa à venda dos edifícios. A iniciativa poderá contar com a parceria da Associação para a Formação Tecnológica e Profissional da Beira Interior (AFTEBI), com sede na Covilhã.
A aposta formativa será no turismo rural, cinegética, qualidade ambiental, energias renováveis e manutenção industrial de equipamentos associados às tecnologias ambientais e energéticas.
«A decisão já foi aprovada em reunião de câmara», disse o autarca à Lusa, acrescentando que para a concretização do projecto quer aproveitar as antigas habitações sociais, que se encontram devolutas. «As casas seriam utilizadas como sala de aulas e residências de estudantes, e as garagens como oficinas», explicou. Acrescentou ainda que este projecto pode ser «um passo em frente para a fixação de pessoas e na qualificação dos habitantes do concelho».
Caso o projecto não se concretize com a parceria da AFTEBI, a autarquia poderá procurar um acordo com a Escola Secundária do Sabugal para aí se ministrarem cursos técnico-profissionais. Outra opção é a venda das habitações.
A construção das 27 habitações sociais arrastou-se durante 12 anos, até que a câmara decidiu, em data recente, tomar posse administrativa do empreendimento face à falta de responsabilidade da empresa construtora.
plb

O Partido Socialista vai discutir na Guarda a Região Centro, tendo convidado o Professor Gomes Canotilho, da Universidade de Coimbra, que proferirá uma conferência na abertura dos trabalhos, estando o encerramento a cargo do Ministro do Ambiente, Nunes Correia.

Gomes CanotilhoAs Federações Distritais do Partido Socialista da Guarda, Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Leiria e Viseu realizam no dia 31 de Março, sábado, na cidade da Guarda, uma conferência/debate subordinada ao tema «A Região Centro».
O encontro, aberto ao público, realiza-se na sala de Sessões da Assembleia Municipal e inicia-se pelas 14 horas e trinta minutos com a intervenção do Professor Gomes Canotilho, que é natural de Pinhel. Segue-se depois o debate, organizado em dois painéis, com os temas «turismo e economia» e «recursos regionais e desenvolvimento». Na sessão de encerramento, prevista para as 18 horas e trinta minutos, intervirá o Professor Nunes Correia, Ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Desenvolvimento Regional. Para os diferentes painéis foram convidados intervenientes de todos os dristritos representados pelas federações do PS que organizam a iniciativa.
Segundo Fernando Cabral, presidente da Federação da Guarda do PS, não se trata de, declaradamente, debater a Região Centro no quadro da regionalização, mas assume que os presidentes das federações da região se vêm encontrando regularmente, e que a iniciativa se vai repetir pelas outras capitais de distrito. «Quer no âmbito do Quadro de Referência Estratégica Nacional, quer no da organização da administração pública, fala-se sempre na Região Centro, pelo que faz todo o sentido discutir o futuro desta região», disse ao Capeia Arraiana Fernando Cabral.
plb

O primeiro festival de Verão do nosso concelho já tem data marcada. Decorrerá entre 9 e 19 de Agosto junto ao Estádio Municipal, denomina-se a «Grande Festa da Cerveja do Sabugal» e inspira-se na Oktoberfest de Munique.

Rochita, Rui Monteiro, José Robalo e Wolfgang Krämer no TrutalCôaO espírito alemão da Oktoberfest (Festa de Outubro) de Munique vai chegar ao Sabugal este Verão. A festa nacional alemã da cerveja é um acontecimento histórico que se iniciou em 1810 por ocasião das celebrações populares do casamento do Rei Luís I da Baviera, tem a duração de duas semanas e acolhe todos os anos cerca de seis milhões de visitantes provenientes de todo o Mundo.
O Capeia Arraiana está em condições de avançar, em primeira mão, com a confirmação da realização entre 9 e 19 de Agosto da «Grande Festa da Cerveja Alemã do Sabugal».
O empresário alemão, Wolfgang Krämer, esteve de visita ao concelho onde conversou com os promotores da ideia e com responsáveis da autarquia sabugalense que acolheram a iniciativa com entusiasmo disponibilizando-se para todo o apoio logístico. A Câmara colabora na organização do evento com a cedência do campo pelado junto ao Estádio Municipal e o fornecimento de todas as infra-estruturas necessárias (água, electricidade e saneamento) apostando na promoção turística do concelho em Portugal e Espanha.
O recinto, com entrada livre, abrirá às 18 horas com divertimentos pensados para as famílias e para jovens de todas as idades. Espectáculos diários com orquestra permanente e animação com palhaços, humoristas, parque infantil com escorregas insufláveis para os mais novos e muitas surpresas estão a ser preparados pela organização que irá contar com a colaboração de cerca de três dezenas de voluntários.
O centro da festa é uma grande tenda onde tudo pode acontecer. Qualquer um em qualquer momento pode levantar-se e gritar «Um, Dois, Três, Beber» e todos os presentes pegam na jarra de cerveja, brindam e bebem. Uma das cervejas mais famosas da Baviera, a «Paulaner Munique», fabricada por meios artesanais e caracterizada pela cor adquirida na baixa fermentação vai poder ser saboreada em exclusivo na festa do Sabugal. E claro, uma festa alemã para estar completa precisa de… salsichas, muitas salsichas vindas directamente da Alemanha.
Uma das imagens de marca são as t-shirts com a inscrição «Eu sobrevivi à Festa da Cerveja» que todos fazem questão de comprar e usar durante o festival.
A edição de um jornal gratuito com tiragem de 100 mil exemplares noticiará o evento e publicitará as empresas aderentes que ocupam as tendas de formato árabe que irão estar espalhadas pelo recinto com gastronomia regional (trutas, cabrito e enchidos) ou artesanato.
É uma grande aposta na promoção e desenvolvimento do Sabugal enquanto destino turístico para portugueses e espanhóis.
jcl

No ano em que a GNR duplica os efectivos do Grupo de Intervenção de Protecção e Socorro (GIPS) e em que se alarga a sua área de intervenção, o distrito da Guarda continua fora dessa abrangência.

GIPS da GNRO GIPS terá este ano 700 elementos preparados para o combate aos fogos florestais e socorro às populações. O sucesso da sua acção em 2006, expresso nas 890 operações a que foram chamados e na extinção de 848 incêndios por sua conta, levaram ao reforço de efectivos e de meios.
Também a área geográfica do GIPS será alargada. Em 2006 abrangia apenas cinco distritos (Vila Real, Viseu, Coimbra, Leiria e Faro) mas este ano passará também a intervir em Viana do Castelo, Braga, Porto e Aveiro.
De fora da área operativa do GIPS continua o distrito da Guarda, mau grado ser um dos distritos mais fustigados pelos incêndios. O mesmo sucede com Castelo Branco, que também não esta abrangido pela actuação permanente do GIPS.
plb

Campeonato Nacional da Lingua Portuguesa - 2007Terceira e última parte do terceiro teste do «campeonato nacional da língua portuguesa 2007». Atenção à data limite para entrega: quinta-feira, 22 de Março.

Quantas palavras erradas encontra neste texto?
Resposta: C ou D.

21. Indique a palavra correcta:
Resposta: A ou B.

22. Assinale a frase correcta:
Resposta: B ou C (muitas dúvidas).

23. «Armento» é um nome colectivo que significa um conjunto de:
Resposta: A ou B.

24. Qual destas palavras tem origem árabe:
Resposta: A ou B (com dúvidas).

25. Qual o significado de «à matroca»:
Resposta: A ou B.

26. Qual a frase correcta:
Resposta: B ou C.

27. «Picanço» significa:
Resposta: A ou C.

28. Nas acepções seguintes, indique qual é aplicável à palavra «arriar»:
Resposta: C ou D (com dúvidas).

29. Diga qual a opção em que as palavras estão correctamente escolhidas:
Resposta: B ou C (com dúvidas).

30. Qual o superlativo absoluto sintético de «benéfico»:
Resposta: B ou C.

Chegámos ao fim. Boa sorte para todos.
jcl

JOAQUIM SAPINHO

DESTE LADO DA RESSURREIÇÃO
Em exibição nos cinemas UCI

Deste Lado da Ressurreição - Joaquim Sapinho - 2012 Clique para ampliar

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 836 outros seguidores

PUBLICIDADE

CARACOL REAL
Produtos Alimentares


Caracol Real - Produtos Alimentares - Cerdeira - Sabugal - Portugal Clique para visitar a Caracol Real


PUBLICIDADE

DOISPONTOCINCO
Vinhos de Belmonte


doispontocinco - vinhos de belmonte Clique para visitar Vinhos de Belmonte


CAPEIA ARRAIANA

PRÉMIO LITERÁRIO 2011
Blogue Capeia Arraiana
Agrupamento Escolas Sabugal

Prémio Literário Capeia Arraiana / Agrupamento Escolas Sabugal - 2011 Clique para ampliar

BIG MAT SABUGAL

BigMat - Sabugal

ELECTROCÔA

Electrocôa - Sabugal

TALHO MINIPREÇO

Talho Minipreço - Sabugal



FACEBOOK – CAPEIA ARRAIANA

Blogue Capeia Arraiana no Facebook Clique para ver a página

Já estamos no Facebook


31 Maio 2011: 5000 Amigos.


ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ASSOCIAÇÃO FUTEBOL GUARDA

ESCOLHAS CAPEIA ARRAIANA

Livros em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Memórias do Rock Português - 2.º Volume - João Aristides Duarte

Autor: João Aristides Duarte
Edição: Autor
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)
e: akapunkrural@gmail.com
Apoio: Capeia Arraiana



Guia Turístico Aldeias Históricas de Portugal

Autor: Susana Falhas
Edição: Olho de Turista
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



Música em Destaque - Escolha Capeia Arraiana
Cicatrizando

Autor: Américo Rodrigues
Capa: Cicatrizando
Tema: Acção Poética e Sonora
Venda: Casa do Castelo (Sabugal)



SABUGAL – BARES

BRAVO'S BAR
Tó de Ruivós

Bravo's Bar - Sabugal - Tó de Ruivós

LA CABAÑA
Bino de Alfaiates

La Cabaña - Alfaiates - Sabugal


AGÊNCIA VIAGENS ON-LINE

CERCAL – MILFONTES



FPCG – ACTIVIDADES

FEDERAÇÃO PORTUGUESA
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS


FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas - Destaques
FPCG-Federação Portuguesa Confrarias Gastronómicas Clique para visitar

SABUGAL

CONFRARIA DO BUCHO RAIANO
II Capítulo
e Cerimónia de Entronização
5 de Março de 2011


Confraria do Bucho Raiano  Sabugal Clique aqui
para ler os artigos relacionados

Contacto
confrariabuchoraiano@gmail.com


VILA NOVA DE POIARES

CONFRARIA DA CHANFANA

Confraria da Chanfana - Vila Nova de Poiares Clique para visitar



OLIVEIRA DO HOSPITAL

CONFRARIA DO QUEIJO
SERRA DA ESTRELA


Confraria do Queijo Serra da Estrela - Oliveira do Hospital - Coimbra Clique para visitar



CÃO RAÇA SERRA DA ESTRELA

APCSE
Associação Cão Serra da Estrela

Clique para visitar a página oficial


SORTELHA
Confraria Cão Serra da Estrela

Confraria do Cão da Serra da Estrela - Sortelha - Guarda Clique para ampliar



SABUGAL

CASA DO CASTELO
Largo do Castelo do Sabugal


Casa do Castelo


CALENDÁRIO

Arquivos

CATEGORIAS

VISITANTES ON-LINE

Hits - Estatísticas

  • 3.153.441 páginas lidas

PAGERANK – CAPEIA ARRAIANA

BLOGOSFERA

CALENDÁRIO CAPEIAS 2012

BLOGUES – BANDAS MÚSICA

SOC. FILARM. BENDADENSE
Bendada - Sabugal

BANDA FILARM. CASEGUENSE
Casegas - Covilhã


BLOGUES – DESPORTO

SPORTING CLUBE SABUGAL
Presidente: Carlos Janela

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Gomes

KARATE GUARDA
Rui Jerónimo

BLOGUES RECOMENDADOS

A DONA DE CASA PERFEITA
Mónica Duarte

31 DA ARMADA
Rodrigo Moita de Deus

A PÁGINA DO ZÉ DA GUARDA
Crespo de Carvalho

ALVEITE GRANDE
Luís Ferreira

ARRASTÃO
Daniel Oliveira

CAFÉ PORTUGAL
Rui Dias José

CICLISMO SERRA ESTRELA
Sérgio Paulo Gomes

FANFARRA SACABUXA
Castanheira (Guarda)

GENTES DE BELMONTE
Investigador J.P.

CAFÉ MONDEGO
Américo Rodrigues

CCSR BAIRRO DA LUZ
Alexandre Pires

CORREIO DA GUARDA
Hélder Sequeira

CRÓNICAS DO ROCHEDO
Carlos Barbosa de Oliveira

GUARDA NOCTURNA
António Godinho Gil

JOGO DE SOMBRAS
Rui Isidro

MARMELEIRO
Francisco Barbeira

NA ROTA DAS PEDRAS
Célio Rolinho

O EGITANIENSE
Manuel Ramos (vários)

PADRE CÉSAR CRUZ
Religião Raiana

PEDRO AFONSO
Fotografia

PENAMACOR... SEMPRE!
Júlio Romão Machado

POR TERRAS DE RIBACÔA
Paulo Damasceno

PORTUGAL E OS JUDEUS
Jorge Martins

PORTUGAL NOTÁVEL
Carlos Castela

REGIONALIZAÇÃO
António Felizes/Afonso Miguel

ROCK EM PORTUGAL
Aristides Duarte

SOBRE O RISCO
Manuel Poppe

TMG
Teatro Municipal da Guarda

TUTATUX
Joaquim Tomé (fotografia)

ROTA DO CONTRABANDO
Vale da Mula


ENCONTRO DE BLOGUES NA BEIRA

ALDEIA DA MINHA VIDA
Susana Falhas

ALDEIA DE CABEÇA - SEIA
José Pinto

CARVALHAL DO SAPO
Acácio Moreira

CORTECEGA
Eugénia Santa Cruz

DOUROFOTOS
Fernando Peneiras

O ESPAÇO DO PINHAS
Nuno Pinheiro

OCEANO DE PALAVRAS
Luís Silva

PASSADO DE PEDRA
Graça Ferreira



FACEBOOK – BLOGUES

Anúncios