O novo sistema operativo da Microsoft, Windows Vista e o pacote Office 2007 estão oficialmente à venda desde a meia-noite. Bill Gates abre mais uma janela com Vista para o futuro.

Windows VistaEm Portugal a Microsoft fez o lançamento oficial do novo Windows às 22 horas do dia 29 de Janeiro na loja Fnac do Centro Comercial Colombo, em Lisboa. O primeiro português a adquirir a nova versão para utilizadores comuns no primeiro minuto do dia 30 foi o jogador do Benfica, Simão Sabrosa, convidado especial da filial portuguesa da empresa de Bill Gates.
O comunicado promocional da Microsoft Portugal descreve o Windows Vista como tendo «uma utilização mais fácil, mais segura, mais divertida e mais ligada em casa, no trabalho ou… no trânsito».
Facilidade com o novo Office 2007, com o motor de busca instantâneo, com a janela 3D, com a galeria de fotos e o explorador de jogos. No capítulo da segurança o programa vem com o Windows Defender, cópia de segurança automática, o Doc Inspector e o Internet Explorer 7 com controlos mais evidentes. No divertimento estão disponíveis novas versões das tecnologias multimédia como, por exemplo, Windows Media Center, Windows Media Player 11, Movie Maker HD e o DirectX 10. Por fim as novas valias da mobilidade permitem-nos usufruir mais intensamente dos equipamentos portáteis com o Meeting Space, o Mobility Center e integração de serviços de correio electrónico, SMS e RSS.
O Windows Vista Home Premium foi posto à venda por 269 euros e o Windows Vista Ultimate por 439 euros. As versões integrais custam, respectivamente, 399 e 669 euros. As versões Casa e Estudante do Microsoft Office 2007 custam 189 euros.
Na ocasião o director de operações e marketing da Microsoft Portugal, Carlos Lacerda, aproveitou para informar o desenvolvimento do sistema operativo Windows Vista e do pacote de aplicações Office 2007 representou o maior investimento de sempre da Microsoft.
jcl

Anúncios